Na denúncia, os legisladores cobram explicação sobre um pagamento feita pela pasta de quase R$ 500 mil, sem licitação, para realização da 1ª Feira de Saúde de Itacaré.

Nesta terça-feira (7), a secretária de saúde, Stella Souza, foi até à Câmara de Vereadores para prestar esclarecimentos sobre as contas do Fundo Municipal de Saúde (FMS). Durante a fala da secretaria, houve acusações de troca de ofensas entre os presentes, conforme informou o site Políticos do Sul da Bahia. Ainda de acordo com o site, em 2014, o Ministério Público Federal (MPF) em Jequié/BA ajuizou ação de improbidade contra Stella Souza, e também ação penal por participação em esquema de fraude em licitação para a compra de medicamentos em 2009.


O presidente do PMDB de Itacaré, Danilo Reis, apresentou uma denuncia crime a Policia Federal (DPF) de Ilhéus, contra o prefeito Jarbas Barbosa (PSB), que foi acusado de fraudes em licitações e evasão fiscal.
Danilo Reis pretende protocolar uma denuncia na Câmara de Vereadores de Itacaré , com o objetivo de instalar uma CPI. (Confira Denúncia).
Em contato com nossa redação, Danilo Reis informou que vai protocolar a denúncia junto a Câmara de Vereadores de Itacaré para que seja investigada a evasão fiscal do ISS, tributos municipais de alçada investigativa daquela casa parlamentar, com o objetivo de instalar uma CPI. Clique aqui para ver o teor da denúncia.
Fonte: Políticos do Sul da Bahia.

Com a divulgação do PIB (Produto Interno Bruto) de 2014 e a revisão dos resultados dos anos anteriores, o crescimento econômico no primeiro governo Dilma Rousseff atingiu uma média de 2,1% ao ano. Trata-se do pior desempenho em um governo desde Fernando Collor, que ocupou o Planalto entre 1990 e 1992, antes de sofrer um processo de impeachment. Na época, o PIB encolheu 1,3% ao ano. Se considerados apenas presidentes que concluíram um mandato inteiro, são os números mais baixos da história da República -mas essa comparação deve ser feita com cuidado. O PIB começou a ser calculado em 1947. Para anos anteriores, há estimativas baseadas nos dados disponíveis sobre a produção do período, que era predominantemente agrícola. *Informações da Folha.


Durante sessão na comissão de Infraestrutura realizada na manhã desta terça-feira (07), o deputado estadual e líder do PMDB na Assembleia Legislativa da Bahia, Pedro Tavares cobrou explicações em relação a construção do novo aeroporto de Ilhéus. De acordo com o parlamentar, não existem informações e nem a previsão de quando essa obra, amplamente divulgada, será iniciada. “O novo aeroporto de Ilhéus só existe na propaganda. Chegaram a desapropriar uma área, mas de fato não existe nada e nenhuma informação. Falta espaço para os passageiros, só existe uma esteira para o desembarque, não existe conforto, nem logística. Ilhéus e região precisa urgentemente de um novo aeroporto”, disse Tavares, que sugeriu ao presidente da comissão, deputado Hildécio Meireles, uma reunião para que se discuta a infraestrutura da região sul. “Além do aeroporto de Ilhéus, diversos projetos não saíram do papel, como o Porto Sul e a duplicação da BR-415, no trecho Ilhéus-Itabuna. Ninguém entende essa falta de atenção dos governos estadual e federal com a região cacaueira”, ressaltou.


 
 
O Presidente do PMDB de Itacaré, Danilo Reis, participou neste domingo (29), do Seminário Regional de Estudos do PMDB, em Itabuna. O evento contou com a presença de militantes, filiados e interessados na disputa das eleições proporcionais de 2016, e lideranças politicas do estado, entre eles o ex-candidato ao senado e atual Presidente Estadual do partido Geddel Vieira Lima, o Deputado estadual Pedro Tavares, além de deputados e membros da executiva estadual..
 
No evento foram discutidos temas como Administração Financeira e Jurídica do Partido, Reforma Política e Eleições 2016.O Presidente Estadual, Geddel Vieira Lima, e o Deputado Estadual Pedro Tavares estão agendando uma reunião com o Diretório de Itacaré no próximo mês de abril.

No último dia 17, foi aprovada pela Câmara Municipal de Vereadores a Política de Meio Ambiente do Município de Itacaré que tem como maior objetivo estabelecer condições de uso dos recursos ambientais, dada sua finitude, promovendo um desenvolvimento sustentável como objeto de gestão. 

 
Desta forma, com a nova regulamentação, é possível garantir que atuais e futuras gerações tenham acesso a estes recursos.
 
Com a implantação da Lei, Itacaré dará um salto em relação a outros municípios da região e grande parte dos problemas que afetam o meio ambiente e a qualidade de vida das pessoas em toda cidade podem ser empreendidas em ações capazes de preveni-los e solucioná-los. Declarou o presidente da Câmara Edson Arante Santos Mendes (PPS), o popular Nego.
 
No dia seguinte a aprovação, foi realizada uma reunião na Secretaria de Meio Ambiente, onde a Secretária, Bernadete Bittencourt, fez uma breve apresentação da lei para os secretários municipais e respectivo corpo técnico, e para o gerente da Embasa, Igor, ressaltando a importância da lei e abordando os principais pontos, tais como Licenciamento Ambiental e Fiscalização.
 
Nos próximos dias, a lei será sancionada pelo Prefeito Jarbas Barbosa e haverão novas rodadas de apresentações visando dar conhecimento a comunidade. (Assecom)