Estudantes, professores, orientadores e coordenadores pedagógicos, pais e profissionais das mais diversas áreas participaram na manhã desta quinta-feira de uma caminhada pelas ruas de Itacaré para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O evento contou com o apoio das secretarias de Assistência Social, de Educação e de Juventude, Esporte e Cultura, Conselho Tutelar e Polícia Militar. A concentração foi em frente à Escola Municipal Maria Benjamina, seguindo pelas ruas do centro da cidade. Por onde passava os participantes da caminhada recebiam o apoio da comunidade.

O objetivo foi denunciar os casos alarmantes de abusos sexuais envolvendo crianças e adolescentes e o quanto a sociedade pode coibir esses crimes. Com faixas, cartazes e palavras de ordens, alunos e professores conclamaram toda a comunidade para se engajar nessa luta. Para isso basta denunciar. De acordo com os organizadores do evento, a cada dia milhares de crianças e adolescentes são abusados e explorados sexualmente e muitas vezes os casos ficam impunes porque os criminosos não são denunciados. Em Itacaré, segundo eles, também ocorrem diversos casos de abuso sexual.

Para denunciar basta ligar para o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O Disque 100 funciona diariamente das 8 às 22 horas, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: [email protected]

O “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” foi instituído a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A intenção do 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil. (Secom/Itacaré)


Começa nesta quarta-feira, 17, e se estende até sexta, dia 19, o evento Nave de Inovação Bahia Sustentável (Nibs), no Centro de Convenções de Ilhéus, com  o apoio do Governo do Estado, por meio das Secretarias de Turismo (Setur) e de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI); e da Bahiathursa. Nesses três dias, a iniciativa apresenta novidades e tendências tecnológicas para diferentes áreas, como a produção de cacau e chocolate, empreendedorismo, e-commerce, maratona hacker, disputa de games e a terceira edição do evento anual Google I/O Extended, um dos mais esperados do setor. As inscrições, totalmente gratuitas, podem ser feitas no site http://www.nibsbahia.com/site/.

Google I/O

Pelo terceiro ano consecutivo o Instituto Nossa Ilhéus traz à cidade o Google I/O Extended. No evento, que será transmitido com tradução simultânea da Califórnia (EUA), serão lançadas as principais novidades da área de tecnologia e também palestras, oficinas e bate-papos.

Os trabalhos do Extended acontecem nos três dias do Nibs. No dia 17, a partir das 8h, com o credenciamento, seguido de abertura oficial e palestra magna com Francesco Farruggia, presidente da Campus Party, às 11h. No dia 18, começa às 12h30min, com palestra sobre o sistema Android. Na sexta, a partir das 13h30min, aborda o tema inteligência artificial.

StartUp e E-commerce

No dia 18, a partir das 13h30min, será aberto o espaço StartUp e E-Commerce, com palestras que abordarão como pequenos comerciantes podem utilizar a tecnologia como aliada. Sob a coordenação do Sebrae, estarão em pauta a legislação, inovação, tecnologia, planejamento, logística, venda, meios de pagamento e mídias sociais.

Agro

As tecnologias voltadas à melhoria da cadeia produtiva do cacau e chocolate no sul da Bahia serão discutidas no espaço Chocotec, no dia 19, a partir das 13h30min. Serão apresentados equipamentos e produtos voltados ao agronegócio e aos pequenos agricultores, além de abordados casos de sucesso surgidos da união da tecnologia com a lavoura cacaueira

Exposição

O Nibs vai fazer aterrissar a Nave, uma feira com exposição de produtos do segmento de realidade virtual, softwares, hardwares e inovação tecnológica, durante todos os dias do evento, das 14h às 21h. Será um espaço voltado para profissionais da área, programadores, desenvolvedores e amantes da tecnologia em geral.

No espaço, também estará disponível o Lounge Interativo, um local dedicado aos competidores que querem conhecer gente nova, trocar ideias, descansar ou até mesmo conhecer potenciais patrocinadores para sua startup ou projeto tecnológico.

Hackaton +MAIS Ilhéus

Durante o Nibs, programadores, TIs, desenvolvedores, empreendedores e designers se reunirão para criar soluções tecnológicas e projetos que facilitem a participação cidadã ou que estimulem a inovação local. Os trabalhos terão como tema a problemática de como melhorar a qualidade do serviço público na cidade. O espaço Hackaton funcionará nos três dias de evento.

O evento tem como parceiros o Sebrae, o Instituto Nossa Ilhéus (INI), a Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC), o Costa do Cacau Convention Bureau, a Prefeitura de Ilhéus, a Associação de Turismo de Ilhéus e a Localdata Web. A organização é da MVU Promoções e Eventos.


A Micareta de Feira é a maior festa de rua da Bahia, perdendo apenas para o Carnaval de Salvador, e atrai um multidão de pessoas que aproveitam ao máximo a ótima programação do evento.

Neste ano, a realização será entre os dias 18 e 21 de maio de 2017, diferente do ano passado que aconteceu em abril.

Quem vai ter a missão de abrir oficialmente a Micareta de Feira de Santana 2017, na quinta-feira, 18, será o Trio da Cidade. A grade oficial da festa momesca foi divulgada pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer.
O Trio da Cidade é composto exclusivamente por artistas feirenses, comandados pela maestrina Celiah Zaiin. Eles iniciam a festa a partir das 19h. No mesmo dia teremos a apresentação de Tayrone, É O Tchan, Oz Bambas, Duas Medidas, Chicabana e mais nove atrações.

Na sexta-feira (19) o bloco As Poderosas começa o desfile a partir das 19h. Logo após, a banda Jammil entra no circuito Maneca Ferreira. Neste dia, 18 atrações fazem a folia, dentre elas: Saulo, Amanda Santiago, Armandinho, Dodô e Osmar, Bailão do Robssão e muitos outros.

O sábado de Micareta, 20, será o dia de mais atrações: 33 no total – entre blocos e pipoca. A festa neste dia também começa mais cedo, a partir das 11h. Como de costume, o sábado reserva os desfiles de blocos tradicionais como o Bacalhau Na Vara, comandado pela Dilma Ferreira e o Lá Vem Elas, que terá o Léo Santana. Para o folião pipoca teremos a apresentação de Alinne Rosa, Pablo, Edson Gomes, Banda Eva e Psirico.

Já com clima de despedida, o projeto Ginga Menino inicia os desfiles do domingo (21) a partir das 11h. Timbalada, Cheiro de Amor, Igor Kannário e Léo Santana fecham a festa. A Micareta de Feira de Santana será realizada entre os dias 18 e 21 de maio.


Ilhéus e Itabuna estarão no Fantástico, da Rede Globo, neste Domingo das Mães. Por motivos distintos. Ilhéus será alvo de reportagem sobre o golpe que rendeu R$ 25 milhões a um grupo acusado de fraudar licitações e até servir, na merenda escolar, carne com data de validade vencida há dois anos.

Já Itabuna, aparecerá por outro motivo, a adoção das Constelações Familiares, que envolve mediação de conflitos entre familiares. A iniciativa, no município, é coordenada pelo juiz Sami Storch, titular da 2ª Vara da Família da Comarca de Itabuna.

A reportagem falará dos resultados obtidos pelo projeto, que também atende adolescentes em conflito com a lei. Storch foi um dos primeiros magistrados brasileiros a levar para o Judiciário a iniciativa que pretende humanizar as práticas no âmbito da Justiça.

Sami Storch começou a adotar a prática em 2012, na Comarca de Castro Alves, também na Bahia. Já ali, o índice de conciliação chegava a 91%, quando uma das partes participou da dinâmica. Nas audiências simples, sem a prática, cai a 73%.

Os processos chegaram a 100% de resultado positivo quando as partes participaram do Constelação, segundo o magistrado, que anunciou a dinâmica também para processos de inventários, que são mais demorados. Pimenta/Redação com CNJ.


Dois pescadores ficaram feridos após um barco pegar fogo em alto-mar em Ilhéus, na manhã desta sexta-feira (12). Segundo a TV Santa Cruz, os pescadores, de 26 e 51 anos, tiveram metade do corpo queimado e foram levados para o Hospital Regional de Ilhéus. Mais outros quatro estavam na embarcação. Conforme informações do G1, um barco de pesca que passava perto fez o resgate. O acidente ocorreu cerca de uma hora e meia após o embarque. A explosão foi causada por um vazamento de um botijão de gás.

Em cerimônia no Palácio do Planalto, o presidente da República, Michel Temer, sancionou nesta quinta-feira (11) a lei que cria a Identificação Civil Nacional (ICN). A partir da lei, estarão em um único documento a carteira de identidade, o título de eleitor e o cadastro de pessoa física (CPF). Com a identificação única, os bancos de dados da Justiça Eleitoral, do Executivo e de governos regionais serão integrados. “Esse documento foi um passe extraordinário de entendimento de governo”, afirmou o presidente do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), Guilherme Afif Domingos, em entrevista ao Portal Planalto. Na visão de Afif, que também é membro do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social (CDES), o Conselhão, o novo documento vai diminuir o número de fraudes e gerar economia, além de ser passo importante para a desburocratização. “O Brasil é um dos países campeões de fraudes, principalmente sobre o sistema financeiro, gerada por múltiplas identificações”, afirmou. A criação de documento único foi levada a Temer pelos integrantes do Conselhão.


A Secretaria de Assistência Social da Prefeitura de Itacaré enviou na manhã desta sexta-feira uma equipe de técnicos e assistentes sociais do Município para dar um auxílio, verificar a real situação e ajudar as pessoas vítimas do incêndio ocorrido nas imediações das barracas da feira livre. No local os técnicos realizaram um levantamento das pessoas que moravam nos barracos atingidos pelo fogo, conversou com os moradores e já estão dando assistência a essas famílias.


Inicialmente a equipe da Prefeitura de Itacaré está providenciando alimentação e agasalhos para as pessoas que perderam os barracos e objetos e já está buscando o aluguel social para abrigar essas pessoas. A orientação da secretária de Assistência Social, Ivonete Damasceno, é de que nenhuma dessas pessoas diretamente atingidas fique sem atendimento. Além de buscar local para abrigar as vítimas, a equipe da Secretaria de Assistência Social também dará auxílio para a emissão de documentos de pessoas que não conseguiram retirar seus pertences.
O incêndio aconteceu na madrugada de sexta-feira. Os moradores relataram que foram surpreendidos pelo fogo que se alastrou destruindo alguns barracos. Alguns moradores não conseguiram pegar seus objetos e móveis, mas ninguém saiu ferido. A dona de casa Ana Nery dos Santos, de 56 anos, foi uma das vítimas e contou do desespero ao acordar com o fogo nos fundos da casa. Apesar do susto e dos prejuízos, ela contou que ainda tem o maior patrimônio, que é a vida. Ela também agradeceu à equipe da Prefeitura de Itacaré pela assistência e pela ajuda.
O garçom Abel Charles também foi uma das vítimas e já foi cadastrado pela equipe da Prefeitura para receber a assistência. A secretária Ivone Damasceno reconhece as dificuldades que essas pessoas estão passando, mas assegurou que todo o esforço já está sendo empreendido para que todas as vítimas sejam assistidas, minimizando assim os prejuízos e possibilitando maneiras para que possam continuar suas atividades. Além da Prefeitura, as vítimas do incêndio têm recebido o apoio de vizinhos, empresários e da comunidade de Itacaré. (Secom/Itacaré)