Prova de ciclismo de 200 km é realizada na região cacaueira.

Uma prova de ciclismo aconteceu no domingo, 12, nas estradas de região. Trata-se do Audax, um tipo de competição onde o que importa é concluir o percurso dentro do tempo estabelecido, independente da ordem de chegada dos competidores.

Com 200 km de extensão e largada às 5:00 horas da manhã em Itabuna, cabia aos atletas vir para Ilhéus, depois para Uruçuca, dirigir-se até o trevo desta cidade com a BR 101, retornar até o entroncamento de Itajuípe e seguir até o posto Nego Véio, em Itabuna. A partir daí, o ciclista retornaria no sentido inverso, refazendo todo o percurso para terminar em Itabuna, onde deveriam chegar até 18:30h, completando a prova dentro do tempo máximo de 13 horas e meia.

Estiveram presentes na competição ciclistas dos municípios de Vitória da Conquista, Itapé, Eunápolis, Poções, Ubaitaba, Ilhéus, Pau Brasil, Uruçuca e de Itabuna. A competição contou com a presença de duas ciclistas.

Ao todo, dezoito ciclistas completaram validamente a prova, incluindo as duas mulheres que estavam inscritas, habilitando-os a competir na etapa seguinte do Audax, de 300 km de extensão.

Cinco ciclistas de Ilhéus concluíram a prova: Davi Stanley, Julio Gomes, Leandro Sprotte, Rui Xavier e Simone Barreto.

Representaram Itabuna os atletas Carlos de Jesus, Dinarte Cruz, Fábio Lopes e Francisco Alves.

O Audax 200 foi realizado pelo clube Audax Sul Baiano, sediado em Itabuna, que promete realizar novas provas de ciclismo com percurso de 200, 300 e 400 km, todas no ano de 2021, com largada e chegada em Itabuna.


Comentários

Os comentários estão fechados.