A bola vai rolar neste domingo, a partir das 13 horas, no Campo da Passagem, com a grande final do Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré. A realização do campeonato é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura, com o apoio da Liga Itacareense de Futebol e Câmara de Vereadores. A expectativa é de uma grande festa com a participação de todos os times que fizeram parte da competição e também da torcida para incentivar seus clubes de futebol.

A festa começa às 13 horas, quando o time da Ponte Preta vai disputar o terceiro lugar contra a equipe do São Paulo. A disputa do título será às 15 horas entre o time do São Caetano e o Havaizinho. O campeão da competição vai receber o prêmio de 5 mil reais, o segundo colocado receberá 2.500 reais, o terceiro ficará com 1.500 reais e o quarto colocado receberá como prêmio mil reais.

O Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré foi iniciado em novembro do ano passado com a participação dos times da Ponte Preta, Bairro Novo, Camboinha, São Paulo, Sampa, Filhos do Humaitá, São Caetano e Havaizinho. No total, foram mais de dois meses de muitas disputas, belas jogadas e muita diversão.

O campeonato tem como objetivo promover a integração entre os atletas locais e incentivar cada vez mais o esporte no município, além de propiciar mais opções de lazer e entretenimento na cidade. Além dos grandes atletas disputando o campeonato, a competição também tem sido sucesso de público, com a torcida prestigiando os seus times.


Depois de quase dois meses de muitas disputas e belas jogadas, o Campeonato de Futebol de Itacaré chega a fase final no próximo domingo, dia 20, a partir das 13 horas, no Campo da Passagem. A disputa do título será às 15 horas entre o time do São Caetano e o Havaizinho, que venceu o time do São Paulo pelo placar de 1×0. Antes, às 13 horas, o time da Ponte Preta vai disputar o terceiro lugar contra a equipe do São Paulo.

O time do São Caetano foi o primeiro a conquistar vaga para a grande final do Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré, uma competição que reúne oito equipes de diferentes bairros da cidade. No último domingo foi a vez do Havaizinho conquistar a segunda vaga da final, numa disputa emocionante contra o São Paulo.

O campeão da competição vai receber o prêmio de 5 mil reais, o segundo colocado receberá 2.500 reais, o terceiro ficará com 1.500 reais e o quarto colocado receberá como prêmio mil reais. A expectativa é de uma grande festa na disputa do título, contando com a participação expressiva das torcidas.

A realização do campeonato é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura, com o apoio da Liga Itacareense de Futebol e Câmara de Vereadores. Participaram da competição os times da Ponte Preta, Bairro Novo, Camboinha, São Paulo, Sampa, Filhos do Humaitá, São Caetano e Havaizinho.

O campeonato tem como objetivo promover a integração entre os atletas locais e incentivar cada vez mais o esporte no município. A competição conta com a participação de oito times. Além dos grandes atletas disputando o campeonato, a competição também tem sido sucesso de público, com a torcida prestigiando os seus times.


A bola volta a rolar neste domingo, a partir das 15 horas, no campo da Passagem, com a disputa da segunda vaga da final do Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré. Dessa vez o time do Havaizinho vai enfrentar a equipe do São Paulo. Quem vencer pega o time do São Caetano na grande final que acontecerá no próximo dia 20. E quem perder vai disputar o terceiro lugar com a Ponte Preta, também no dia 20, numa grande festa de encerramento da competição.

O time do São Caetano foi o primeiro a conquistar vaga para a grande final do Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré, uma competição que reúne oito equipes de diferentes bairros da cidade. A disputa da primeira semifinal aconteceu na tarde do último domingo, no Campo da Passagem. O São Caetano venceu a Ponte Preta pelo placar de 3×1 e já está na final. Já a Ponte Preta vai disputar o terceiro lugar. Antes da semifinal aconteceu o jogo preliminar da categoria infantil e o time da Escolinha Vila real venceu a Escolinha Humaitá pelo placar de 5×0

O campeão da competição vai receber o prêmio de 5 mil reais, o segundo colocado receberá 2.500 reais, o terceiro ficará com 1.500 reais e o quarto colocado receberá como prêmio mil reais. A expectativa é de reunir o grande público tanto na segunda semifinal do próximo domingo como na grande final da competição.

A realização do campeonato é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura, com o apoio da Liga Itacareense de Futebol e Câmara de Vereadores. Participaram da competição os times da Ponte Preta, Bairro Novo, Camboinha, São Paulo, Sampa, Filhos do Humaitá, São Caetano e Havaizinho.

O campeonato tem como objetivo promover a integração entre os atletas locais e incentivar cada vez mais o esporte no município. A competição conta com a participação de oito times. Além dos grandes atletas disputando o campeonato, a competição também tem sido sucesso de público, com a torcida prestigiando os seus times.


Depois de quase dois meses de muitas disputas e excelentes jogadas, o Campeonato Municipal de Futebol de Itacaré chega a sua fase final nesse domingo, dia 06 de janeiro, no Campo da Passagem, com a disputa entre os quatro melhores times da competição. O primeiro jogo será às 13 horas quando a Escolinha do Humaitá enfrentará e equipe do Vila Real. Em seguida o time do São Caetano vai enfrentar a Ponte Preta.

Os vencedores de cada jogo vão disputar a grande final do campeonato no próximo domingo, dia 12. O campeão da competição vai receber o prêmio de 5 mil reais, o segundo colocado receberá 2.500 reais, o terceiro ficará com 1.500 reais e o quarto colocado receberá como prêmio mil reais. A expectativa é de reunir o grande público tanto na semifinal desse domingo como na grande final da competição.

A realização do campeonato é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura, com o apoio da Liga Itacareense de Futebol e Câmara de Vereadores. Participaram da competição os times da Ponte Preta, Bairro Novo, Camboinha, São Paulo, Sampa, Filhos do Humaitá, São Caetano e Havaizinho.

O campeonato tem como objetivo promover a integração entre os atletas locais e incentivar cada vez mais o esporte no município. A competição conta com a participação de oito times. Além dos grandes atletas disputando o campeonato, a competição também tem sido sucesso de público, com a torcida prestigiando os seus times.


O supervisor de Esportes da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura da Prefeitura de Itacaré e vice-presidente da Liga Desportiva de Itacaré (LDI), Jaques Miller, apresentou esta semana, em Salvador, a documentação para a filiação da Liga junto a Federação Baiana de Futebol. O objetivo é o reconhecimento da entidade a nível estadual para que possa firmar parcerias, convênios e cooperações que possibilitem divulgar, apoiar e incentivar cada vez mais o esporte em Itacaré.

Na Federação Baiana de Futebol o representante da Liga Desportiva de Itacaré foi atendido pela técnica Thaís Galvão, que garantiu o encaminhamento da documentação para que em muito breve a LDI possa já fazer parte do quadro de filiados da entidade. De acordo com Jaques Miller, a filiação da Liga Desportiva à Federação Baiana representa um grande passo para apoiar e dar continuidade aos muitos projetos já desenvolvidos ou que estão em andamento pelo governo municipal.

O prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, comemorou a iniciativa e acrescentou que essa filiação não só reconhece e engrandece o trabalho da Liga Desportiva, como também surge para somar nesse trabalho de apoio, incentivo e valorização do esporte em todo o município.

Fundada em 2017, a Liga Desportiva de Itacaré é uma entidade civil sem fins lucrativos criada com o objetivo de dirigir, administrar, coordenar, orientar e supervisionar o desporto amador no município, proporcionando a prática de esporte aos atletas inscritos em seus respectivos clubes e lazer, entretenimento e educação à comunidade local. E em Itacaré a LDI tem exercido um papel importante na valorização e incentivo ao esporte, promovendo eventos, buscando parcerias e despertando cada vez mais novos atletas.


Já virou rotina para Isaquias Queiroz: ser premiado como Melhor Atleta do Ano no Prêmio Brasil Olímpico. Nesta terça-feira (18), no Rio, o canoísta baiano recebeu o troféu pelo terceiro ano (já havia ganho em 2015 e 2016). Ao lado dele, outra atleta da Bahia: a nadadora Ana Marcela Cunha, que também vencera em 2015. Isaquias tinha concorrentes de peso: o surfista Gabriel Medina e o skatista Pedro Barros. Mas o bicampeão mundial de surfe ainda não havia conquistado o título do circuito deste ano quando a votação da premiação foi encerrada. Barros também foi campeão mundial em 2018.

Pesou para o baiano a quantidade: foram dois títulos mundiais neste ano, no C1-500m e no C2-500m, ao lado de Erlon Souza, ambos em Portugal. “Estou muito feliz e devo tudo às pessoas que estiveram comigo esse tempo todo, em especial ao meu técnico Jesus Mórlan, que não está mais conosco”, disse Isaquias. Morlán morreu em novembro, após lutar contra um câncer. Já Ana Marcela tinha como concorrentes a jogadora de futebol Marta, eleita melhor do mundo em 2018, e a canoísta Ana Sátila, campeã mundial no Extreme K1. Mas a baiana, consagrada como melhor nadadora do planeta pela quinta vez e tetracampeã da Copa do Mundo de Maratonas Aquáticas, foi quem saiu com o troféu oferecido pelo Comitê Olímpico do Brasil (COB) nas mãos. (Giro em Ipiaú)


O jogador Itacaré e a escolinha Gol de Placa, na pessoa do professor Leleco, agradecem profundamente ao Palmeiras, clube campeão pela décima vez do Brasileirão.

O Clube realizou peneira em Itacaré no último fim de semana(07/12), e selecionou 05 atletas: 02 da escolinha de Thobeco, 02 da escolinha de Leleco e um de Coaraci. A peneira com contou com 251 garotos, entre 09 e 16 anos, sonhadores em dá um melhor futuro para sua família.Passarinho, como é chamado, foi o observador técnico do Palmeiras presente na peneira.