O presidente da companhia de turismo CVC, Guilherme Paulus, criticou a gestão do turismo feita pelo governo do estado. Durante jantar pelo dia do hoteleiro, oferecido pela Associação Brasileira da Indústria de Hotéis, Paulus cobrou que os impostos arrecadados retornem como melhorias para o setor. “A Bahia é o único estado brasileiro que tem dez destinos fortes, mas o governo acabou com o turismo no estado. A prefeitura vem trabalhando e o governo do estado, não. (…) Temos que protestar na porta do governo”, declarou o empresário, lembrando que a categoria quebra, embora o poder público, não. Paulus pediu ainda que o setor se mobilize ou corre o risco de a Bahia continuar morrendo “vagarosamente” como destino turístico. (Giro em Ipiaú)


Ao lado do consultor de turismo e eventos, Júlio Oliveira, convidado para assumir a secretaria de turismo da cidade a partir de janeiro de 2017, o novo gestor destacou a importância  dos investimentos do estado na infraestrutura turística regional.

 Antônio de  Anísio, retorna para a gestão da cidade, depois de quatro anos longe da administração municipal. Uma das principais solicitações apresentadas ao secretário foi a recuperação imediata das estradas de acesso a Itacaré e melhoria da infraestrutura turística cidade.

Anísio também solicitou que o novo aeroporto que será construído na Costa do Cacau, seja instalado entre Ilhéus e Itacaré, atendendo assim, a demanda turística das duas cidades.

 Temas ligados às questões da segurança pública estiveram entre as pautas da reunião. O prefeito solicitou o aumento do efetivo policial e monitoramento com câmeras de segurança ligadas direto ao Centro Operacional da Secretaria Estadual de Segurança Pública, em Salvador.

A qualificação da mão de obra local para o turismo, apoio ao calendário de eventos da cidade, que inclui o carnaval, Mundial de Surf  e o Projeto Mais Verão Itacaré, o cadastramento e certificação dos prestadores de serviços turísticos locais, também foram debatidos pelos gestores.

 O secretário estadual de Turismo recebeu do futuro prefeito e do secretário municipal de Turismo, o convite para participar da abertura da terceira edição do III Festival Gastronômico Sabores de Itacaré, que acontece de 1 a 17 de dezembro.

José Alves garantiu o apoio da Setur ao evento e confirmou a presença na abertura. O Festival Gastronômico Sabores de Itacaré antecipa a abertura do verão em um dos mais importantes destinos da Bahia. (Ubaitaba.com)


O Guia Viagens Brasil divulgou uma lista com as cinco melhores piscinas naturais do país, com direito a cenários de cair o queixo e deixar qualquer um com vontade de visitar os locais, duas piscinas baianas estão entre as mais bonitas. Entre as escolhidas, o primeiro lugar ficou com Taipus de Fora, na Península de Maraú, litoral sul da Bahia, conhecida por ser uma das praias mais bonitas do Brasil, Taipus de Fora possui um mar cristalino, calmo e ideal para mergulho, entre cardumes coloridos, recifes e cercada de muito verde. A outra escolhida foi Praia do Forte, localizada no município de Mata de São João, no Litoral Norte, ficou com o quarto lugar.Também localizadas no nordeste brasileiro, Maragogi, em Alagoas, conhecida como o ‘caribe brasileiro’, ficou com o segundo lugar. O terceiro lugar do ranking ficou com a Baía dos Porcos, no arquipélago de Fernando de Noronha. Por último, está Maracajaú, no Rio Grande do Norte, que impressiona por suas águas claras e muitos corais. (Rede Brasil de Notícias)


A matéria, que saiu na edição deste mês julho, conta o resultado da viagem de três repórteres que estiveram no Estado, em uma press trip. “O Rio de Janeiro, neste verão, pode reivindicar toda a atenção, mas se você quiser descobrir o Brasil da família real, faça uma viagem ao Estado da Bahia”, destaca a reportagem. Entre os destinos visitados, a equipe da Columbus Travel mostrou, na edição de número 59 da revista, detalhes dos arredores de Itacaré, como a cultura do surfe nas praias de Resende, Tiririca e Jeribucaçu, além do passeio de canoa pelo rio, rafting e passeios a cavalo.
53648gra9026186-rafting
Já em Olivença, as atrações foram os vilarejos indígenas e a praia Backdoor. No distrito de Trancoso, além do belo litoral, foram apresentados o artesanato local e a Igreja de São João Batista, no Quadrado, conhecida por ser disputada por noivos de todo o Brasil que desejam realizar suas cerimônias de casamento.
“Com essa repercussão de peso, os holandeses terão mais um motivo para visitar o Brasil para além dos Jogos Olímpicos, que também foram amplamente divulgados na Holanda”, afirma José Antônio Parente, presidente substituto da Embratur.
Um exemplo, segundo Parente, ocorreu em abril deste ano, quando o instituto divulgou a Rio 2016 para 400 empresários estrangeiros no International Business Day, realizado em Amsterdam.
Outra importante ação da Embratur na Holanda foi a participação, em janeiro, na principal feira do trade europeu, a Vakantiebeurs, realizada na cidade de Utrecht. O evento foi visitado por mais de 100 mil holandeses e belgas e contou com 1.200 expositores. O coordenador-geral de Relações Públicas e Assessoria de Imprensa do Instituto, Guilherme Miranda, destaca que existe um grande potencial a ser trabalhado no mercado holandês, principalmente em parceria com o trade turístico e com a imprensa especializada.
“A Embratur já vem colhendo este tipo de resultado de imprensa no mercado desde 2012, quando abriu um escritório de Relações Públicas na Holanda, um dos 11 que o Instituto mantém no exterior”, destaca.

Informações de mercado

Em 2015, a Holanda enviou mais de 66 mil turistas ao Brasil. O país é o 20º mercado emissor de turistas para o Brasil e o 8º entre os países do continente europeu, conforme o mais recente Boletim de Inteligência Competitiva da Embratur.
Com 42% de preferência, o turismo de lazer é a principal motivação para a visita ao País, seguido pelo turismo de negócios (27%). Os segmentos mais procurados são cultura, ecoturismo e sol e praia. O visitante holandês permanece, em média, 15 dias em solo brasileiro, tendo gasto diária estimado em US$ 103. Atualmente, existem 13 voos com frequências semanais que saem de Amsterdam com destino ao Brasil. Fonte: Portal Brasil, com informações da Embratur

Cerca de 50 mil pessoas devem passar pelo terminal rodoviário de Salvador por conta do feriadão de Corpus Christi, segundo estimativa da Agerba (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transportes e Comunicações da Bahia). Cidades como: Itacaré, Porto Seguro, Ilhéus (sul), Vitória da Conquista (sudoeste), Juazeiro (norte), Barreiras (oeste) e Lençóis (Chapada Diamantina), assim como as cidades litorâneas, são os destinos mais procurados pela população.
Com o objetivo de tentar atender a demanda do período, serão disponibilizados 200 horários extras, além dos 540 que já funcionam diariamente. A quantidade de horários ainda pode ser ampliada, caso a procura aumente.
De acordo com a Agerba, na maioria dos casos, os usuários contam com a possibilidade de comprar sua passagem antecipadamente pela internet ou por telefone, trazendo mais comodidade e diminuindo as filas nos guichês. Outro fator que merece atenção é a obrigatoriedade de apresentar um documento oficial de identificação no momento do embarque.
Fonte: R7


Itacaré foi um dos destaques do Pé na Pista do programa “Mosaico Baiano” da Rede Bahia, filiada a Rede Globo, deste último sábado, 16, e mostrou como uma prancha é fabricada manualmente em Itacaré. Renata Menezes mostra o passo a passo e depois aprende a pegar onda. Confira tudo que rolou no vídeo abaixo:


A expectativa da Agerba (Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Transportes, Energia e Comunicação) é que 95 mil passageiros devem passar pela rodoviária de Salvador para curtir o feriado prolongado até domingo (27).

Para tanto, serão disponibilizados 500 horários extras, além dos 540 horários convencionais aos que desejarem deixar a capital de ônibus. Entre as recomendações, a principal dica é garantir a compra da passagem antecipada, evitando dessa forma, qualquer tipo de atraso.
Conforme a Agerba, os destinos mais procurados no feriado são as praias do sul da Bahia, como Ilhéus, Itacaré e Porto Seguro. Além dos destinos ao norte, como as praias da Linha Verde.