O músico baiano Edson Gomes fez comentários ácidos em entrevista à revista Muito do jornal A TARDE deste domingo. Ele começou dizendo que Bob Marley, um ícone do reggae no mundo, “é um babaca” e, explicou os motivos da declaração. “Veja, é meu cantor preferido no lado social. Mas, quando você busca a linha filosófica, só diz besteira. É um palhaço. E não sou apenas eu que digo isso. Quem estuda Bob Marley sabe”, disse o reggaeman baiano. Mas as críticas não ficaram por ai, ele disparou também contra a música baiana. “Sempre fiz música para passar uma mensagem. É diferente do axé, que nunca quis dizer nada. Eles quiseram apenas fazer fortuna, enganar as pessoas”, pondera Edson Gomes, acrescentando que “Não escuto música baiana. O que eles têm de bom é essa estrutura de gravação, distribuição de shows. Nas músicas, optam pelo vazio”, completa o polêmico músico, que em entrevista ao Bahia Notícias já disse ter criado termo “sofrência” e que novo estilo “induz a tomar veneno de rato”. Para equilibrar com o conteúdo ácido das declarações, o músico falou sobre seu futuro e admitiu arrependimento. “Gastei uma parte da minha vida artística numa rivalidade idiota com Sine Calmon. Disputávamos espaço e público. E tudo era bobagem”, disse Edson Gomes. Por telefone Sine Calmon respondeu de maneira descontraída. “É mais ou menos o que existe hoje com Ivete Sangalo e Claudia Leitte. Ele é Vitória. Eu sou Bahia. Mas nos gostamos. Ele é uma referência como artista”, disse Calmon. (Bahia Notícias)


 
A atleta Fabrine Conceição dos Santos, atual campeã brasileira sub-23 de vôlei de praia, esteve visitando sua família em Ibiaçu, distrito de Maraú. Fabrine Conceição Santos que é natural de Ibiaçú, começou no vôlei aos 17 anos. Ela foi levada pelo tio Paulo Frank que também é atleta.
 
A Marauense iniciou sua carreira na escolinha da Ivanise em Salvador e de lá para cá começou a colecionar títulos. Fabrine acabou de se sagrar campeã da terceira etapa do Circuito de Vôlei de Praia Challenger, em Rondonópolis (MT). Atualmente a atleta faz parte da equipe de Rejane ex atleta e referência nacional em revelação de talentos no esporte. A atleta Fabrine está desde fevereiro treinando , na Sede do Calabouço, um centro de treinamento do Vasco da Gama, um espaço com uma estrutura de primeiro mundo.( Jornal Tribuna da Região)

O grupo Anjo Azul promoverá um bazar solidário com samba e venda de bebidas em prol dos animais resgatados vítimas de abandono e maus tratos em Itacaré. Participe, ajude. Os animais agradecem.

 
Você pode doar para o bazar tudo que não quer mais:
– Roupas, perfumes, acessórios, bolsas, chapéus e bonés, bijuterias, livros, eletrodomésticos, eletrônicos, brinquedos, itens de decoração e etc.
Tem uma empresa? Doe algum produto que possa ser vendido no bazar.
* Empresas que doarem acima de R$ 50,00 em produtos ou em dinheiro terão sua marca divulgada em cartazes, panfletos e Facebook.
Obs.: Todo o valor em dinheiro arrecadado até a data limite serão utilizados para confecção de produtos personalizados como camisas e canecas para venda.
* No dia do Bazar também haverá feirinha de adoção.
Pontos de coleta:
Albergue O Pharol (Praça dos Cachorros)
Disk Coleta: (73) 9812-9538 / 9825-4455/9124-4859
* Prazo de coleta até 15/04.
1781952_461828037307628_3054994586936697502_n
10389492_461828003974298_6686450639239534922_n

Muito conhecido nas noites Itacareenses, o cantor e compositor Marcos Abaga, lançou seu mais novo projeto, que trás cinco novas canções autorais, que traduz um pouco da vida do cantor, do cotidiano, e as belezas naturais de Itacaré. Ouça, curta e se emocione com esse novo projeto: Para ouvir é só clicar no link abaixo:

 http://m.palcomp3.com/marcosabaga/


Contagem regressiva para o inicio da segunda edição da Mostra de Cinema Multicultural – Cinemulti em Itacaré. Nesta edição, que acontece entre os próximos dias 17 e 21, serão exibidos 50 curta-metragens e 5 longas, todos nacionais, especialmente produções baianas. São filmes recentes e que estão rodando mostras e festivais no Brasil e em vários países, arrematando premiações em diversas categorias.

Após as exibições serão realizados bate-papos com atores, diretores e equipe técnica dos filmes. Entre os convidados estão Bernard Attal, diretor de A Coleção Invisível e João Rodrigo Mattos, diretor de Trampolim do Forte. Edson Bastos, Pedro Perazzo e Henrique Filho, diretores dos premiados curtas Joelma, Menino da Gamboa e O Filme de Carlinhos respectivamente, também estarão nas exibições.

Assim como aconteceu com a primeira edição, a mostra é itinerante dentro da cidade. A cada dia as exibições serão em um local público diferente. O objetivo, segundo Juliana Machado, coordenadora do evento, é levar o cinema para as ruas, para alcançar um público que não é familiarizada com cinema, em uma cidade que sequer possui salas de exibição. “A população local que transita pelos bairros é primeiramente atraída pela instalação inusitada em plena praça pública e, depois de observar por alguns minutos, é ‘fisgada’ pelo tema exibido na tela, cuja identificação imediata transforma um simples curioso em expectador”, explica Juliana.

Durante os dias da Mostra serão oferecidas oficinas e workshops em capacitação audiovisual, assim como as exibições, as oficinas serão gratuitas. As inscrições ficam abertas até o dia 15 e podem ser realizadas preenchendo o formulário de inscrição no blog da Mostra. Serão oferecidas 20 vagas para cada oficina e certificado àqueles que a concluírem, cada uma possui carga horária de 20 horas As opções são: Cinema e Educação (voltada para professores), ministrada por Marialva Monteiro; Cine Upload – Produção Audiovisual para Novas Mídias, com Flávio Rebouças; Elaboração de Projetos Culturais, com Edson Bastos e Formação de Cineclube, com Márcia Nunes.

A Mostra tem o apoio da Lei de Incentivo a Cultura (Lei Rouanet – Incentivo Fiscal), Patrocínio do Banco do Nordeste e Realização do Ministério da Cultura e Governo Federal. Para ver a programação completa e adquirir ais informações acesse cinemulti2015.blogspot.com.br ou facebook/cinemulti.


Esta frase faz menção a morte do jovem de 28 anos, Marcos Santos Novaes. Ele juntamente com a namorada saia da festa quando sofreu um acidente na Avenida Rio Branco, centro de Ipiaú. Marcos bateu a cabeça num poste de energia elétrica, quebrou uma perna e um braço e faleceu cerca de três horas depois no Hospital Prado Valadares, em Jequié. A namorada dele, Jaiane Souza também ficou ferida. O seu estado de saúde não foi divulgado.

Dentro do espaço da festa, os cerca de 40 policiais militares mantiveram a ordem no evento. No mesmo dia em que cantaria em Ipiaú, Igor Kannário realizaria um show também em Ilhéus, distante cerca de 120km. Mas, o evento foi cancelado após a juíza proibir a entrada de menores na festa. Vale ressaltar que em Jequié, o artista também não conseguiu se apresentar. Os principais clubes da cidade não aceitarão o show do cantor, por acreditarem que ele incita a violência. (Giro em Ipiaú)

CONFIRA O MOMENTO NO VÍDEO ABAIXO: