José Ronaldo (DEM) anunciou que deixa o cargo de prefeito de Feira de Santana para concorrer ao governo do estado da Bahia nas eleições de outubro. A decisão foi anunciada oficialmente durante entrevista coletiva realizada na manhã deste sábado (7), onde José Ronaldo esteve ao lado do prefeito da capital baiana, ACM Neto (DEM). Quem assume a gestão municipal é o vice de Feira de Santana, Colbert Martins Filho. José Ronaldo estava no quarto mandato como prefeito, reeleito pela última vez em 2016. Os dois primeiros mandatos ele exerceu de 2001 a 2008. Ele já disputou o cargo de senador na eleição de 2014, mas não se elegeu. Foi vereador em Feira de Santana, deputado estadual e deputado federal. José Ronaldo tem 66 anos e é administrador de empresas. O vice-prefeito Colbert Martins Filho é médico e tem 65 anos. Ele já foi candidato a prefeito de Feira de Santana em três oportunidades, mas não se elegeu. Foi deputado estadual e deputado federal. Também foi sub-secretário de saúde do estado e é professor da Universidade Estadual de Feira de Santana (Uefs).


Após 26 horas do mandado de prisão ser expedido pelo Juiz Sérgio Moro, finalmente Lula se entregou a Polícia Federal.

Reuters

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) se entregou à Polícia Federal (PF) e foi preso na noite deste sábado (7), após ficar dois dias na sede do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, em São Bernardo do Campo. Ele estava no edifício no Centro da cidade do ABC desde quinta-feira (5), quando o juiz Sérgio Moro expediu mandado de prisão.

O ex-presidente saiu a pé da sede do sindicato às 18h42 e caminhou até um prédio próximo, onde equipes da PF o aguardavam. Ele entrou no carro da PF às 18h47. A saída teve de ser feita dessa maneira porque, às 17h, Lula tentou sair de carro, mas foi impedido pela militância.

O comboio seguiu por vias de São Bernardo e de São Paulo até a Superintendência da PF, na Lapa, Zona Oeste, onde chegou às 19h44. Manifestantes a favor e contra a prisão o aguardavam. Os veículos entraram normalmente.

Manifestantes a favor da prisão correram em direção ao carro onde o ex-presidente estava e o xingaram. Depois que o comboio entrou, os grupos pró e contra prisão trocaram ofensas e empurrões.

O exame de corpo de delito foi feito e, às 20h05, o ex-presidente entrou num helicóptero que seguiu em direção ao Aeroporto de Congonhas, na Zona Sul. A aeronave pousou às 20h22. Foram quase 26 horas para se entregar após o esgotamento do prazo dado por Moro –e 49 horas depois de proferida a decisão. (Reuters).


Ex-primeira-dama faria 68 anos amanhã e será homenageada.

(Foto: Arquivo AFP)

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva pretende se entregar à Polícia Federal em São Paulo, neste sábado (7), depois da missa em homenagem à ex-primeira-dama Marisa Letícia. Ela faria 68 anos amanhã. A informação é do jornal Estado de S. Paulo, que diz que os advogados do petista já informaram a decisão à cúpula da Segurança Pública. As negociações para entrega de Lula continuam.

Desde ontem, a Polícia Federal negocia com a defesa de Lula termos para que ele se entregue. Do lado da PF, o responsável é o delegado Igor Romário de Paulo, chefe da Lava Jato em Curitiba.

Lula tinha até 17h de hoje para se entregar após o mandado de prisão do juiz federal Sergio Moro. Ele foi condenado a 12 anos e um mês de prisão no caso do triplex do Guarujá. A PF não faz prisões após 18h, mas caso o ex-presidente decida se entregar à noite, será preso em São Paulo para em seguida ser levado para Curitiba. Um avião da PF está no Aeroporto de Congonhas de prontidão. (*Correio)


Deputado federal foi o nome escolhido pelo partido para pré-candidatura; Gualberto disse que decisão de Neto não foi surpresa.

Após a decisão do prefeito ACM Neto (DEM) de permanecer na Prefeitura de Salvador, o PSDB deve lançar o deputado federal João Gualberto como pré- candidato ao governo do estado nas eleições deste ano. Além dele, outro nome que surge no campo da oposição é o do prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo de Carvalho (DEM).

Gualberto afirmou que a decisão de Neto não foi surpresa, apesar de, na última quinta-feira (05), as negociações apontarem para a direção de que o prefeito de Salvador encabeçaria a chapa da oposição. “Ontem (na quinta) parecia tudo certo, chegamos até a fazer um desenho de chapa. Ele já falava em não ser candidato, já era algo que ele considerava. Ele tomou a decisão dele e, a partir de hoje, vamos conversar e definir o futuro”, ressaltou.

O deputado admite que ACM Neto era o nome mais forte da oposição, mas diz que o grupo contrário ao do governador Rui Costa (PT) vai manter o plano de fazer o enfrentamento político ao governo petista. “Para mim, ele não só era o nome mais forte como acho que ganharia. Neto lidera em todas as nossas pesquisas”, pontua.

 Apesar de DEM e PSDB terem seus nomes para a disputa, Gualberto defende apenas uma candidatura da oposição. “Nem o PSDB nem o DEM querem pulverizar candidaturas. Cada um tem o seu nome, o DEM tem Zé Ronaldo, o PSDB tem o meu. Tem que ser um, mas ainda não sabemos quem será esse nome. Agora, o grupo se mantém unido contra o governo que não confiamos nem acreditamos”, enfatiza.

O parlamentar ainda evitou comentar a decisão de Neto. “Foi uma avaliação pessoal dele, tem que ser respeitada. Repito, acho que ele ganharia. O cenário é favorável à oposição. O que pesou, no final das contas, foi deixar a prefeitura. Não foi ganhar ou perder, mas deixar a prefeitura. Ele não quis”, afirma. (*Correio)


O prefeito ACM Neto confirmou, na manhã desta sexta-feira (6), que não deixará a prefeitura de Salvador para se candidatar ao governo do estado. “Meu coração me impede de deixar a prefeitura neste momento”, afirmou o prefeito durante entrega da primeira etapa da urbanização da Comunidade Guerreira Zeferina, que envolve, entre outras ações, a construção de um conjunto habitacional para abrigar 257 famílias na Rua Engenheiro Agenor de Freitas, em Periperi, onde funcionava a antiga Cidade de Plástico. A notícia havia sido divulgada pelo colunista Rafael Freitas, da Alô Alô CORREIO. Neto afirmou que o prefeito José Ronaldo, de Feira de Santana,  pode ser o candidato do partido DEM para concorrer nas eleições de outubro ao cargo de governador.
“A partir de agora nós vamos iniciar as conversas para definição de um nome. Pode ser que, num primeiro momento, exista mais de um nome dentro do conjunto de partidos. Essa não é uma definição que já esteja tomada. Eu vou ter agora uma conversa com o prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo, que tem que tomar uma decisão de renunciar ou não o seu mandato. Se o prefeito José Ronaldo decidir renunciar o seu mandato automaticamente ele se torna pré-candidato ao governo da Bahia pelo Democratas. Mas, essa é uma decisão do prefeito José Ronaldo. Sairemos daqui para tratar desse assunto”, destacou Neto afirmando que sua decisão de não concorrer foi comunicada nesta sexta às lideranças do seu grupo político. ACM Neto afirmou ainda que a decisão de não concorrer ao cargo nas eleições de outubro foi movida pelo amor que sente por Salvador. *CORREIO

Foto: Reprodução

Pouco depois do voto decisivo da ministra Rosa Weber o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva comentou, resignado, com um grupo restrito de pessoas que acompanhavam com ele o julgamento de seu pedido de habeas corpus no Supremo Tribunal Federal (STF), que “não iam dar o golpe para me deixarem ser candidato”. A frase foi interpretada por dirigentes e lideranças petistas como uma admissão de que está fora da disputa eleitoral, embora o PT publicamente insista em manter o discurso sobre a manutenção da candidatura de Lula à Presidência, mesmo que o ex-presidente vá para a cadeia. “Isso foi para tentar tirar o Lula da eleição, mas podemos registrar a candidatura dele, mesmo preso. Acredito que Lula vai ficar pouco tempo na prisão”, afirmou o deputado estadual José Américo Dias (PT).


A vereador Hamilton Soares Carriço Neto (PRB), o popular Guri, pretende cobrar na sessão ordinária da Câmara de Vereadores providências urgentes sobre o funcionamento de UPA-Unidade de Pronto Atendimento de Itacaré, localizada na Vila Marambaia. De acordo com o parlamentar, o requerimento se justifica pela a necessidade de funcionamento da Unidade de Saúde para atender a população de Itacaré e região.

O prédio está pronto só falta entrar em funcionamento (Foto: H. Hugo)

o requerimento, o vereador Gury pretende convidar o Secretário municipal de Saúde Ricardo Lins, para prestar explicações sobre a atual situação e o “porque” da Unidade ainda não estar em funcionamento.

O prédio localizado na Vela Marambaia está novo porém se deteriorando por falta de funcionamento. A Unidade de Pronto Atendimento (UPA) foi construída a há mais de 02 anos quando o prefeito Jarbas Barbosa Barros ocupava seu último mandato, com a ajuda do Governo Federal, para funcionar 24 horas por dia e a tender pacientes com problemas de média complexidade. (Fonte: Jornal Tribuna da Região)