Categoria vem sofrendo perdas no faturamento devido à proliferação de transportes alternativos, que se beneficiam da falta de fiscalização. O objetivo da manifestação foi cobrar das autoridades repressão ao transporte clandestino.

Um grupo formado por mais de cem pessoas, entre elas; taxistas, condutores e agências de turismo de Itacaré, realizaram na manhã desta quarta-feira (18). A manifestação se concentrou na Vila Marambaia, Km 06, logo depois se dirigindo até a Ladeira Grande, onde por cerca de 40 minutos as duas vias foram interrompida, com queima de pneus e madeira. De lá, os motoristas percorreram todo centro da cidade até chegarem à Prefeitura, onde os lideres reuniram-se com o prefeito, e cobraram providências, e fiscalização. Segundo alguns participantes da manifestação, há uma “desmoralização das leis em Itacaré, que tudo pode”.


Todos os preparativos já estão sendo feitos o Itacaré Surf Sound Festival, um dos maiores eventos de surf do mundo, que acontecerá entre 26 e 29 de outubro, na praia da Tiririca, e na Praia do Rezende. Esta semana a Prefeitura de Itacaré já está realizando uma série de intervenções, melhorias e obras nas praias e em diversos pontos da cidade. Como parte dessas ações está sendo construída uma central de coleta de lixo divididos por tipo de resíduos, recuperação e ampliação do caminho que dá acesso à praia da Tiririca, recuperação da pista de skate e do espaço para apresentações culturais, além de colocação de lâmpadas e serviços na rede elétrica.

 

O evento contará com a participação de surfistas profissionais de mais de 10 países que disputarão o título de campeão mundial de surf 2017. Dentre os grandes nomes do surf mundial estará em Itacaré o atleta Adriano de Souza, mais conhecido como Mineirinho, surfista profissional brasileiro campeão mundial de surfe no World Surf League 2015, sendo o segundo brasileiro da história a se tornar campeão do mundo. E as inscrições continuam abertas com a expectativa da etapa de Itacaré ser uma das mais disputadas do mundo.

Realizado pela World Surf League (WSL) e pela Prefeitura Municipal, a etapa do mundial de surf de Itacaré vai distribui US$ 20 mil em prêmios e vai colocar mais uma vez a cidade como uma referência internacional do esporte. E como o grande diferencial será o alerta para a preservação ambiental, durante o mundial entidades como o Recicla Itacaré, Instituto Floresta Viva, Instituto Baleia Jubarte e Associação de Surf de Itacaré, em parceria com as secretarias de Meio Ambiente e Educação, estarão desenvolvendo ações educativas com estudantes das redes públicas e particulares e os próprios participantes do evento, mostrando a importância da preservação do meio ambiente, com palestras, atividades de coletas, exposições artísticas e plantio de mudas.

O retorno do mundial de surf para Itacaré foi uma ação do prefeito Antônio de Anízio e do diretor de planejamento Kleber Miranda, que desde o mês de fevereiro vem se reunindo com representantes da WSL South América, empresa responsável pelo evento, manifestando o desejo da cidade voltar a sediar o mundial. De acordo com o prefeito, Itacaré é hoje conhecida a nível internacional pelo surf e não poderia continuar de fora do mundial, não somente pelo incentivo ao esporte, mas pelo retorno que eventos como esse traz para o turismo local, movimentando a economia da cidade. O Mundial QS1.500 masculino e o Itacaré Surf Sound Festival contam ainda com o apoio da South to South, Associação de Surf de Itacaré, Governo da Bahia, Instituto Floresta Viva, Pousada Terra Boa, Grou Turismo.

FESTIVAL – Paralelo ao mundial estará sendo realizado o Itacaré Surf Sound Festival que acontecerá nos dias 27 e 27 na Praia do Rezende. De acordo com a programação, na sexta-feira, dia 27, estarão se apresentando as bandas ConeCrew, do Rio de janeiro, e Maskavo, de Brasília e São Paulo, além de Marlon Moreira e DJ Banzai. No sábado, dia 28, será a vez das bandas Bruta Raça e Rael da Rima, Fábrica de Sons, Banda Kasa 8 e o DJ Banzai. Os ingressos estarão à venda no Pé de Amêndoa e na loja South to South, em Itacaré, e na nas lojas da Back Door, em Ilhéus e Itabuna.


Com quase 27 mil habitantes, o município de Itacaré dispõe apenas de uma Casa Lotérica, e no momento, a mesma se encontra fechada há cerca 22 dias, causando transtorno a população. A Lotérica é muito útil aos munícipes, que utilizam o espaço para pagamento de suas contas, como: água, luz, telefone e outros, além de ser o único local disponível para o repasse dos recursos do Programa Bolsa Família, além da própria Agência da Caixa. Até agora, não há previsão para a reabertura da Lotérica Itacaré.

Na porta da Casa Lotérica, escrita em papel “Sem Sistema” informa a população, que a causa do fechamento se deu por conta de falta de sistema para os serviços.

 


Um suspeito morreu, cinco foram presos e dois menores foram apreendidos em uma operação contra roubo e tráfico de drogas na cidade de Ilhéus, sul da Bahia. Armas, drogas e celulares também foram apreendidos com o grupo. A Operação Castelo de Areia da Polícia Militar ocorreu na segunda-feira (16), no distrito de Castelo Novo. Os policiais foram até uma casa onde criminosos estavam escondidos e foram recebidos a tiros. No revide, um homem identificado com o prenome de Matheus, foi atingido e socorrido para o Hospital Luís Viana Filho, mas não resistiu aos ferimentos. Dois homens, uma mulher e um menor que estavam na casa se renderam. A polícia foi até outra casa, onde outra mulher foi presa com uma quantidade de maconha e crack. Em outro local, a PM apreendeu um menor e um homem, com uma espingarda artesanal, um simulacro de arma de fogo, e alguns aparelhos celulares. Segundo a PM, eles foram reconhecidos pelas vítimas do assalto do ônibus da empresa São Miguel, ocorrido na última semana. Todos os envolvidos e material apreendido foram encaminhados para a 7ª Coodernadoria de Polícia do Interior (Coorpin) em Ilhéus, à disposição da Justiça. Fonte: G1/Bahia


Antes de falecer no domingo (15), alvejada por tiros disparados por homens a bordo de uma motocicleta, Gisele Kaila, 17 anos, teria sido alertada sobre a possibilidade do crime no dia 21 de agosto, durante um culto do pastor André Barreto, da Igreja Assembleia de Deus Visão da Glória, em Simões Filho, na Região Metropolitana de Salvador.

O crime ocorreu Rua do Campo, Praça da Capadócia, próximo ao Bar do Coreto, no Bairro Mapele em Simões Filho.  A vítima chegou a  ser socorrida para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA24h), mas não resistiu aos ferimentos. Dois homens numa moto são apontados como autores do homicídio.

A jovem que recebeu o suposto “recado de Deus”, no vídeo o pastor André Barreto, comandante da Assembleia de Deus Visão da Glória (IADVG), fazia profecias sobre a vida de Gisele, nas imagens ele diz que a jovem passava por um momento difícil, sentia raiva por algo que aconteceu no início do ano,  segundo ele homens estariam com raiva de alguém muito próximo a ela e que Gisele teria ganhado uma nova chance, um livramento de morte, mas que não voltasse a andar em meios errados e brincar com Deus, pois não teria uma nova oportunidade, durante as revelações o religioso disse ter visto dois homens armados com uma pistola 380 numa motocicleta XRE. O crime está sendo investigado pela 22ª Delegacia Territorial (DT) e ainda não se sabe informações sobre a autoria ou motivação. Fonte: Bahia Notícias


A Secretaria de Desenvolvimento Social da Prefeitura de Itacaré entregou na manhã desta terça-feira (17) as camisas para as crianças que participam do Projeto Surfando para o Futuro, uma iniciativa da Associação de Surf de Itacaré (ASI) que conta com o apoio do governo municipal através dos programas assistenciais como o Centro de Referência e Assistência Social (Cras) e o Programa de Atenção Integral à Família (PAIF). A secretária de Desenvolvimento Social, Ivonete Damasceno, informou que essa ação tem como principal objetivo incentivar as crianças para que continuem fazendo parte desse projeto que busca não somente valorizar os esportes, mas despertar para a importância da família, construir valores e reafirmar o papel da escola.

 

Atualmente cerca de 40 crianças participam do Projeto Surfando para o Futuro, onde os alunos recebem orientações sobre o esporte, mas também o acompanhamento sobre a frequência e o rendimento escolar e discutem sobre a importância do respeito e da convivência familiar. Para fazer parte do projeto é preciso que estejam estudando e tenham um bom rendimento e comportamento.

No projeto também aprendem valores como a disciplina, o respeito, responsabilidade e a necessidade da preservação do meio ambiente. As aulas acontecem sempre às terças-feiras, nos turnos matutino e vespertino, para que todos possam ter a oportunidade de participar. E depois de muito surf, debates de valores e conhecimentos, também há um espaço para o lanche e muitas brincadeiras.

Idealizado pela Associação de Surf de Itacaré, o projeto vem alcançando excelentes resultados e a cada dia vem aumentando o número de crianças interessadas em participar. A ambientalistas Heloísa Bicudo, uma das coordenadoras do projeto, destaca o importante apoio da Prefeitura de Itacaré, através das secretarias de Assistência Social e Educação, que têm sido parceiras nesse acompanhamento às crianças.

A proposta é de se envolver os mais diversos segmentos nesse apoio ao Surfando para o Futuro. A secretária Ivonete Damasceno reafirmou que o município tem desenvolvido uma série de projetos assistenciais, principalmente voltados para o esporte e a educação, como forma de envolver as crianças e adolescentes e trabalhar cada vez mais os valores e o papel da família. (Secom/Itacaré)