Sucesso total total em todas edições a Feira da Praça, promete movimentar a cidade a partir dessa quinta-feira (16), às 17hrs. Com nova logomarca, nova estrutura, novas atrações e novos expositores, e tem como objetivo ser um espaço alternativo para empreendedores locais expor seus produtos.A feira, que nessa edição tem total apoio da prefeitura municipal de Itacaré, terá comercializações de diversos produtos entre eles: artesanatos, cosméticos, roupas, acessórios, bolsas e serviços. E contará com oficinas de arte infantil, desfile e musica ao vivo durante o evento a partir das 18hrs na Praça São Miguel em Itacaré, centro da cidade.

A Feira da Praça é uma realização da Associação das Mulheres Empreendedoras de Itacaré (A.M.E.I). Dúvidas e informações de como participar ou expor produtos e serviços, entrar em contato com Carol (73) 99975 5561.


O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, se reuniu com representantes da Liga Itacareense de Surf e Standup (LIS) para discutir uma série de projetos voltados para o desenvolvimento do esporte e a educação, além de propor a união dos segmentos para promover e atrair eventos esportivos locais, nacionais e internacionais. Antônio de Anízio reconhece a importância do surf para o desenvolvimento de Itacaré, não somente por levar o nome da cidade a nível internacional, como também fortalece a economia local, em especial os setores do turismo e do comércio.

Como parte dos projetos voltados para o surf, o prefeito adiantou que já vem sendo mantidos contatos com empresas organizadoras de eventos mundiais para que Itacaré volte a ser uma referência internacional nesse esporte. Também falou da importância do trabalho desenvolvidos pelas entidades e escolinhas de surf no incentivo e na divulgação do esporte, além de revelar grandes talentos. Paralelo aos eventos que serão realizados e atraídos para Itacaré, Antônio de Anízio discutiu com a Liga a possibilidade de criação de um museu do surf mostrando toda a história do esporte em Itacaré.

Mas não é somente o surf que vem recebendo uma atenção especial da Prefeitura de Itacaré. O prefeito adiantou que deverá ser iniciada nos próximos dias o Centro de Treinamento de Canoagem, em parceria com o Governo do Estado, e a construção do Estádio Municipal no bairro da Passagem, com campo de futebol, arquibancadas e pista de atletismo. Também estão sendo desenvolvidos projetos voltados para o vôlei, futvolei, artes marciais, capoeira e várias outras modalidades esportivas.

PROJETO – Os representantes da Liga Itacaré de Surf e Standup parabenizaram a iniciativa do prefeito de se reunir com as associações para ouvir a comunidade e desenvolver projetos coletivos. Na oportunidade os representantes da LIS apresentaram para o prefeito o projeto do Circuito Municipal de Surf Escolar de Itacaré, com quatro etapas anuais previstas para acontecer de 2017 a 2020. O objetivo desse projeto é formar novos atletas, incentivar aqueles já em formação, além de estimular o vínculo da criança e do jovem com a escola.

Regulamentada pelo Decreto nº 7.984, de 08 de abril de 2013, a LIS é formada atualmente por seis entidades: a Associação de Surf de Itacaré, Associação Itacareense de Surf, Associação de Surf Feminino de Itacaré, Associação de Longboard de Itacaré, Associação de StandupPadle de Itacaré e Instituto Prancha do Campeão. A Liga representa aproximadamente 100 atletas, o que demonstra o interesse dos jovens pelo desenvolvimento do surf local e pela concretização da identidade de Itacaré como cidade do surf. Assecom/Itacaré.


O presidente da Câmara de vereadores de Itacaré, vereador Lenoildo Ribeiro dos Santos, o popular Canelinha, do Partido Ecológico Nacional (PEN), informa a toda comunidade que a sessão da Câmara da próxima terça-feira (14), foi transferida para o dia seguinte quarta-feira (15), em razão da audiência de quatro vereadores entre eles: Miguel da Matinha (PSB), Milton Ramos (PSB), Guri (PRB) e Givaldo da Ambulância (PRB). Que acontecerá na próxima terça-feira no Fórum Desembargador Luiz Pedreira Fernandes em Uruçuca, referente ao preenchimento mínimo de 30% (trinta por cento) de candidaturas do sexo feminino na coligação.

“Quero aproveitar a oportunidade e convidar toda a população para acompanhar a nossa sessão legislativa na Câmara e para aqueles que não puderem comparecer, convido que acompanhem a transmissão ao vivo pela rádio Itacaré Fm, é importante que os Itacareenses saibam dos trabalhos realizados pelo Poder Legislativo”, falou Canelinha.


Acontece nos dias 14 e 15 de abril, na Praça da Mangueira na Pituba, o 1º Festival de Forró de Itacaré. O evento contará com apresentação de quadrilhas juninas, concurso de dança e shows e muito forró. Além de feira de artesanato, comidas e bebidas típicas. Venha pra Itacaré, a gente te espera aqui, um feriado completo em um destino mais completo ainda!

Dez coisas que você precisa fazer em Itacaré.

1 – Tomar café no “Café com Cacau”

Se você quer começar bem seu verão, férias, o seu dia… Recomendamos uma paradinha no Café com Cacau da simpática e entusiasmada Marly Brito. Lá tem overdose de cacau da mais pura qualidade! Uma infinidade de sabores, dos quais jamais imaginaria que seria possível fazer com o fruto.

942715_277349825743566_261881239_n

Foto: Divulgação

2 – Visitar a Fazenda Santa Ana

Dona Ana e Seu Edgard é um casal fofo e incentivador do turismo cultural e rural. Para chegar até a Fazenda é necessário atravessar o Rio de Contas (que já é uma aventura), não muito radical, mas não diga isso para quem tem medo. Eles são produtores artesanais do melhor cacau do mundo, mas trabalham com outras produções como açaí, leites e derivados e pecuária. Quem quiser fazer um turismo rural terá a oportunidade de conhecer a “Trilha do cacau”, “Trilha do curral, “Trilha do pau-brasil”, “Trilha da cachoeira”, observação de pássaros e pesca nos rios e lagos localizados na área da fazenda.

Foto: Heloísa Gomes

Foto: Heloísa Gomes

3 – Fazer Stand Up na Praia da Concha

Nunca se equilibrou em cima de uma prancha na vida? Tampouco sabe nadar? Não se preocupe com isso, na Praia da Concha é possível ficar craque no Stand Up em pelo menos cinco minutos de aula. Os instrutores são super agradáveis e dinâmicos, passam bastante segurança e confiança para os “marinheiros de primeira viagem”. De quebra dá para relaxar no balanço do mar entre uma remada e outra, admirar a natureza e flutuar sobre as águas de Itacaré.

Foto: Tairine Ceuta

Foto: Tairine Ceuta

4 – COMER, COMER E COMER

Não falta lugar para apreciar um bom prato. A gastronomia de Itacaré é maravilhosa e oferece uma diversidade de sabores, mesmo seguindo uma linha bastante regional e valorizando produtos da região, como o cacau. Chega dar água na boca imaginar um camarão no coco, as moquecas incríveis, os drinks de cacau… Pode entrar em qualquer restaurante da cidade, todos são MARAVILHOSOS.

cats

Camarão no coco. Foto: Tairine Ceuta

5 – Arvorismo e tirolesa na Praia da Ribeira

Pois é, Itacaré e Salvador têm muitas coisas em comum, uma delas é uma Praia da Ribeira para chamar de sua. Com mar aberto e ondas hipnotizantes, o mar cede os holofotes para a terra e o ar. Se quiser adrenalina procure os meninos Júnior, Marcos e Henrique monitores do Conduru Ecoturismo, eles são responsáveis pela trilha de arvorismo e descida de tirolesa. Para se aventurar é preciso ter mais de 1,40m e até 110 kg. Os grupos são formados por 4 pessoas por guia, o circuito completo custa R$ 80,00 e apenas as duas tirolesas com vista para a praia R$ 40,00.

20161203_124514-e1481064036115

Júnior, Marcos e Henrique monitores do Conduru Ecoturismo. Foto: Thais Seixas

6 – Brisar na Praia de Itacarezinho

Além do luxo do único restaurante da praia, o ambiente é perfeito para quem quer relaxar, tomar um belo banho de mar e depois meditar e se reenergizar nas águas frias e cristalinas da cachoeira. O encontro de águas é constante na região, o que dá certo charme e provoca deleite aos visitantes.

Foto: @Comsabor

Restaurante Itacarezinho
Uma dica para quem sonha com um lugar na frente da praia, com excelentes pratos. A gastronomia contemporânea, inspirada na comida baiana, com toques especiais de influências portuguesas, africanas, asiáticas e francesas. O chef Clecio Campos, um mineiro que não perdeu o sotaque, mas está completamente ambientado com a Bahia. Ele faz questão de apresentar pratos deliciosos, à base de produtos de cultivo orgânico. Uma dica é provar o Badejo Itacarezinho, sucesso no último festival gastronômico “Sabores de Itacaré”.
 

Confira tudo no vídeo abaixo.

7 – Pegar altas ondas nas Praias de Jeribucaçú e Engenhoca.

Destino certeiro para os surfistas, Itacaré se consolidou como rota dos “ratos de praia” e desbravador de ondas. Destino de competições da modalidade, a praia é uma das queridinhas dos ‘garotos’ parafinados que estão sempre a postos com suas pranchas debaixo do braço em busca da onda perfeita.

Jeribucaçu é uma das praias de Itacaré que você não pode deixar de conhecer. Este pedacinho de paraíso é localizado a 9 km ao sul de Itacaré: em 6 km na BA-001 haverá uma placa indicando a entrada para uma estrada de terra, mais 3 km leva ao estacionamento (R$5,00).

A prais da Engenhoca além de linda, essa praia é bem isolada, com boas ondas e um riacho desembocando no seu canto sul, a praia é muito frequentada por surfistas. Também é possível encontrar água de coco, refrigerantes, cervejas e Tapioca.

8 – Visitar o Centro e conhecer o Casarão Verde e a Igreja São Miguel Arcanjo

Quer conhecer uma cidade? Vá ao centro! Itacaré não seria diferente, portanto não volte para casa sem antes visitar a Igreja São Miguel Arcanjo. Construída no séc. XVI, em 1723 é reconhecida no inventário do IPAC SIC com o grau de Proteção I, proprietária de um valioso acervo histórico e cultural de Itacaré, por isto foi reconhecida como Patrimônio Histórico Artístico, recebendo o Diploma de Monumento Tombado pelo IPAC/ Secretaria de Cultura do Estado da Bahia.

igrejasaomiguel

Foto: Divulgação

9 – Curtir a night na Favela

Itacaré é baile de favela! Para quem curte música eletrônica e mistura de ritmos precisa conhecer o Favela. Um espaço alternativo, descontraído e jovial onde tudo acontece. Todos esperam ansiosos a lua chegar para anunciar a abertura do estabelecimento – quem vai à Itacaré e não se esbalda no Favela não terá histórias loucas para contar.

Foto: Facebook @Favelacoffeeshop

Foto: Facebook @Favelacoffeeshop

10 – Ferver nas noites da Pituba

O que seria da vida noturna de Itacaré sem a Rua da Pituba? Ali é o point e tem de tudo MESMO! Quer comer? Na Pituba tem várias opções. Quer beber? Vai na Pituba, menina! Quer trazer uma lembrancinha para sua tia? Na Pituba vende aquelas camisas “Estive em Itacaré e lembrei de você”, juro! O agito mora na Pituba e opção de curtição e paquera tem de sobra, maravilhosa é ela, Pituba.

Rua da Pituba em frente ao Favela

Rua da Pituba em frente ao Favela

Se você já tinha pensado para onde ir na semana santa, desculpa ter alterado seus planos, pode programar sua ida para Itacaré. Se não tinha pensado, bate aqui! A gente adora ajudar as pessoas.


A Prefeitura de Itacaré já está viabilizando a concessão de uma área pública pertencente ao município para a implantação da sede da 72ª Companhia Independente da Polícia Militar(CIPM). O novo espaço que será doado à PM fica localizado na rua João de Souza, bem no centro da cidade, no imóvel onde funcionava a antiga Telebahia. O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, explica que o objetivo dessa doação é para garantir a implantação definitiva da unidade da PM, garantindo assim mais condições para a Polícia Militar desenvolver o seu trabalho e oferecer mais segurança para os itacareenses e turistas.

Nesta quinta-feira o prefeito Antônio de Anízio recebeu em Itacaré o coronel PM Marcelo Luiz Brandão Teixeira, comandante do Comando de Policiamento da Região Sul (CPR-Sul), para visitar o espaço onde será implantada a sede da PM. Após conhecer o imóvel, o comandante Teixeira confirmou que o local possui todas as condições físicas e a logística necessária para abrigar a unidade, principalmente pelo espaço e pela localização.

Logo após a concessão, o imóvel passará por uma reforma para se adequar às necessidades da Polícia Militar. Participaram também da visita ao espaço que será doado à PM o comandante da 72ª CIPM, Capitão Hosanah, e os secretários municipais Ademar Sá (Desenvolvimento Urbano), Ari Magalhães (Transportes e Trânsito) e Diego Augusto (Juventude, Esporte e Cultura).

Tendo em vista a importância da implantação da unidade no centro da cidade, o prefeito Antônio de Anízio acionou imediatamente o setor jurídico da prefeitura para a elaboração e envio para a Câmara de Vereadores do projeto de concessão do espaço para a PM. A proposta é de que o projeto seja votado na Câmara em regime de urgência, considerando a necessidade e a importância do funcionamento dessa unidade. Com a concessão do espaço a Polícia Militar deixa de funcionar em imóvel locado, passando a ter uma sede própria em Itacaré. Assecom/Itacaré.


Em homenagem especial pela passagem do Dia Internacional da Mulher, o Comando da 72ª CIPM/ Itacaré, refletindo sobre o que este dia representa na vida de cada mulher, e pensando em melhorar o ambiente de trabalho, promoveu na manhã desta quarta-feira (8), um momento de congraçamento e gratidão para as mulheres policiais militares e funcionárias civis que atuam junto ao referido Comando, proporcionando um dia diferente na vida de cada policial feminina.

Em uma manhã festiva, foi realizado um ato ecumênico ministrado por policiais militares lotados na Companhia. Logo após, houve a entrega de kits de beleza e ainda sorteio de vários brindes. Na oportunidade, todas foram homenageadas com um lindo cartão e um singelo poema, finalizando com um delicioso almoço de confraternização.

Tendo como referência essa justa homenagem, o Comando, os Oficiais e os Praças da Unidade, também se irmanaram, agradecendo a todas as mulheres integrantes da unida família 72ª CIPM, pela força, exemplo, coragem e pela acolhida, típica das mulheres de fibra e de ternura, que fazem o cotidiano da vida policial militar mais belo com a presença de cada uma, orientando, comandando, servindo, atendendo, colaborando ao lado dos homens que compõem a Companhia. Que a bênção divina as proteja e as ilumine ainda mais na missão em prol da sociedade que juramos servir e proteger.


Uma manhã com muitas homenagens, música, orações, louvores, sorteios e um delicioso café da manhã. Assim foi a festa em comemoração ao Dia Internacional da Mulher, promovido pela Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Desenvolvimento Social, realizado na manhã deste quarta-feira, no Clube Pirajá. O evento contou com a participação de centenas de mulheres, de diferentes profissões, bairros, religiões, raças e classes sociais, num momento de confraternização entre pessoas guerreiras que se destacam em cada uma de suas atividades.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, fez questão de colocar que todos os dias são dedicado às mulheres, mas nesse momento, em especial, a Prefeitura resolveu comemorar essa data prestando uma homenagem por toda a contribuição que elas têm dado à sociedade. “Com esse momento de festa, de alegria e de descontração, nós buscamos reunir mulheres de todas as camadas sociais de Itacaré para esse momento de confraternização e de homenagens para mostrar o quanto são especiais e importantes em cada papel que elas exercem”, complementou.

A secretária de Desenvolvimento Social, Ivonete Damasceno, destacou o papel da mulher e relatou uma passagem bíblica falando da mulher virtuosa, cujo seu valor muito excede ao de joias preciosas. O evento contou com a integração das mais diversas secretarias e também com o apoio de empresas e voluntários que fizeram questão de prestar suas homenagens às mulheres itacareenses. Durante o encontro também foram feitas apresentações musicais com o padre da paróquia de Itacaré, pastores e pastoras evangélicos e vários artistas locais.

HISTÓRIA – O dia 8 de março é o resultado de uma série de fatos, lutas e reivindicações das mulheres por melhores condições de trabalho e direitos sociais e políticos, que tiveram início na segunda metade do século XIX e se estenderam até as primeiras décadas do XX. No dia 8 de março de 1857, trabalhadores de uma indústria têxtil de Nova Iorque fizerem greve por melhores condições de trabalho e igualdades de direitos trabalhistas para as mulheres. O movimento foi reprimido com violência pela polícia. Em 8 de março de 1908, trabalhadoras do comércio de agulhas de Nova Iorque, fizeram uma manifestação para lembrar o movimento de 1857 e exigir o voto feminino e fim do trabalho infantil. Este movimento também foi reprimido pela polícia.

Porém, somente no ano de 1910, durante uma conferência na Dinamarca, ficou decidido que o 8 de março passaria a ser o “Dia Internacional da Mulher”, em homenagem ao movimento pelos direitos das mulheres e como forma de obter apoio internacional para luta em favor do direito de voto para as mulheres (sufrágio universal). Mas somente no ano de 1975, durante o Ano Internacional da Mulher, que a ONU (Organização das Nações Unidas) passou a celebrar o Dia Internacional da Mulher em 8 de março. Assecom/Itacaré.