Restaurante Jiló, de Itacaré, representado em Festival de Salvador.

O uso do fogo é uma técnica rudimentar que vem ganhando novos apreciadores no mundo da gastronomia. Normalmente associado ao preparo do tradicional churrasco de fim de semana, o método é muito utilizado no cozimento de carnes diversas mas também permite o preparo de outros pratos. Esta nova experiência gastronômica é o que promete o festival Fogo Premium BBQ, que acontece neste sábado, das 14h às 22h, no Trapiche Barnabé para um seleto grupo.

Durante oito horas, 24 chefs de todo o Brasil, incluindo 14 baianos, vão se revezar no preparo de cortes seletos de carnes de cordeiro, leitão (ambos inteiros), frango caipira, peixes e linguiça de bode. Tudo exposto em varais. “Queremos tirar o visitante da sensação de mesmice”, afirma Bruno Boscolo, um dos sócios do festival. “A ideia é fazer um tributo ao ato de assar os alimentos utilizando técnicas à base do fogo”, afirma.

“Vão ter desde cortes triviais a novos tipos de preparo, pensando em criar uma identidade da Bahia e usar utensílios diferentes”, garante Caco Marinho, também chef do Doc American

Time de chefs

“O Fogo vai organizar uma técnica considerada primitiva de um modo sofisticado e elegante”, conta o chef Caco Marinho. Além dele, também participam do evento os chefs Rafael Zacarias, responsável pelo Bravo Burguer & Beer, Dudu Prado, do Lafayette, Fabrício Lemos, do restaurante Origem, e Carla Marzolla, da hamburgueria Cazolla.

“O público vai descobrir acompanhamentos diferentes, que fogem do comum. Os chefs foram desafiados a proporcionar uma experiência diferenciada”, promete Caco.

Para deixar o ambiente mais agradável, dentro de um clima mais rudimentar, o festival ganha uma temática que remete ao velho oeste do Texas Americano.

Segundo Caco Marinho, BBQ, 99% das carnes de boi do evento vão ser da raça Aberdeen Angus e onze cortes disponíveis. O 1% restante fica por conta do boi Wagyu, disponível em dois cortes.

Além da parte gastronômica, o festival vai reunir três artistas que vão cuidar da parte musical: Clariana, Os My Friends e Jokermen, com um cover do cantor Bob Dylan.

Vegano

 O cardápio do festival não se restringe aos amantes de carne e conta com opções para vegetarianos e veganos.

Assinado pelo chef Ícaro Rosa, responsável pelo restaurante Jiló em Itacaré e com u personalidade marcada pelo uso da brasa para preparar os seus pratos, a estação vegetariana vai apresentar um churrasco de vegetais.

Duas opções de pratos serão elaboradas. Para os mais puristas a pedida são vegetais na brasa, mas a estação também conta com vegetais feitos na panela wok (frigideira redonda com as laterais mais altas e arredondadas) e molho curry.

As comidas vão ser preparadas com utensílios diferenciados, como é o caso da lenha de aroeira (utilizada para assar), a lenha de goiabeira (usada na defumação) e o uso da flor de sal, refinado no tempero de carnes.

 Mas apesar de todas as especialidades, o festival Fogo Premium BBQ, está voltado para um seleto grupo disposto apagar 180 reais para viver essa experiência gastronômica.

 | Serviço |

F.O.G.O – premium BBQ

Quando: sábado, das 14h às 22h

Quanto: R$ 180 (open bar e open food)

Onde: Trapiche Barnabé

*Sob a supervisão da jornalista Márcia moreira


Comentários

Deixar uma Resposta