Itacaré realiza mais uma etapa do curso para jovens empreendedores.

O município de Itacaré vai realizar no período de 25 a 27 de julho mais uma etapa da formação de multiplicadores do Programa Jovens Empreendedores Primeiros Passos (JEPP), uma metodologia do Programa Nacional de Educação Empreendedora destinada a fomentar a educação e a cultura empreendedora na educação básica. A iniciativa é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Educação, em parceria com o Sebrae.

Nessa etapa serão capacitados os professores do primeiro ao quinto ano das escolas Maria Benjamina da Cruz, em Itacaré, e o Grupo Escolar Bom Jesus, no distrito de Taboquinhas. A formação será nos dias 25,26 e 27 de julho no auditório do Centro Educacional de Itacaré. Em seguida os professores levarão a metodologia para os alunos em sala de aula. Os eixos trabalhados serão comportamentos empreendedores e planos de negócios, tendo como temas transversais a Cultura da cooperação, Cultura da inovação, Ecossustentabilidade, Ética e cidadania.

A secretária de Educação, Eliane Camargo, considera o programa como de fundamental importância na formação dos estudantes de fato em jovens empreendedores, por esse motivo que a Prefeitura de Itacaré aderiu ao projeto do Sebrae e desde então vem cumprindo todas as etapas para o desenvolvimento do JEPP. Recentemente as professoras Marileuza Palafoz, coordenadora do Fundamental, e Nadja Almeida, coordenadora da Educação Infantil, foram capacitadas pelo Sebrae em Salvador como multiplicadoras, para que a metodologia seja repassada aos professores. Nesse primeiro momento serão contemplados 1000 alunos do ensino fundamental I e fundamental II da rede municipal de Itacaré.

A educação empreendedora proposta pelo Sebrae para o Ensino Fundamental incentiva os alunos a buscar o autoconhecimento, novas aprendizagens, além do espírito de coletividade. A ideia é a de que a educação deve atuar como transformadora desse sujeito e incentivá-lo à quebra de paradigmas e ao desenvolvimento das habilidades e dos comportamentos empreendedores. O curso procura apresentar práticas de aprendizagem, considerando a autonomia do aluno para aprender, além de favorecer o desenvolvimento de atributos e atitudes necessários para a gestão da própria vida.


Comentários

Os comentários estão fechados.