A Polícia Civil de Maraú, sob o comando da Delegada Andréa Oliveira, prendeu um homem acusado de estupro de vulnerável. O crime foi cometido no dia 16 de maio contra uma idosa de 80 anos, em uma fazenda na região do Pula Macaco, nas proximidades do povoado do Caubi, em Maraú. A prisão ocorreu na tarde da última quinta-feira, 16.

Em 2018, o homem foi preso por homicídio na cidade de Nilo Peçanha, no baixo sul do estado, mais foi solto pela justiça após cumprir oito meses de prisão e ser libertado em janeiro de 2019. O criminoso já é conhecido na região, teria trabalhado inclusive na fazenda da vítima. O homem pediu abrigo a um funcionário da propriedade que permitiu que o mesmo ficasse até que ele encontrasse um novo trabalho.


Um homem identificado por Sérgio Luis Santos de Oliveira, conhecido como Sarapa, 51 anos, foi assassinado com vários tiros no interior do lava jato Ciclone, na Rua Lindolfo Collor, bairro do Malhado. De acordo com as informações do Blog Fábio Roberto, dois homens armados se aproximaram da vítima e efetuaram 04 disparos de arma de fogo. O SAMU chegou a ser acionado, mas Sarapa não resistiu. Após indivíduos fugiram em direção ao Alto do Coqueiro. A PM foi acionada, procedeu diligências, mas ninguém foi preso. O corpo foi removido para o departamento de polícia técnica e o crime será investigado pela equipe operacional do Núcleo de Homicídios da 7ª Coorpin/Ilhéus. (Giro em Ipiaú)


Evento apresentará nova logística para a revisão biométrica extraordinária nas cidades de Almadina, Barro Preto, Camacã, Coaraci, Floresta Azul, Ibicaraí, Itajuípe, Itapatinga, Mascote, Pau Brasil, Santa Cruz da Vitória, Santa Luzia, Uruçuca e Itacaré.

Com o objetivo de apresentar a nova logística para a revisão biométrica extraordinária, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA) realizará, na próxima sexta-feira (17/5), uma audiência pública, a segunda de uma série de 23. A cerimônia, que será presidida pelo procurador regional eleitoral Cláudio Gusmão, está marcada para 9h30 e ocorrerá na Câmara Municipal de Itabuna.

A audiência tem, ainda, a intenção de alavancar a coleta dos dados biométricos dos eleitores que residem em Almadina, Coaraci, Itapatinga (municípios integrantes da 135ª ZE); Barro Preto, Itajuípe (136ª ZE); Camacã, Mascote, Pau Brasil, Santa Luzia (133ª ZE); Floresta Azul, Santa Cruz da Vitória, Ibicaraí (29ª ZE); Uruçuca e Itacaré (198ª ZE). As cidades integram o grupo dos 281 municípios participantes da última fase da revisão biométrica obrigatória no estado. A convocação dos eleitores teve início na última segunda (13/5).

Dentre as cidades listadas na região, Coaraci, sede da 135ª ZE, destaca-se como aquela com maior índice de eleitores biometrizados. Dos 16.704 cidadãos aptos ao voto, 8.867 (53,08%) já realizaram a coleta dos dados.

Agendamento

A nova fase da biometria no estado tem como prioridade o agendamento, por meio de site e telefone. A abertura do serviço ocorreu no último dia 6 de maio. Apenas no primeiro dia de ativação do serviço, mais de 6 mil horários foram marcados.

Para o atendimento com hora marcada, o eleitor deverá acessar o endereço eletrônico agendamento.tre-ba.jus.br ou ligar para Central de Atendimento (71) 3373-7223. Para agendar, o interessado deve informar CPF, nome completo e data de nascimento. Entre os dados opcionais estão o número do título de eleitor e nome completo do pai e da mãe.

Serviço:

O quê: Audiência Pública para divulgação da Biometria

Quando: sexta-feira, 17 de maio, às 9h30

Onde: Câmara Municipal de Itabuna (Rua Adolfo Maron, 1 – Nossa Senhora da Conceição)

 


Buscar cada vez mais apoios de lideranças políticas e órgãos governamentais para que possam ajudar a alavancar e melhorar ainda mais a educação em Itacaré. Esse é o objetivo do prefeito Antônio de Anízio, que esta semana encaminhou para Brasília a secretária de Educação, Eliane Camargo, e a diretora pedagógica, Jamile Sousa, para importantes audiências e reuniões com deputados federais, diretores de fundações e dirigentes de Ministério da Educação.

Um dos encontros das representantes de Itacaré foi com o coordenador geral de formação de gestores e técnicos da educação básica do Ministério da Educação, José Roberto Ribeiro Júnior, onde solicitaram o apoio visando a qualificação e o aperfeiçoamento dos profissionais que atuam na área da educação. O coordenador do Ministério da Educação destacou a importância da Prefeitura de Itacaré estar atenta para a melhoria da educação básica e já garantiu que irá disponibilizar para o município o curso de formação continuada Escola para Gestores.

Ainda em Brasília Eliane Camargo e Jamile Sousa se reuniram com o deputado federal Márcio marinho (PRB) onde apresentaram propostas de emendas parlamentares voltadas para a educação, principalmente no tocante a melhoria dos transportes escolares. Márcio Marinho parabenizou pela iniciativa e já garantiu o apoio, afirmando que a educação é uma das prioridades do seu mandato e Itacaré tem se destacado por investir na melhoria da qualidade do ensino.

Também por solicitação do prefeito Antônio de Anízio, as representantes da educação de Itacaré participaram do encontro Mais Brasil: FNDE em Ação pela Educação – Prefeituras, um evento eu teve a proposta de capacitar os participantes sobre os programas da Autarquia e prestar atendimento individualizado para solução de problemas pontuais.

O evento contou com a participação de cerca de 200 gestores e técnicos de prefeituras envolvidos na gestão dos programas educacionais do Fundo Nacional de Desenvolvimento da Educação (FNDE) e Itacaré, segundo explicou a secretária Eliane Camargo, tem buscado cada vez mais as orientações sobre a execução dos programas educacionais gerenciados pelo Governo Federal, a correta utilização desses recursos repassados e de que forma isso pode refletir na melhoria da educação no município.


 

Apesar de ter sido anunciado pelo Tribunal Regional do Trabalho da Bahia (TRT-BA), o leilão do Itacaré Eco Resort foi suspenso pelo juiz José Cairo Júnior, da 3ª Vara do Trabalho de Ilhéus, no sul do estado.  A empresa havia apresentado embargos de terceiros e o pedido foi acatado na última sexta-feira (10). O leilão estava previsto para ser realizado nesta quarta-feira (15) (saiba mais). O empreendimento seria leiloado para quitar dívidas trabalhistas.

A direção do Itacaré Eco Resort informa que tem realizado pagamentos mensais de acordos celebrados e busca melhor solução sobre este litígio, além de manter uma série de investimentos, melhorando e qualificando mão de obra de colaboradores bem como apoiando diversas ações ambientais de âmbito municipal na cidade de Itacaré. “A política adotada para parcelamento e quitação dos direitos trabalhistas assegurados visam também a saúde financeira da empresa e este equilíbrio é de suma importância para a sobrevivência do empreendimento. A empresa vem quitando os débitos, mesmo com a grave crise econômica que assola o país e principalmente, a região sul da Bahia, além disso mantém em seu quadro mais de 80 empregos diretos, garantindo assim a sua função social para toda a coletividade”, afirma o advogado do hotel, Milton Ventorim Junior.

O advogado afirma que o leilão estava previsto para acontecer, pois alguns trabalhadores não concordaram com o parcelamento da dívida e pediram continuidade da execução trabalhista. Para o advogado, a decisão do magistrado de sustar o leilão foi “acertada”. “Enquanto se aguarda o julgamento desses Embargos de Terceiros, o Itacaré Eco Resort continuará com sua política de acordos e quitação, com respeito às decisões judiciais”, afirma o representante do empreendimento. (Bahia Noticias)


Sai ano, entra ano e eles continuam lá, estacionados em vagas públicas e em péssimo estado de conservação. São os veículos apreendidos pela Polícia Civil que ficam guardados em frente a antiga delegacia de Itacaré, com pneus furados, vidros quebrados, com só a lataria ou seja, totalmente abandonados e entregues à própria sorte.

Meus filhos vêm almoçar todos os dias e não têm onde estacionar os carros, não tem espaço. Sem falar que ficam criando mosquito, tem carro que está há mais de um ano parado aqui — relata uma moradora que não quis se identificar.

— Faz um ano e pouco eu conversei com um delegado, mas a desculpa que dão é a mesma, não tem espaço, não tem onde colocar, aí tem a história da multa, que não encontram o dono do carro. Então não temos voz, o morador, o contribuinte tem que ficar a mercê dessa situação, que está muito difícil — diz Claudete Santos de Abreu, 37, que cuida da mãe de 79 anos.


O secretário de agricultura de Ilhéus, no litoral sul, Valmir Freitas do Nascimento, e dois empresários do município, identificados como Cleomir Primo Santana e Aêdo Laranjeiras de Santana, foram presos na manhã desta quarta-feira (15) em uma operação do Ministério Público do Estado (MP-BA) e Polícia Federal (PF). Dois ex-presidentes da Câmara de Vereadores de Ilhéus são procurados. Os dois vereadores são Tarcísio Paixão, que comandou a Casa entre 2015 e 2016, e Lukas Paiva, que presidiu o Legislativo local entre 2017 e 2018. Além deles, também são considerados foragidos um servidor da Câmara e um empresário. A ação cumpre mandados de prisão e de busca e apreensão após investigações que apontaram fraude em licitações e lavagem de dinheiro. A operação é um desdobramento da “Citrus” e é conduzida pelo Ministério Público do Estado, através da 8ª Promotoria de Justiça, e pela Polícia Federal. (BN)