A prefeitura municipal de Ubaitaba, divulgou a programação oficial do São João de Ubaitaba “Arraiá das Canoas 2018”. A festa acontecerá na Avenida Beira Rio a partir das 9h. Confira abaixo a programação completa:

SEXTA, DIA 22

Ivanildo Conceição, Zefa di Zeca, Marcos e Pablo e Cupim de Ferro

SÁBADO, DIA 23

Tia Zefa, Binho Alves, Silvânia e Paulinha, Norberto Curvelo e Boteco das Amigas.

DOMINGO, DIA 24

Chama na Catraca, Marly Brasil, A Vingadora e Larissa Gomes.

O Arraiá das Canoas é promovido pela Prefeitura de Ubaitaba com apoio da Bahiatursa/Governo do Estado.


Considerada como um dos grandes fenômenos da música baiana e um dos maiores destaques a nível nacional, a banda Psirico é uma das atrações da Micareta de Taboquinhas 2018, que acontecerá no período de 10 a 12 de agosto.

A festa marca o final dos festejos em louvor ao Bom Jesus de Taboquinhas, padroeiro do distrito. A realização do evento é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anizio, adiantou que até o final de junho serão divulgadas outras grandes atrações da Micareta de Taboquinhas. A expectativa, segundo ele, é de realizar, mais uma vez, uma das maiores e melhores festa da história do distrito. No ano passado o evento já foi destaque, levando para Taboquinhas grandes nomes da música nacional.

“Os eventos com a presença de grandes atrações no município acabam elevando a renda do comércio e das redes de hotelaria e pousadas. Também garante mais oportunidades de emprego, podendo os ambulantes terem todos os seus produtos vendidos, e desta forma tentamos ser justos com todos na melhor distribuição de renda para os cidadãos Itacareenses” destacou o prefeito. Também nos próximos dias o prefeito Antônio de Anízio vai estar entregando e anunciando importantes obras para o distrito de Taboquinhas.

Psirico é uma das maiores bandas de pagode baiano de Salvador. O grupo foi fundado no início da década de 2000, mas só obteve projeção no carnaval de 2004, com a música “Sambadinha” na voz do cantor Márcio Vitor, vocalista até os dias atuais. Ao longo de sua trajetória tornou-se um dos principais grupos de pagode do Brasil e ao lado de Harmonia do Samba e Leo Santana formam as três maiores bandas de pagode da Bahia.

Atualmente o dono da música hit do carnaval da Bahia 2018 “popa da bunda” em parceria com a banda atoxa, além de outros hits que embalaram o Brasil como: Lepo Lepo, Xenhenhem e Toda Boa. Outros sucessos também foram firmados com a participação da banda. Essa será a primeira vez que o grupo se apresenta em Taboquinhas.


Itacaré vai estar em festa nesse final de semana com a realização do 5º Forró da Praça da Bandeira, que acontecerá nesta sexta e sábado, dias 15 e 16, a partir das 21 horas. O evento terá como atrações as bandas Originais do Forró, Trio Baianado, Forró do Andrezão, Amor a Dois e Juninho dos Teclados. Tudo isso sem contar com apresentações de quadrilhas juninas, brincadeiras e comidas e bebidas típicas. A realização do evento é de Suilan Matos (Gazinha) e da comunidade da Praça da Bandeira, com o apoio da Prefeitura de Itacaré e do comércio local.

De acordo com a programação, a festa começa às 21 horas de sexta com a apresentação da quadrilha junina Vila Madalena. Em seguida será a vez da banda Trio Baianado, e logo depois Originais do Forró e Forró do Andrezão encerrando a primeira noite da festa. No sábado o Forró da Praça da Bandeira continua, começando também às 21 horas com a apresentação de Juninho dos Teclados e em seguida a Banda Amor a Dois.

Considerado como uma referência em eventos juninos na região, valorizando a cultura nordestina e o melhor do forró pé de serra, a música de raiz, o Forró da Praça da Bandeira deverá atrair um grande público de amantes da música brasileira. E para isso está sendo montada uma grande estrutura de palcos, banheiros químicos, isolamento de toda a área, sistema de segurança e monitoramento com detectores de metais, além da decoração típica dos festejos juninos.

De acordo com Suilan Matos, todo esse sucesso é resultado do esforço dos organizadores, da alegria do público e principalmente pelo apoio dos patrocinadores que acreditam na música regional e que faz questão de estar presente nos eventos e nas manifestações populares. O sucesso do Forró da Praça da Bandeira é tão grande e garantido que movimenta a cidade nesse período e já entrou para o calendário de eventos de Itacaré.


A partir das 21 horas, o Bairro Novo estará e festa e terá como atrações as bandas Tony Canabrava, Vitrine do Amor e Mazinho Sales.

O bairro Santo Antônio, em Itacaré, estará em festa nesta quarta-feira, dia 13, com as comemorações em louvor ao padroeiro do Bairro Novo.A partir das 21 horas, que terá como atrações as bandas Tony Canabrava, Vitrine do Amor e Mazinho Sales.

A realização do evento é da Prefeitura de Itacaré e da Paróquia de São Miguel Arcanjo, com o apoio da Câmara de Vereadores e do vereador Pedrão. O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, considera a festa como um importante momento de confraternização da comunidade, respeito a religião, além de garantir tradição popular. De acordo com ele, o momento é de paz, alegria e comemorações, daí a importância da participação de todos os itacareenses nesse evento de louvor e de festa.


Começa nesta quinta-feira (08), e vai até sábado (10), a primeira edição da Feira Encantos de Itacaré. Na Praça São Miguel em homenagem especial ao dia da Mulher. Haverá artesanato, moda masculina e feminina, área de alimentação e diversão para a criançada! Participe!

A NatuFarma estendera sua ação social voltada a Mulher, e também estará disponibilizando na feira Encantos os serviços de: Aferição de Pressão Arterial; Controle de Glicemia; Esclarecimento de dúvidas sobre o uso de Medicamentos.


A primeira semana do VI Festival de Dança Itacaré agitou o município entre os dias 13 e 17 de setembro, com apresentações de dança, oficinas, intervenções artísticas e rodas de conversas. O evento é uma realização da Casa Ver Arte e Comunidade Tia Marita, com apoio financeiro do Governo do Estado, através do Fundo de Cultura, Secretaria da Fazenda e Secretaria de Cultura da Bahia. A programação contou na abertura com apresentação do Balé do Teatro Castro Alves, com os espetáculos Dan e Generxs, no Centro Cultural Porto de Trás. As atividades aconteceram também no Estúdio Armondes, onde foi exibido o documentário Raimundos: Mestre King e as Figuras Masculinas da Dança na Bahia, dirigido por Bruno de Jesus, mostrando o legado deixado pelo precursor da dança afro na Bahia e no Brasil.

Nem a forte chuva com rajadas de vento da noite de quinta (14), diminuiu o brilho da programação, que teve casa lotada já no segundo dia. Dançarinos anfitriões do Núcleo da Tribo abriram as atividades no Centro Cultural com o espetáculo Toque de Guerra, emocionando a plateia. Com criação e direção de Verusya Correia e participação dos interpretes-criadores Aristides Xixito, Jamerson Santos, Miquiba Cruz, ValmilsonPericles Nascimento, a montagem denomina-se uma manifestação pela vida coletiva. Em seguida, o palco foi ocupado pelo espetáculo Nosso Lindo Balão Azul, da companhia Entretantas Conexão em Dança, de Curitiba, com criação e performance de GladisTridapalli, Ludmila Veloso, Mabile Borsatto e Raquel Bombieri. O trabalho se explica como uma brincadeira assumida com as noções de coreografia, ora dança com passos exatos na música, ora perde o compasso, e usa da repetição para transformar sua própria fisicalidade, seu próprio design.
Na manhã da sexta-feira (15), o artista e gestor cultural Jacson Santos mediou a conversa Políticas Públicas para a Dança, no Estúdio Armondes, com a participação de dançarinos e agentes culturais. Após relatar sua ampla experiência nos colegiados e instituições desse setor, ele compartilhou conhecimentos sobre a Lei Orgânica da Cultura da Bahia – Nº 12.365, de 30 de novembro de 2011 – e incentivou ações para o fortalecimento da cultura municipal.
A sexta edição do Festival prosseguiu no sábado (16), quando o palco da dança foi ocupado pelas apresentações dos espetáculos Mulata, da bailarina Wilemara Barros (Cia Dita), Solo Hibridus e Sentença, do grupo Misturarte, no Centro Cultural. No encerramento da etapa de Itacaré, domingo (17), o roteiro começou com a conversa Vivendo de Arte: Circuitos e Estratégias, dirigida por Felipe Assis, no Estúdio Armondes, e terminou com encenações do solo Pele de Foca, da bailarina Melissa Figueiredo e do espetáculo Entrelinhas, do grupo Ponto Art.
Ilhéus – Nesta sexta (22) e sábado (23), a produção do Festival de Dança Itacaré desloca-se para Ilhéus, onde apresentam o solo Mulata, da Cia Dita e o espetáculo ISTC, solo da bailarina Isaura Tupiniquim, dia 22 às 19 e 20 horas, no Teatro Municipal de Ilhéus. No sábado (23), o escritor e diretor de teatro, Pawlo Cidade, ministra oficina sobre Produção Cultural, 10 horas, na Academia de Letras. O último dia do festival será marcado pelas montagens O Crivo, do grupo Ateliê do Gesto e Da Própria Pele não há quem Fuja, encenada por ExperimentandoNus Cia. de Dança, também às 19 e 20 horas, no Teatro Municipal.
Fundo de Cultura do Estado da Bahia (FCBA) – Criado em 2005 para incentivar e estimular as produções artístico-culturais baianas, o Fundo de Cultura é gerido pelas Secretarias da Cultura e da Fazenda. O mecanismo custeia, total ou parcialmente, projetos estritamente culturais de iniciativa de pessoas físicas ou jurídicas de direito público ou privado. Os projetos financiados pelo Fundo de Cultura são, preferencialmente, aqueles que apesar da importância do seu significado, sejam de baixo apelo mercadológico, o que dificulta a obtenção de patrocínio junto à iniciativa privada. O FCBA está estruturado em 4 (quatro) linhas de apoio, modelo de referência para outros estados da federação: Ações Continuadas de Instituições Culturais sem fins lucrativos; Eventos Culturais Calendarizados; Mobilidade Artística e Cultural e Editais Setoriais.

Para mais informações, acesse: www.cultura.ba.gov.br