Encerrado o processo eleitoral que escolheu o Prefeito e os Vereadores para o próximo mandato na cidade de Itacaré, agora às expectativas e os olhos giram em torno da eleição da nova mesa diretora do Poder Legislativo Itacareense. A pergunta é: quem será o próximo Presidente da casa? Quem tem pretensões? Quem se habilita? Quem terá mais apoio? Quem será o candidato apoiado pelo o Prefeito eleito Antônio de Anízio que precisa formar a sua nova base na casa? Quem será o candidato da oposição? Será que ela vai se dividir de novo? São perguntas que não querem calar.
Nomes já se apresentam pelo os dois lados. São nomes novos e nomes mais experientes que desejam pleitear o cargo. Isso tudo pela experiência que se tem, depende muito de entendimento e também de “acordos entre às partes envolvidas no processo” principalmente em se falando na formação da própria mesa diretora. Isso é público e notório não só aqui como também na maioria das Câmara Municipais a coisa funciona dessa forma. Ou estamos errados?

Pelo que tomamos conhecimentos dois nomes já se apresentam postulando o cargo de Presidente: um é Lenoildo Ribeiro Dos Santos, o Canelina (PEN) que estará no seu quinto mandato e com trânsito livre na casa tendo um bom relacionamento tanto no meio da oposição quanto na situação. O outro é o novato Luís Fabiano Santana Rodrigues, o Seu Luís (PT), que vem com força e o apoio de partes da situação.
Dois outros nomes poderão surgir de uma hora para outra: o de Pedro Reis (DEM) vereador eleito mais votado, que sonha há muito tempo em dirigir aquela casa, mas precisa ter respaldo suficiente, habilidade e jogo de cintura para buscar às conversas e conquistar aliados a seu favor. O outro é o “velho” e já rodado na política Itacareense Milton Ramos (PSB), ex. Presidente da casa e também ex. líder da bancada do prefeito eleito Antônio de Anízio, em sua primeira gestão. Experientíssimo, mesmo já tendo passagem por aquele poder foi uma surpresa o seu retorno.

Como já sabemos como funciona o processo eleitoral nesses casos pelo longo tempo de acompanhamento de reuniões naquela casa, podemos ter surpresa sim! Já presenciamos vereador entrar na sala de votação corado( vermelho) e sair branco, branco com a fisionomia transformada. ” Em política só não se viu boi voar”.

Nas últimas eleições Municipais foram eleitos seis novos vereadores são eles: Dinho (DEM), Seu Luís (PT),  Guri (PRB), Miguel da Matinha (PSB), Hamilton Paixão (PSDB), Val do Cacau (PT). Um que retorna após derrota em 2012, Milton Ramos (PSB), e quatro reeleitos (Pedrão (DEM), Givaldo da Ambulância (PRB), Canelinha (PEN) e Benildo da Passagem (PC do B) para o período de 2017 a 2021.

O Jogo já começou a ser jogado… Quem jogar melhor vencerá. Estamos de olho nos bastidores da Política local.


O ministro da Educação, Mendonça Filho, participou da coletiva de imprensa realizada na tarde desta sexta-feira (04) para explicar questões sobre a realização do Enem. O exame acontece neste sábado (5) e domingo (6) e já está marcado por polêmicas. Em sua fala, o ministro disse que está conversando com todos os governadores, para que “garantam a segurança dos estudantes que farão a prova do Enem”. Ele ainda explicou que essa segurança será feita de forma individual, adotando um procedimento para cada local, de acordo com as exigências. “Já adotamos a medida preventiva de não realização do Enem nos locais ocupados para preservarmos a segurança do Enem. O cuidado é total”, disse. Mendonça Filho ainda comentou que uma das medidas que poderão ser tomadas é a suspensão do exame em caso de “qualquer tumulto” durante a prova. “Fazemos um apelo ao bom senso das pessoas que têm esse tipo de atitude”, acrescentou.A gente não vai criar uma situação onde a PM vai ser solicitada para, por exemplo, ficar dividindo aqueles que querem paralisar a prova daqueles que querem se submeter à prova.” Mendonça Filho destacou que a preferência é que o número de estudantes que farão o Enem em dezembro cresça do que colocar em risco a segurança. A presidente do Inep, Maria Inês Fini, complementou afirmando que a polícia não deve ocupar nenhuma escola, aproveitando para ressaltar que “todos os alunos que estavam destinados a um lugar que porventura esteja ocupado, a eles está garantido o direito de prova [em nova data]”. (Noticias ao Minuto)


Yagê Araújo teve pela frente uma duríssima parada contra Hizunome Betero e Tomas Hermes, além do peruano Gabriel Villaran. Yagê começou bem a sua bateria. Chegou a permanecer durante muito tempo na segunda colocação, o que garantiria sua vaga no round 3. Yagê tinha um 5.83 e um 6.10, somando 11.93. Mas a cinco minutos finais, sofreu uma virada de Tomas, que já tinha um 7.33 e conseguiu um 6.40.

Yagê, então, passou a precisar de uma nota 6.57, nada demais para a qualidade do surf do baiano, mas a onda não veio. No fim, passaram Hizunome, com 15.53 e Tomas, com 13.73.

Já o início da tarde foi a vez do baiano Bino Lopes disputar sua bateria e carimbar o passaporte para a fase 3 da competição. Bino foi superior durante quase todo o heat e passou como líder, com 14.27 (fruto de duas notas 7.10 e 7.17), deixando Tristan Guilbald (FRA), em segundo com 13.26. O neozelandês Billy Stairmand e o paulista Flávio Nakagima foram eliminados na 3ª e 4ª posições respectivamente.

Em seguida, na 16ª bateria do dia, o também baiano Marquinho Fernandez foi outro que se despediu do evento ao ficar com a 3ª colocação em seu heat. Marquinho também não teve facilidade ao enfrentar duas feras do surf nacional: o top Alex Ribeiro, que integra a elite mundial e também Luel Felipe. Ribeiro passou como líder com 11.77 e Luel, em segundo, com 8.33. Marquinho ficou com 8.26 e o norte americano Brett Simpson, ficou com a 4ª colocação, somando 7.90 pontos.

O quarto baiano na competição, o ilheense Franklin Serpa, já havia deixado o evento no dia anterior. Com esses resultados, apenas Bino Lopes segue representando a Bahia na disputa e ainda mantém as chances de se garantir na elite em 2017. Bino ocupa o 6º lugar no ranking do QS e é o segundo brasileiro mais bem pontuado, atrás apenas de Ian Gouveia, que está em 5º no ranking. Fonte: Surf 73.


O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) divulgou na tarde desta terça-feira (1º), por meio da assessoria de comunicação, uma lista com as instituições de ensino que estão ocupadas na Bahia e que terão a aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) adiada. No estado, há ocupações em ao menos 25 municípios. Em coletiva à imprensa, o Inep informou que os candidatos inscritos no Enem que tinham como locais de prova as unidades de ensino ocupadas, não poderão fazer a exame neste final de semana. Para estes concorrentes, as avaliações serão realizadas nos dias 3 e 4 de dezembro. Em todo o Brasil, 191.494 inscritos foram afetados pela decisão e devem responder as provas do Enem em dezembro. Nacionalmente, o Inep calcula que 304 colégios listados como locais de provas estão ocupados. Em todo o Brasil, as ocupações são motivadas pela rejeição à medida provisória que trata da reforma do ensino médio e também contra a PEC do teto de gastos públicos.

Confira a lista de escolas ocupadas na Bahia.

Alagoinhas

Universidade do Estado da Bahia – Campus II – Bloco B

Amargosa

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – Bloco

Barreiras

Universidade do Oeste da Bahia – Prédio 2

Cachoeira

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – Centro de Artes, Humanidades e Letras – Prédio 2

Caetité

Universidade do Estado da Bahia – Campus VI

Camaçari

Universidade do Estado da Bahia – Único

Catu

Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia Baiano – Campus Catu

Antiga Escola Agrotécnica – Bloco Antigo – Pavilhão

Conceição do Coité

Universidade do Estado da Bahia – Departamento de Educação Campus XIV – Bloco único

Cruz das Almas

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – Pavilhão ! – Pavilhão de Aulas I

Universidade Federal do Recôncavo da Bahia – Pavilhão II – Pavilhão de Aulas II

Guanambi

Universidade do Estado da Bahia – Campus XII – Bloco

Ilhéus

Instituto Federal da Bahia – Bloco 01

Universidade Estadual de Santa Cruz (UESC) – (Medicina Veterinária/Educação Física) – Pavilhão Adonias Filho – Pavilhão de Exatas – Pavilhão Jorge Amado 1 – Pavilhão Jorge Amado 2 – Pavilhão Juizado Modelo – Pavilhão Pedro Calmon 1

Itaberaba

Uneb – Universidade do Estado da Bahia – Departamento de Educação Campus XIII – Bloco 1 –

Itabuna

Cetep Litoral Sul II – Bloco Único

Colégio Estadual de Itabuna CEI – Bloco Único

Colégio Estadual Dona Amélia Amado – Pavilhão (2/3)

Colégio Estadual Félix Mendonça – Bloco Único

Colégio Modelo Luís Eduardo Magalhães – Bloco Único

Itapetinga

Instituto Federal Baiano Campus Itapetinga – Bloco (A / B / C)

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia (UESB) – Bloco (A/)

Jacobina

Uneb – Departamento de Ciências Humanas Campus IV – Bloco (A)

Jequié

Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia UESB – Dalva de Oliveira – Pavilhão Josélia Navarro – Pavilhão Manoel Sarmento II

Juazeiro

Universidade do Estado da Bahia Uneb – Campus III – Departamento de Tecnologia e Ciências Sociais – DCTCS – Prédio de Direito – Prédio de (Agronomia/Direito)

Paulo Afonso

Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Bahia antigo COLEPA – Bloco (1 – ALA 1 / 2 – ALA 2)

Porto Seguro

Universidade Federal do Sul da Bahia – BLOCO (A/B)

Salvador

Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – Departamento de Ciencias da Vida – DCV – DECV II

Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – Departamento de Ciências Exatas e da Terra – DCETI – Bloco Único

Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – Departamento de Ciênicas Humanas – DCH – Bloco Único

Universidade do Estado da Bahia (Uneb) – Departamento de Educação – DEDC – Bloco Único

Universidade Federal da Bahia – Pavilhão de Aulas Reitor Felipe Serpa – Bloco único

Universidade Federal da Bahia – Pavilhão de Aulas da Federação V – Bloco único

Santa Maria da Vitória

Universidade Federal do Oeste da Bahia Campus Santa Maria – Bloco Único

Santo Antônio de Jesus

Universidade do Estado da Bahia – Campus V – Bloco 01

Teixeira de Freitas

Universidade Federal do Sul da Habia – Bloco 01

Valença

Universidade do Estado da Bahia – Campus XV – Prédios 01 e 02

Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia da Bahia – Campus Valença – Blocos F e G

Vitória da Conquista

Centro Territorial de Educação Profissional (antida Agrotécnica Sérgio de Carvalho) – Blocos 1 e 2

Instituto Federal de Educação Ciências e Tecnologia da Bahia (Antigo CEFET) – Campus de Vitória da Conquista – Blocos Alfa/Beta/IX/V

Universidade Estadual do Sudoeste da Habia – Módulo I – Uinfor – Módulo II – Ditora – Módulo III – Antônio Luís – Luizão – Módulo IV – Pedagogia

Universidade Federal da Bahia – Campus Anísio Teixeira – Bloco Único


A prefeitura de Itacaré receberá nos próximos dias 1.205.952,90 (um milhão, duzentos e cinco mil, novecentos e cinquenta e dois reais e noventa centavos), extras provenientes da transferência de recursos da repatriação. A Receita Federal informou nesta terça-feira (01/11), que o programa de regularização de ativos no exterior ou repatriação de recursos, trouxe de volta à economia brasileira R$ 169,9 bilhões, que serão distribuídos para Estados e Municípios.

Conforme informações da Confederação Nacional de Municípios (CNM), o valor repatriado é diferente do valor arrecadado; embora será de grande importância para os municípios brasileiros, onde a entrada desses recursos nas contas das dará oportunidade de os prefeitos pagarem os salários do final de ano, além de todos débitos com os fornecedores, podendo transferir a gestão com as contas em dia, sem nenhum débito para o próximo gestor.

Veja abaixo quanto algumas cidades da região irão receber:

Aurelino Leal: R$ 689.115,94
Camamu: R$:1.378.231,88
Canavieiras: R$ 1.378.231,88
Itabuna: R$ 5.606.995,17
Ilhéus: R$ 5.606.995,17
Ibirapitanga: R$ 1.205.952,90
Maraú R$: 1.033.673,91
Ubaitaba: R$: 1.033.673,91
Ubatã: R$ 1.205.952,90
Uruçuca: R$ 1.033.673,91
(CONFIRA AQUI).


A ONG Etiv do Brasil, situada na Passagem convida toda comunidade para participar do primeiro mutirão de limpeza do bairro.Que será realizado nessa sexta-feira (4). O evento começa às 14:00, com concentração e inicio no Campo de Futebol do São Paulo e termina às 16:00 com gincana de prêmios e lanches para os participantes.

O objetivo é conscientizar às crianças sobre limpeza do bairro e preservação ambiental. Sua presença é muito importante, participe!
Maiores informações: http://www.etivdobrasil.org


O surfista itacareense Yagê Araújo garantiu sua vaga na segunda fase da disputa do Hang Loose Pro Contest 30 anos, o QS 6000 da Joaquina, competição que está acontecendo em Florianópolis (SC). Yagê passou como líder da sua bateria na manhã desta terça-feira (1/11), primeiro dia de evento.

Neste dia de estreias na competição, com mar complicado, condições bastante ruins e vento forte, o representante de Itacaré conseguiu se destacar, surfando contra o brasileiro Jerônimo Vargas, o norte americano Ian Crane e o também brasileiro radicado na Espanha, Vicente Romero. Yagê abriu a bateria com uma onda esquerda que lhe rendeu uma nota 3.33. A partir daí o sulbaiano encontrou dificuldades, mas durante boa parte do heat se manteve na segunda colocação, precisando de uma nota 2.48 para virar.

Aos 15 minutos de bateria Yagê sofreu uma virada do americano e caiu para a 3ª posição. Mas o itacareense conseguiu manter a calma e esperar uma onda boa, o que só aconteceu restando 5 minutos pro fim da bateria. Mais uma esquerda surgiu para o baiano que abriu a onda com uma bela rasgada e saiu emendando as manobras. Yagê apostou até o inside, onde encaixou mais duas rasgadas com muita força e saiu comemorando.

O resultado não podia ser diferente. O baiano arrancou uma nota 6.67 e virou a bateria, assumindo a liderança e se mantendo na ponta até o fim, com um somatório de 10,57, contra 10.50 de Romero, 8.97 de Crane e 8.00 de Vargas.

Com o resultado, Yagê carimbou sua passagem para a próxima fase, o round 2, que deverá acontecer nesta quarta-feira, já com a entrada dos cabeças de chave na competição.

No round 2, o itacareense está encaixado na bateria 6 e terá como adversários dois brasileiros de peso: Hizunome Bettero e Tomas Hermes, além do peruano Gabriel Villaran. Fonte: Surf 73.