Itacaré na rota de passagem das baleia jubartes.

A temporada de observação das jubartes atrai milhares de turistas para o litoral da Bahia, como Praia do Forte, Morro de São Paulo, Itacaré, Caravelas e Salvador. O litoral baiano tem previsão de passagem de 20 mil baleias jubarte em temporada de reprodução. 

Cerca de 20 mil baleias devem passar pelo litoral da Bahia, na região de Praia do Forte, em Mata de São João, e do arquipélago de Abrolhos, em Caravelas, durante a temporada de reprodução das jubartes, entre os meses de julho e outubro. A estimativa é feita por pesquisadores do Projeto Baleia Jubarte.

As baleias procuram águas quentes para se reproduzir nesse período do ano. Com a aproximação dos animais no litoral baiano, os pesquisadores notam uma tendência de crescimento do número de encalhes.

De acordo com o Projeto Baleia Jubarte, em 2018 foram registrados 101 encalhes ao longo da costa brasileira. A previsão para este ano é de que os registros de encalhe sejam entre 102 e 131 casos, sendo que são raros os casos em que as baleias encalham vivas nas praias.

Os pesquisadores alertam ainda que vários casos de encalhe e morte de jubartes ocorrem por conta dos impactos humanos. Dentre os principais problemas enfrentados pelos animais estão as redes de pesca e a colisão nas embarcações.

Para criar estratégias de prevenção dos encalhes das jubartes, o projeto tem uma equipe especializada que faz necropsias nas baleias, para ajudar a determinar a causa das mortes. Além disso, o projeto também faz atividades educativas e culturais.

As baleias jubartes são animais dóceis, que chegam a medir 16 metros de comprimento e a pesar até 40 toneladas.

As baleias migram da região da Antártida entre julho e outubro, quando é inverno no hemisfério norte, para se reproduzir em águas tropicais da costa brasileira. Elas ficam entre quatro e cinco meses nas áreas de reprodução, até que os filhotes estejam desenvolvidos e possam retornar com as mães para a Antártida.

Para ajudar os animais encalhados, o Projeto Baleia Jubarte tem atuação com telefones de emergência, que também recebe ligação a cobrar.

Caravelas: (73) 3297-1340 (em horário comercial, de segunda a sexta-feira) e (73) 98802-1874 (WhatsApp 24h)
Praia do Forte: (71) 3676-1463 (em horário comercial, de segunda a sexta-feira) e (71) 981542131 (WhatsApp 24h)

Fonte: G1.


Comentários

Os comentários estão fechados.