Em Itacaré, chefe de cozinha Jô Pinto fala de gastronomia rica e sustentável

Em Itacaré, chefe de cozinha Jô Pinto fala de gastronomia rica e sustentável

No Conexão Bahia do último sábado, 3, a apresentadora Briza Menezes pegou a estrada com destino à cidade de Itacaré, onde conheceu a gastronomia rica e sustentável da chefe de cozinha de Itacaré Jô Pinto, que busca a matéria-prima dos seus pratos na própria horta ou com produtores da região. “O que um não tem, o outro tem. Isso valoriza a economia, ajuda na sustentabilidade da região. Tínhamos muitas famílias carentes, mas depois que começamos a aplicar a agricultura familiar, o cultivo de alimentos, mudamos essa realidade”, afirmou.

A chefe de cozinha contou que sua relação com a terra veio dos pais e, hoje, tem uma “mina de ouro” no quintal. “Eu tenho fé que um dia as pessoas vão entender o significado do orgânico. Nada mais é do que cuidar do nosso corpo, alimentar a nossa alma. Não é só encher barriga, é cuidar da nossa saúde”, explicou. Ao longo do papo, Jô preparou o prato Sol da Terra, que leva carne do sol, arroz de taioba, feijão-de-corda e banana-da-terra empanada. Além de Briza, outras duas pessoas experimentaram a iguaria, direto do Festival Gastronômico Sabores de Itacaré. Reveja a matéria!


Centena de fiéis de várias comunidades de Itacaré e cidades regionais participaram nesta terça-feira da tradicional festa em louvor ao pdroeiro Bom Jesus e Taboquinhas. Iniciada no último dia 28 com o tradicional novenário a festa em louvor ao padroeiro Bom Jesus de Taboquinhas contou com uma grande programação, incluindo celebrações todas as noites, missas, procissão, alvorada, apresentação da Fanfarra de Percussão de Taboquinhas (Fanpet) e momento culturais.

E nesta terça-feira, dia 06 de agosto, consagrado ao Bom Jesus, os festejos foram iniciados às 5 horas da manhã com a tradicional alvorada que conta com a banda musical passando pelas ruas do distrito anunciando a festa. Às 10 horas foi celebrada a missa festiva pelos padres Ednaldo Cardoso e Marcos e o Diácono Nelson Lira, seguindo com procissão e benção do Santíssimo Sacramento. Logo depois será a vez do tradicional caruru beneficente do Bom Jesus.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, acompanhado do vice-prefeito Genilson Souza, secretários municipais e vereadores, participou das festividades e destacou a importância de garantir a tradição da festa do padroeiro de Taboquinhas. Antônio de Anízio também falou do momento de fé e de oração que permaneceu durante todos os dias dos festejos. A realização foi da Paróquia de São Miguel Arcanjo, com o apoio da Prefeitura de Itacaré.

E esse ano a festa do padroeiro Bom Jesus teve uma novidade, com a realização do momento cultural, a partir das 18 horas, na praça Nativo Vieira. O momento cultural contou com samba de roda e apresentações de vários grupos e manifestações culturais, em homenagem aos 70 anos da igreja de Bom Jesus de Taboquinhas e também abrindo a semana da Micareta 2019 do distrito, que começa na próxima sexta-feira, dia 09.

HISTÓRIA – Esse ano a igreja de Bom Jesus de Taboquinhas estará completando 70 anos de existência. Segundo relatos de moradores antigos do distrito, “Bom Jesus” passou a ser padroeiro de Taboquinhas após uma história de fé. Por volta do início do século XX, quando uma doença atingiu um importante morador e agricultor de Taboquinhas, residente na fazenda São João, na área ribeirinha do rio de contas. O senhor Juvenal Figueiredo Sampaio e um grupo de amigos bem próximos foram à pé até a cidade de Bom Jesus da Lapa, para pagar uma promessa, de onde trouxeram uma imagem da representação do sofrimento de Jesus pela humanidade.

Daí então Bom Jesus passou a ser o padroeiro de Taboquinhas, onde a comunidade escolheu que na mesma data em que se comemora o dia da festa na Lapa, aconteceria também os festejos do Bom Jesus de Taboquinhas. E assim a tradição permanece viva, com festejos todos os anos, contando com nove dias de preparação até chegar ao dia do padroeiro.


Segundo os restauradores, as pinturas possuem cerca de 200 anos estavam escondidas sob camada de tinta da área do reboco original.

Pinturas centenárias foram descobertas durante os trabalhos da 2ª etapa da Obra de Restauro da Igreja Matriz São Miguel Arcanjo em Itacaré, sul da Bahia. De acordo com equipe de restauradores, a pintura identificada como parietal é rica em detalhes e rara beleza e tem certamente 200 anos.

A descoberta revelou uma surpresa histórica para a equipe que trabalhava na obra, e foi encontrada durante a substituição do forro da nave (salão principal que abriga os fiéis), quando ao identificar uma área do reboco original construtivo se desprendendo, foi visto rabiscos coloridos.Imediatamente foi acionado o Instituto do Patrimônio Artístico e Cultural da Bahia- IPAC, que encaminhou 03 restauradores do órgão que até ontem esteve juntamente com a equipe do projeto pesquisando e avaliando aspectos, traços artísticos, técnicas tonalidades usadas na época, a 1ª camada de tinta aplicada sobre o reboco original que serviu de base para o artista plástico fazer a pintura, vídeo conferência com outros especialistas do departamento de obras e restauro do IPAC, enfim, chegaram a conclusão que as pinturas achadas

Para ampliar a mão de obra artística do Projeto, o IPAC, disponibilizou 04 restauradores que se juntarão aos atuais a partir de 15/08, ficarão 14 dias e serão substituídos por outra equipe pelo mesmo período.Esse apoio aumentam as chances para entrega da Igreja para festa do padroeiro em 29/09.

“O trabalho para o resgate e restauro de uma obra de arte como essa, requer tempo, mão de obra e materiais específicos.A obra é aberta a visitação ficaremos felizes em receber quem desejar ver de perto a área até então possível apreciar essa beleza.O Projeto que até então e financiado por doações de trabalho voluntário da comunidade, parceiros como o Txai Resort, Ação dos Amigos (Liane, Assunção e Cris), a parceria gigante da Prefeitura Municipal de Itacaré, os paroquianos das listas dos amigos, o marketing nos eventos feito pela Rádio Itacaré FM e TV Santa Cruz, Itacaré Urgente. Essa história do passado precisa ser resgatada e mostrada para moradores e turistas. Vamos juntos continuar solicitando o apoio de todos” comentou Graça Barbosa coordenadora do projeto.

Para garantir recursos para a realização dos serviços a Paróquia de São Miguel está realizando a campanha “A Fé Restaurada”, onde todos podem fazer doações através de depósitos no Banco do Brasil, agência 4105-X, conta corrente 7034-3, CNPJ 16.628.433/0016-14, ou na secretaria da Paróquia. (Itacaré Urgente)


Itacaré se prepara para sediar a 8ª Etapa do QS Mundial de Surf que acontecerá mais uma vez na Praia da Tiririca em Itacaré, no próximo mês de Outubro, do dia 23 a 27.

De volta ao calendário no ano passado, a etapa de Itacaré da divisão de acesso do Circuito Mundial de Surfe está confirmada. Valerá 1.000 pontos no ranking do Qualifying Series e acontecerá entre 23 e 27 de outubro na Praia da Tiririca.

Promovida pela World Surf League (WSL), a série de baterias de surf faz parte do Itacaré Surf Music 2019, festival que une o esporte e música em uma celebração à natureza e promete mais um ano trazer grandes atrações musicais.


Itacaré, na Bahia, é um dos destinos mais famosos do litoral baiano. Este ano, receberá pela primeira vez o Réveillon Nº1 e promete encantar o público com um roteiro de tirar o fôlego.

Itacaré, Bahia (Foto: Elton Andrade)

Situada entre o mar e a Mata Atlântica, no litoral baiano, ao sul de Salvador, Itacaré deixa qualquer turista apaixonado. A cidade de aproximadamente 25 mil habitantes traz natureza preservada em sua riqueza e diversidade, e presenteia os viajantes com deliciosas praias, cachoeiras e rios. Além das belezas naturais, a região dispõe de badalação, pousadas confortáveis, resorts sofisticados e restaurantes de gastronomia variada. A cidade cercada por áreas de preservação ambiental e terreno montanhoso, permite, ainda, a prática de esportes de aventura, como rafting, mountain bike, tirolesa, arvorismo, trilhas e rapel.

A Zona Turística chamada de Costa do Cacau por ser a principal produtora da fruta no Brasil, receberá o Réveillon Nº1, projeto liderado por Vitor Oliva, CEO e fundador da Holding Clube e produzido pela Samba, uma das agências do grupo. O evento será realizado de 28 de dezembro a 2 de janeiro e receberá mais de 30 atrações nacionais e internacionais, entre eles Ivete Sangalo e Jorge & Mateus, além dos Djs Alok, Aline Rocha e Sunroi. E, para já esquentar os motores, a empresária (e baiana!) Ju Ferraz, diretora e RP da Holding Clube, listou cinco programas imperdíveis nesse paraíso.

Visite as praias paradisíacas da região

Praia de Itacarezinho (Foto: Elton Andrade)

Com características bem particulares, as 14 praias principais em Itacaré são divididas entre urbanas e rurais. Tem praia de agito, deserta, e as que são redutos dos surfistas em função das fortes ondas. As praias urbanas têm fácil acesso a partir do centro da cidade e por isso são mais movimentadas. Entre as mais reservadas, destaque para a Praia do Resende, da Tiririca, do Costa e Praia da Ribeira, localizadas no Caminho das Praias. Já a da Concha tem característica bem diferente: por ter um mar bem calmo, boa infraestrutura, restaurantes e pousadas, se tornou a mais popular de Itacaré.


Realizada no período de 25 a 28 de julho, a VI Edição do Festival Gastronômico Sabores de Itacaré foi responsável por movimentar mais de 120 mil reais na cidade, com a venda de 15 mil pratos e com mais de 80% de ocupação hoteleira. Ao todo foram 42 estabelecimentos, com 50 pratos diferentes, com opções para todos os gostos.

Entre os participantes, chefs renomados foram desafiados a usar a criatividade na elaboração das iguarias que, obrigatoriamente, deveriam conter ingredientes da agricultura familiar da região. No sábado, dia 27, o show de Maria Gadu levou uma multidão ao palco montado na orla. A degustação dos pratos nos restaurantes continua até o dia 3 de agosto.

De acordo com o prefeito de Itacaré, António de Anízio, o festival não está na sexta edição por acaso. O evento mobiliza toda a cidade, gera emprego e renda e atrai cada vez mais turista para a cidade. “Agora é comemorar e já pensar na edição de 2020”, complementou. O evento contou com Circuito Gastronômico, Feira Gastronômica, Armazém do Chocolate e produtos regionais, Cozinha Show com chefs convidados, feira da agricultura familiar, feirinha de artesanato e economia criativa e lançamento dos roteiros gastronômicos.

“O festival se consolida pois faz o link do campo à mesa. Aqui você tem um percurso onde há produtos na Feira da Agricultura Familiar, na cozinha show, nas aulas com possibilidades de uso do alimento, e a feira gastronômica, com pratos feitos à base da produção rural. O festival é a identidade da gastronomia da nossa Bahia”, disse o secretário de Turismo, Júlio Oliveira.

Thiago Lucas Endringer, integrante da Associação de Pequenos Produtores da Camboinha, do município de Itacaré, destacou a importância do festival e salientou que “aqui temos a oportunidade de apresentar tudo que produzimos de maneira orgânica e o resultado das vendas aqui na Feira é a geração de renda para nossas famílias”.

A abertura da cozinha show ficou a cargo do Chef Ícaro Rosa (Restaurante Jiló), Clécio Campos (Restaurante Itacarezinho) e chef Marly Catarina (Restaurante Café com Cacau). A sexta-feira, dia 26, participou Faby Ferraz, Chef Lelo& Paulo Pinto (Ecoporan), Pedro Sobral (SENAC)e Henrique Cruz (Brasa Burguer – Salvador), além do beersommelier Eduardo Carvalho Larangeira ensinou a harmonizar cerveja puro malte.

O sábado ganhou uma cozinha especial. O chef paulista André Otero, que tem no currículo a condecoração de Discipulo de Escofier pelo “respeito a cozinha francesa”, três anos em Paris no Ritz Hotel e embaixada do Brasil esteve no evento. Graduado nas melhores escolas no mundo deixou sua passagem pelos USA nas redes New York Plaza e Hotéis Biltmore Los Angeles e Miami e agora em Itacaré ensinou um pouco do que aprendeu.

O dia também contou com Chef Meirice Rocha (Faculdade Madre Thais), chef Jô (Terra Boa) e o Chef Joaldo Faria (SENAC) que deu receitas de drinks tropicais. No domingo, Frederico Zoppas (Consultor Gastronômico), chef Paulo Melo (Projeto Ecozinha),Chef Damiano Maggiotto& Sub Chef Josivaldo ”Nena” dos Santos (Txai Resort) e Chef Leleco (Restaurante Empório Bahia) fechou a programação com o resgate aos ingredientes locais.

Este ano, entre os restaurantes participantes nomes como Banana´s Café Gourmet, Cabana Corais, Coco Pimenta Gastro Bar, Espaço Brasil Restaurante, Itacaçaí, Itacarezinho Restaurante, Restaurante Sabores da Terra (Hotel Ecoporan), Restaurante Manga Rosa, Restaurante Sabores da Bahia, Txai Resort e Terra Boa Hotel Boutique, com opções que variavam de R$ 7 a R$ 90.

O evento foi uma realização da Prefeitura de Itacaré, por meio da Secretaria Municipal de Turismo e tem o patrocínio da Secretaria Estadual de Turismo, Secretaria Estadual de Desenvolvimento Rural por meio da CAR Governo da Bahia. O Festival tem o apoio do Sindicato Patronal de Hospedagem e Alimentação de Itacaré, Faculdade Madre Thais, IGA – Instituto Gastronômico das Américas, Ertour, SENAC e da Cervejaria Eisenbahn.


Foto: Lupércio Oliveira

Maria Gadú  fechou com chave de ouro o VI Festival Gastronômico Sabores de Itacaré, moradores e turistas lotaram todo circuito montado na Orla da cidade. A cantora vestida com um cocar indígena emocionou o público com sucessos de sua carreira, entre eles “Shimbalaiê”, que foi cantado em coro pelas cerca de 10 mil pessoas que ocuparam o espaço.

Foto: Lupércio Oliveira

Cantora revelação de 2009 e vencedora do premio Multishow 2010, Maria Gadú apresentou um repertório variado. Entre as selecionadas “Trem das Onze” de Adoniran Barbosa, “-Negro Gato”, de Roberto Carlos entre outras, marcaram  sua apresentação.

O Festival Gastronômico Sabores de Itacaré é uma realização da Prefeitura Municipal de Itacaré, através da Secretaria de Turismo, com patrocínio da Bahiatursa, Secretaria Estadual de Turismo, Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR) e o Governo da Bahia.