Representantes da Prefeitura de Itacaré participaram nesta terça-feira, no Centro Estadual de Educação Profissional (CEEP) Álvaro Melo Vieira, em Ilhéus, de uma oficina promovida pela Secretaria Estadual do Meio Ambiente (Sema) sobre Gerenciamento Costeiro na Bahia – Construindo Estratégias para o Gerenciamento Costeiro na Bahia (Gerco-BA). O objetivo do trabalho foi propiciar um espaço de construção coletiva para as ações do Programa Gerco, em busca de sugestões e propostas necessárias para a elaboração dos Planos Municipais de Gerenciamento Costeiro (PMGC).
De Itacaré participaram da oficina os secretários municipais de Meio Ambiente, Paulo Baracho, e de Desenvolvimento Urbano, Ademar Sá, além dos técnicos das duas secretarias que estarão lidando diretamente com o gerenciamento costeiro no município. De acordo com Paulo Baracho, o encontro foi importante não somente por aprofundar mais no projeto de gerenciamento, como também definir as diretrizes e a forma de atuação, já que a proposta do Gerco é não somente atuar nas praias, mas também envolve uma série de questões ambientais no município, além de discutir sobre o Plano Municipal de Saneamento Básico, Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano, dentre outras ações de gerenciamento da costeiro na Bahia
A oficina foi destinada aos gestores municipais, representantes do Poder Público Federal (SPU, MMA. IBAMA, ICMBio), servidores estaduais e segmentos da sociedade civil organizada. Também foi aberta aos pescadores, marisqueiras, empreendedores, representantes de povos e comunidades tradicionais, além das universidades. Uma das propostas da equipe da Prefeitura de Itacaré foi a realização da próxima oficina no município para aprofundar ainda mais as questões do gerenciamento costeiro, dando prioridade às equipes que participaram do evento em Ilhéus e abrindo espaço para os questionamentos da comunidade.
As atividades da oficina da última terça-feira incluíram os municípios de Itacaré, Uruçuca, Itabuna, Una, Canavieiras e Santa Luzia. No início do mês, a Sema realizou a oficina em Valença, município do Baixo Sul da Bahia e os municípios convidados foram Cairu, Taperoá, Nilo Peçanha, Ituberá, Igrapiúna, Camamu e Marau. (Secom/Itacaré)


Carteira Nacional de Habilitação (CNH) vai mudar novamente e abandonar o formato em papel para sempre para virar um cartão de plástico com microchip, que reunirá informações do motorista. Uma resolução do Conselho Nacional de Trânsito (Contran), que será publicada ainda nesta semana, promete que a mudança será feita até 1º de janeiro de 2019, prazo final de adaptação dos Detrans estaduais ao novo modelo. Ainda não há informações sobre possíveis diferenças no valor para tirar ou renovar a carteira de motorista – cada Detran deve definir o valor no momento da adoção da tecnologia. Quem tiver o documento válido em papel não será obrigado a fazer a troca, que ocorrerá na hora da renovação.

De acordo com o ministro das Cidades, Alexandre Baldy, a nova CNH deve reduzir as fraudes e aumentar a durabilidade do documento, além de possibilitar integração com outros países. O formato de cartão inteligente se assemelhará a um cartão de débito/crédito convencional, com chip e gravação a laser dos dados do motorista. A novidade também abre as portas para que o documento se torne mais “universal”, podendo (no futuro) servir para pagamento de pedágio ou transporte público, controle de acesso a prédios públicos e identificação biométrica (com cadastro das digitais no chip). Essas funcionalidades poderão existir por meio de convênios entre entidades públicas ou privadas com autorização do Denatran. *Informações do Auto Esporte


O Sebrae está com cursos gratuitos online, disponíveis no Portal de Educação a Distância – EAD, voltados para quem quer abrir um negócio ou já tem uma empresa, com direito a certificação.

As capacitações são voltadas para a área de gestão, cooperação, empreendedorismo, finanças, inovação, leis, mercado e vendas, organização, pessoas e planejamento. Além de cursos, estão disponíveis os seguintes tipos de soluções: papos de negócios, oficinas por celular, dicas, jogos, minicursos, vídeos, ebooks, quizzes e podcasts.

Inscrições

Para quem já tem cadastro no portal EAD Sebrae, basta clicar em “Quero me Matricular”, e a matrícula é realizada imediatamente. Em seguida, a pessoa receberá um e-mail de boas-vindas e poderá iniciar o curso.

Para os donos do próprio negócio, é necessário informar o CNPJ da empresa ou da empresa em que trabalha. Esta informação é obrigatória para realizar a matrícula nos cursos.

É permitido matricular-se em um único curso de cada vez. Desse modo, uma nova matrícula somente poderá ser feita após a conclusão do curso em andamento.


A Prefeitura de Itacaré encaminhou nesta quarta-feira (06) o pagamento dos salários de todos os servidores, efetivos e contratados, referentes ao mês de novembro. O objetivo da atual gestão, segundo informou o prefeito Antônio de Anízio, é continuar pagando os salários dos trabalhadores em dia, mesmo com as dificuldades financeiras enfrentadas pelos municípios brasileiros.

De acordo com o prefeito, a proposta de pagar os salários em dia, até o quinto dia útil, faz parte do seu compromisso de governar Itacaré com transparência, responsabilidade e planejamento, realizando os investimentos na cidade, respeitando e valorizando os direitos dos trabalhadores. Desde que assumiu a administração da cidade, a atual gestão vem cumprindo com o pagamento sempre em dia.

No total, serão quase três milhões de reais que circularão na cidade, aquecendo a economia local e fortalecendo o comércio do município. A proposta é continuar honrando com os pagamentos dos servidores, contratados e fornecedores, garantindo a credibilidade do governo e administrando os recursos públicos com responsabilidade, seriedade e compromisso com o povo de Itacaré.

A Prefeitura também vem realizando um trabalho de austeridade e enxugamento da folha de pagamento para atender à Lei de Responsabilidade Fiscal e poder realizar os necessários investimentos no município. O prefeito Antônio de Anízio argumenta que quando há planejamento e compromisso com o bem público é possível sim promover eventos que movimentem a cidade, realizar obras e investimentos nas mais diversas áreas e ainda assim pagar os salários em dia.


A partir do dia 1º de janeiro de 2018, começa a valer a chamada “Tarifa Branca” – nova modalidade de tarifa para pagamento de energia elétrica que vai baratear a conta para quem consumir energia fora dos horários de pico.

Dessa data em diante, os consumidores interessados vão poder aderir à tarifa. A novidade é válida para distribuidoras de energia de todo país. O consumidor interessado é quem deve pedir adesão à tarifa e a distribuidora precisa trocar o medidor. Inicialmente, a tarifa só estará disponível para quem consome acima de 500 kWh por mês. Em 2019, para quem consome menos que isso e, em 2020, para todos os consumidores brasileiros. A cobrança mais cara ou mais barata vai depender dos horários de consumo. O período mais caro vai das 18h às 21h. O intermediário vai das 17h até as 18h e das 21h às 22h.  Fora dessas faixas, a energia terá um preço menor. Nos feriados e finais de semana, a energia será mais barata em qualquer horário. Segundo reportagem do Jornal Nacional, as distribuidoras de energia estão preocupadas com a nova modalidade e afirmam que poderão ter prejuízo com a medida, que entra em vigor em janeiro.


Discutir de forma coletiva e com a participação de todos uma agenda positiva sobre a política esportiva no município de Itacaré Esse é o objetivo do I Seminário sobre Política Esportiva de Itacaré: diálogos sobre a formação do Sistema Municipal de Esportes e Lazer, promovido pela Prefeitura, através da Secretaria Municipal de Juventude, Esporte e Cultura, que acontecerá no dia 11 de dezembro, às 8 horas da manhã, na Casa dos Conselhos, antiga Igreja Bola de Neve.

O evento terá como palestrantes o professor Assistente da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB), Temístocles Damasceno Silva, e a coordenadora do Centro de Estudos em Gestão de Esporte e Lazer (CEGEL/UESB), Nediana Braga da Silva Souza. O seminário é aberto a todos os desportistas, das mais diversas modalidades, que querem de fato contribuir com a organização, o fortalecimento e o crescimento do esporte em Itacaré.
De acordo com o secretário de Juventude, Esporte e Cultura, Diego Augusto, o evento é um importante momento para debater, de forma aberta, democrática e participativa, sobre a criação do Sistema, do Conselho Municipal e do Fundo do Esporte para a partir daí criar um calendário esportivo contemplando todas as modalidades. A proposta é de que o evento conte com a participação de representantes das mais diversas modalidades esportivas de todo o município de Itacaré.
Diego Augusto também fez questão de colocar que apesar de todas as dificuldades Itacaré tem investido bastante no esporte, atraindo para a cidade eventos nacionais e internacionais de surf, o Campeonato Baiano de Stand-Up, além do apoio à canoagem, futebol, ciclismo e diversas outras modalidades esportivas. Tudo isso sem contar com a garantia de que diversos atletas itacareenses pudessem representar a cidade em eventos estaduais, nacionais e internacionais.
Também está sendo construído o estádio de futebol da cidade, no bairro da Passagem, e foi firmada uma parceria com o Governo do Estado para a implantação do Centro de Canoagem. Outra notícia importante para o esporte foi anúncio do projeto de reurbanização da orla da Beira Rio, no distrito de Taboquinhas, com a implantação de espaços para a prática das mais diversa modalidades esportivas. (Secom/Itacaré)