Em menos de oito dias bandidos atacaram dois bares na cidade de Santa Cruz Cabrália, no sul da Bahia. Segundo publicou o site Radar64, desta vez o atentado foi no bairro Geraldão, no fim da noite de sábado (27) e deixou seis pessoas feridas. Segundo a polícia, diversas pessoas estavam no bar quando foram surpreendidas por três homens armados, que chegaram de carro e atiraram indiscriminadamente em que estava no local. O estado mais grave é o de um homem que ainda não teve o nome confirmado. Ele foi atingido no abdômen e está internado no Hospital Luís Eduardo Magalhães, em Porto Seguro. Os demais foram baleados nas pernas e estão fora de risco. Por conta do atentado, a Polícia Militar reforçou o policialmente na cidade de Santa Cruz Cabrália neste domingo (28). Alguns suspeitos já foram identificados, mas até o momento não houve nenhuma prisão.


Danillo Roque Ribeiro da Silva, de 27 anos, foi morto com barra de ferro, queimado e teve parte do corpo esquartejada. O corpo dele foi liberado no final da tarde deste sábado (27), em Ilhéus. O jovem foi identificado por parentes no Departamento de Polícia Técnica (DPT), que estavam inconformados com o crime. Dois homens estão presos. Segundo informou o delegado à reportagem da TV Santa Cruz, um jovem de 25 anos, identificado como Bruno Prado Silva, procurou a delegacia de Ilhéus às 3h da madrugada deste sábado, dizendo que Danillo tinha sido morto e que o corpo estava numa casa no bairro Jardim Pontal. Quando a polícia chegou ao local, encontrou o corpo dentro de uma caixa d’água que fica no fundo da casa. Os braços tinham sido cortados, parte da perna também tinha sido cortada e o corpo estava parcialmente queimado.


O prefeito de Itabuna, Fernando Gomes (DEM), decidiu peitar a recomendação do Ministério Público estadual (MP) e manteve como secretários municipais a esposa, Sandra Neilma (Assistência Social), e um sobrinho, Dinailson Oliveira (Administração). Para o MP, eles não têm qualificação técnica para os cargos e a presença dos dois na gestão caracteriza nepotismo. A Procuradoria do Município defende a competência de ambos para exercer as funções: Sandra, por ter sido secretária em outra gestão; Dinailson, por ter dirigido uma fundação. O MP ameaçou entrar na Justiça caso os parentes do prefeito não sejam exonerados. No começo do ano, Gomes exonerou o filho Sérgio Gomes da Secretaria de Transporte após denúncias da OAB que ganharam repercussão nacional. *Coluna Satélite/CORREIO


Na tarde de ontem (18), por volta das 16hs, policias do Pelotão de Emprego Tático Operacional da 72ª CIPM, realizaram um patrulhamento a pé na Rua da Portelinha (Bairro Novo), no intuito de averiguar denúncias de que indivíduos estariam realizando intensa movimentação de tráfico de drogas naquele local.

Ao abordar dois jovens em frente a um bar, foi encontrado em posse de DEIVISSON SOUZA CERQUEIRA (24 ANOS), e com ele foi encontrado 37 (trinta e sete) petecas de uma substância aparentando ser cocaína. O mesmo foi conduzido para o plantão da polícia civil, onde foi lavrado o boletim de ocorrência, ficando o mesmo a disposição das autoridades judiciárias.


O Pelotão de Emprego Tático Operacional (PETO) da 72ª Companhia Independente de Polícia Militar prendeu dois indivíduos identificados como Valtenor Jeferson Araújo Santos que conduzia o veículo Fiat Punto, cor preta e Antônio Carvalho na última segunda-feira (15), por volta das 17:00 em posse de um revolver calibre 38, quando realizavam patrulhamento ostensivo nas imediações da Vila Marambaia (Km 06) e avistaram o veículo em atitude suspeita. Foi dada ordem de parada ao condutor, no entanto, esse desobedeceu e empreendeu fuga, sendo alcançado e após a abordagem, os policiais encontraram em posse dos ocupantes, um revólver Calibre 38 com numeração suprimida e municiado. Ambos foram apresentados no plantão da Delegacia de Polícia Civil, onde foi lavrado o auto de prisão em flagrante, pelo crime de porte ilegal de arma de fogo, previsto na Lei 10.826/03.Fonte: Itacaré Informa.


Uma mulher foi presa na última quarta-feira (10), por simular o próprio sequestro e pedir R$ 2 mil de resgate para a família, em Sobral, norte do Ceará. De acordo com o delegado Márcio Lopes da Silva, titular da delegacia da região, Daiane Souza Silva, de 23 anos gravou áudios imitando a voz de um suposto sequestrador e postou fotos para tentar conseguir o dinheiro. As gravações e a postagem foram feitas na madrugada de terça-feira (9), segundo a polícia. De acordo com a polícia, a negociação entre a suposta vítima e a família foi feita por mensagens com o celular dela, uma professora de 25 anos. Uma foto foi enviada para o celular de um familiar. Em uma das gravações, há a exigência de R$ 2 mil pela libertação. As mensagens continham ameaças . “Nós quer 2 mil real pra soltar ela. Aqui é o CMDL, entendeu, é o comando daqui. É nós que manda (…) se meter os homem aí no mei o negócio vai ferver pra ela, sacou maluco, sacou..”, diz um trecho com voz falsa. Ainda de acordo com o delegado, a professora contou a ajuda de um amigo, um homem de 29 anos. Silva afirmou também que ela confessou o crime e disse em depoimento e disse que estava se sentindo sozinha e desprezada pela família e, por isso, simulou o sequestro. O delegado disse que ouviu familiares que asseguraram que a professora nunca apresentou nenhum tipo de distúrbio psiquiátrico. A dupla foi presa nesta quarta-feira e conduzida para a Cadeia Pública de Sobral. Ambos vão responder por crime de extorsão qualificado e, se forem condenados, podem pegar até dez anos de prisão. *Informações do G1