A delação premiada do empresário Joesley Batista, pivô da crise que abala o governo Michel Temer, pode ser questionada pela Procuradoria-Geral da República porque o acionista da JBS teria omitido negócio bilionário do grupo realizado sob as bênçãos do ex-ministro Antônio Palocci (Fazenda e Casa Civil/Governos Lula e Dilma).Segundo revelou o site O Antagonista, Joesley firmou contrato com Palocci, com cláusula de êxito, depois que a JBS adquiriu a empresa americana Pilgrim’s, Pride Corporation com aporte bilionário do BNDES. A informação foi confirmada pelo Estado.A JBS repassou R$ 2,1 milhões à empresa Projeto Consultoria Empresarial e Financeira, de Palocci, entre dezembro de 2008 e junho de 2010.O empresário que gravou a conversa com Temer no Palácio do Jaburu na noite de 7 de março afirmou à Procuradoria-Geral da República – já no curso da colaboração – que Palocci não facilitou nenhuma transação da JBS no BNDES.


Nesta sexta-feira, 19 de maio, uma equipe da prefeitura de Itacaré foi enviada pelo prefeito Antônio de Anízio à capital na busca de parcerias para áreas de meio ambiente e pesca. O grupo integrado pelo vice-prefeito Genilson Souza, Secretário de Meio Ambiente Cosme Nunes, Secretária de Educação Joselita Santana, Diretora de Pesca Josineide Santos (Leidinha), e Secretário de Transportes Erivaldo Magalhães, além da dirigente do Partido dos Trabalhadores-PT de Itacaré dona Terezinha, participaram de reuniões junto ao Inema e Bahiapesca.


No Inema, com o Chefe de Gabinete Welton Luiz, foram discutidas e encaminhadas demandas voltadas para integração da fiscalização ambiental entre os órgãos do município e do governo de Estado, execução conjunta de programas de Educação Ambiental e instituição de uma Brigada de Combate a Incêndios Florestais.

Já na Bahiapesca foi assegurado apoio técnico para realização de um Diagnóstico das Potencialidades da Pesca em Itacaré, que subsidiará a elaboração dos projetos de captação de recursos para financiar atividades de geração de emprego e renda fomentando a cadeia produtiva pesqueira no município. O presidente da Bahiapesca, Dernival Oliveira, anunciou também parceria com a Secretaria Municipal de Educação e Diretoria Municipal de Pesca, na estruturação no município de Itacaré de Curso do PRONATEC voltados para capacitação técnica, qualificação e profissionalização, notadamente de jovens filhos de pescadores.


Na tarde de ontem (18), por volta das 16hs, policias do Pelotão de Emprego Tático Operacional da 72ª CIPM, realizaram um patrulhamento a pé na Rua da Portelinha (Bairro Novo), no intuito de averiguar denúncias de que indivíduos estariam realizando intensa movimentação de tráfico de drogas naquele local.

Ao abordar dois jovens em frente a um bar, foi encontrado em posse de DEIVISSON SOUZA CERQUEIRA (24 ANOS), e com ele foi encontrado 37 (trinta e sete) petecas de uma substância aparentando ser cocaína. O mesmo foi conduzido para o plantão da polícia civil, onde foi lavrado o boletim de ocorrência, ficando o mesmo a disposição das autoridades judiciárias.


Fazendo parte da programação de atividades do 4º Festival Sabores de Itacaré, foi realizado, hoje dia (18), pela Secretaria de Turismo de Itacaré uma visita técnica com Empresários, Cozinheiros e Chefs participantes do Festival ao Assentamento Pancada Grande. O objetivo da visita foi aproximar compradores dos produtores rurais e inserir nas pousadas, hotéis, bares e restaurantes de Itacaré os produtos da agricultura familiar local agregando ainda mais valor a produção associada ao turismo.

Em sua pagina oficial em uma rede social, Júlio Oliveira escreveu; “Nossa Visita Técnica foi sensacional ! Agradeço a todos pela participação e em especial a Comunidade de Pancada Grande por nos receber de forma especial. Uma grande recepção com muita esperança em acreditar que o Festival Sabores de Itacaré planta uma semente que levará a comunidade grandes frutos. Parabéns a todos, plantamos a esperança e vamos colher bons frutos. Os objetivos superaram as expectativas deles e nossa também. Foi muito bom os assuntos tratados e discutidos com o grupo. Vamos que vamos com um Turismo para todos e inclusivo “!


Estudantes, professores, orientadores e coordenadores pedagógicos, pais e profissionais das mais diversas áreas participaram na manhã desta quinta-feira de uma caminhada pelas ruas de Itacaré para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O evento contou com o apoio das secretarias de Assistência Social, de Educação e de Juventude, Esporte e Cultura, Conselho Tutelar e Polícia Militar. A concentração foi em frente à Escola Municipal Maria Benjamina, seguindo pelas ruas do centro da cidade. Por onde passava os participantes da caminhada recebiam o apoio da comunidade.

O objetivo foi denunciar os casos alarmantes de abusos sexuais envolvendo crianças e adolescentes e o quanto a sociedade pode coibir esses crimes. Com faixas, cartazes e palavras de ordens, alunos e professores conclamaram toda a comunidade para se engajar nessa luta. Para isso basta denunciar. De acordo com os organizadores do evento, a cada dia milhares de crianças e adolescentes são abusados e explorados sexualmente e muitas vezes os casos ficam impunes porque os criminosos não são denunciados. Em Itacaré, segundo eles, também ocorrem diversos casos de abuso sexual.

Para denunciar basta ligar para o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O Disque 100 funciona diariamente das 8 às 22 horas, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: [email protected]

O “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” foi instituído a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A intenção do 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil. (Secom/Itacaré)