Na Bahia, mais de 20 mil baianos estão com fortes dores de cabeça, dores atrás dos olhos, perda do paladar e do apetite, náuseas, vômitos, moleza, dor no corpo e outros sintomas da dengue. De acordo com a Secretaria de Saúde (Sesab) da Bahia, o estado encontra-se em estado de emergência por conta dos aumentos dos casos de dengue em 2015. Dados do Ministério da Saúde apontam que, em todo ano de 2014, 4.792 casos foram registrados no estado. Este ano, até do dia 30 de abril, 20.813 casos foram registrados – o que representa um aumento de 153% em relação ao mesmo período do ano passado. Os casos estão presentes em 286 dos 417 dos municípios da Bahia (68,6%) e colocam em alerta as populações de Itabuna (4.280), Ilhéus (3.629), Jequié (1.508), Salvador (880), Ibicaraí (592), Jeremoabo (569), Buerarema (470), Simões Filhos (406), Macaúbas (398) e Feira de Santana (396), que concentram 63,1% das ocorrências. De acordo com boletim da Sesab, duas mortes foram registradas: uma em Salvador e outra em Feira de Santana. Para deter o avanço da doença, a Sesab diz fazer o acompanhamento e monitoramento dinâmico dos municípios, visando detectar precocemente o início da transmissão de dengue através de instrumentos de coleta e processamento de dados informatizados e mapas digitalizados e bloqueio de transmissão com equipamentos portáteis para aplicação de inseticida à ultra baixo volume (UBV) em 257 municípios (286 notificantes). A febre chikungunya, registrada desde setembro de 2014 na Bahia, tem 5.953 casos em 127 municípios até o dia 22 de abril deste ano. Do total destes casos, 2.360 em 2014, 3.397 em 2015. As cidades com transmissão confirmada no período são Feira de Santana, Riachão do Jacuípe, Baixa Grande, Ribeira do Pombal, Amélia Rodrigues, Valente, Camaçari, Salvador e Simões Filho. Os municípios com casos importados (casos confirmados com vínculo epidemiológico com Feira de Santana ou Riachão do Jacuípe) são Alagoinhas, Brejões, Cachoeira, Conceição do Coité, Nova Fátima, Irecê, Pé de Serra e Santa Bárbara.

Outros municípios que têm casos confirmados e permanecem em investigação quanto ao local provável de infecção: Capela do Alto Alegre, Ipirá, Lauro de Freitas, Pé de Serra, Pintadas, Serrinha e Una. Já a tal “doença misteriosa”, diagnosticada pelo Instituto de Saúde Coletiva (ISC) da Ufba como Zika Virus, teve 5.067 registros, sendo a maior concentração nos municípios de Camaçari (2.296); Salvador (1.051); Simões Filho (486); Jequié (396); Itiúba (222); Valença (66); Feira de Santana (40); Ruy Barbosa (31); Várzea do Poço (25); Ibiquera (21); Camamu (20); Una (19); Itacaré (17); São José da Vitória (16); Ponto Novo (14); Santo Antônio de Jesus (12); Filadélfia (10); Itatim (10) e São Felipe (10).


Termina nesta segunda-feira (4) o prazo para que os eleitores brasileiros que deixaram de votar ou não justificaram a ausência nas últimas três eleições regularizarem a situação com a Justiça Eleitoral. Quem perder o prazo terá o título de eleitor cancelado automaticamente. De acordo com o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), há 1.782.034 eleitores nessa situação. Desse total, somente 46.042 já tinham se regularizado até a última quarta-feira (29). O TSE esclarece que a regra vale para quem deixou de votar ou não justificou a ausência nas três últimas eleições, sendo cada turno eleitoral considerado uma eleição. Também são computadas faltas aos pleitos municipais, renovações de eleição e referendos. Não são contabilizados, no entanto, os pleitos que tiverem sido anulados por determinação da Justiça. Eleitores cujo voto é facultativo (menores de 18 anos, maiores de 70 anos, analfabetos e pessoas com deficiência) não entram na lista. Para regularizar a situação, o eleitor deve procurar o cartório eleitoral mais próximo de sua residência, portando documento oficial com foto, título eleitoral e comprovantes de votação, de justificativa e de recolhimento ou dispensa de recolhimento de multa (se houver). As relações com números de títulos passíveis de cancelamento podem ser consultadas nos cartórios eleitorais desde 25 de fevereiro e no portal do TSE (http://www.tse.jus.br), na coluna “Serviços ao eleitor” e no link “Situação Eleitoral”. Caso não se regularizem, esses eleitores terão o título automaticamente cancelado entre os dias 19 e 21 de maio, como prevê a Resolução 23.419 do TSE. Sem o título, o cidadão poderá ser impedido de obter passaporte ou carteira de identidade, receber salários de função ou emprego público e obter certos tipos de empréstimos e inscrição. Além disso, pode ter dificuldades para ser nomeado em concurso público, renovar matrícula em universidades públicas.


Centenas de desportistas santa-cruzenses tiveram um feriado diferente. O Dia do Trabalhador em Itacaré foi marcado por um torneio de futebol promovido pela Prefeitura Municipal de Itacaré, através da Secretaria Municipal de Esporte, Cultura e Lazer. A competição foi realizada durante todo o dia desta sexta-feira (1º) no Campo da Passagem. O evento reuniu centenas de pessoas e movimentou a localidade.

O time da Ponte Preta foi a grande campeã do torneio e de quebra levou para sua galeria um troféu, R$: 500,00 reais, 15 caixas de cervejas e todos jogadores receberam medalhas,  já o time do Humaitá que ficou em segundo lugar recebeu um troféu, R$: 300,00 e 10 caixas de cervejas.

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare018
A Ponte Preta foi a grande campeã

 

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare112
Capitão da Equipe do Humaitá recebendo o troféu e o prêmio de segundo lugar

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare121

 

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare144
Jovens destaques da equipe da Ponte Preta

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare179

 

torneio_do_dia_do_trabalho_itacare168
Os organizadores e realizadores do torneio
torneio_do_dia_do_trabalho_itacare148
Grilo, um dos destaques do torneio na lateral direita

Segundo a estimativa da Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos de Energia, Transporte e Comunicações da Bahia (AGERBA), cerca de 40 mil passageiros deverão embarcar na Estação Rodoviária de Salvador durante este feriado do Dia do Trabalho. Neste período, as empresas vão disponibilizar 100 horários extras, além dos 540 horários regulares cumpridos diariamente. O movimento de saída de Salvador irá começou a se intensificar desde ontem (30). Entre os destinos mais procurados estão Itacaré, Ilhéus, Porto Seguro, Lençóis, Vitória da Conquista e Juazeiro.

Recomendações e fiscalização:

A AGERBA recomenda aos usuários do sistema de transporte intermunicipal que evitem o transporte clandestino. Este tipo de transporte não oferece segurança, pois não é vistoriado. Nesta ocasião, equipes de fiscalização da Agência serão mantidos trabalhando em regime de Plantão no Terminal Rodoviário de Salvador, bem como em Operação Blitz nas rodovias estaduais e federais, com apoio das polícias. ( Foto: Mario Nogueira)


As condições do tempo na Bahia, previstas para os próximos dias, continuam sendo influenciadas pelo calor e também pelos elevados índices de umidade. Com isso, o predomínio será de céu encoberto e chuvoso em, praticamente, todas as regiões do Estado. Para as regiões do Recôncavo, Sul e Sudoeste, são os ventos úmidos vindo do Oceano Atlântico os principais responsáveis pela ocorrência das chuvas nessas regiões. Além disso, mesmo afastada da costa, a frente fria que avançou pelo Estado ainda continua influenciando o tempo, ou seja, intensificando estes ventos e, consequentemente, trazendo mais umidade e chuva para as localidades mais próximas ao litoral. Para as demais regiões do Estado, também há previsão de chuvas, embora estas sejam de fraca intensidade.


Os eleitores que não votaram nem justificaram nas três últimas eleições têm até a próxima segunda-feira (4) para comparecer a um dos postos da Justiça Eleitoral para regularizar sua situação e evitar o cancelamento do título de eleitor – para este efeito, cada turno é considerado uma eleição. consulta sobre se seu documento está sujeito ao cancelamento pode ser feita no portal do Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), através do link ‘Situação eleitoral’, na seção ‘Serviços ao Eleitor’. A data final para regularização antes do cancelamento automático do documento é na próximo segunda-feira, 04 de maio. O eleitor deve comparecer ao Cartório Eleitoral com documento oficial com foto, título eleitoral e comprovante de residência. Sem o título, o cidadão está impedido de obter passaporte, ser nomeado em concurso público, renovar matrícula em estabelecimento de ensino público ou obter certidão de quitação eleitoral.