Os estudantes que fizeram a prova do Exame Nacional do Ensino Médio em 2016 já podem conferir seu desempenho no portal do Ministério da Educação (acesse aqui). As notas das provas de Ciências Humanas, Ciências da Natureza, Linguagens, Matemática e da Redação foram liberadas na manhã desta quarta-feira (18). As notas poderão ser utilizadas para disputa de vagas no ensino superior pelo Sistema de Seleção Unificada (Sisu), cujas datas para inscrição deverão ser divulgadas ainda nesta quarta. Em seguida ao Sisu, o MEC abrirá inscrições para o processo seletivo do Programa Universidade para Todos (ProUni), com bolsas de estudo na rede privada, a partir do desempenho do candidato no Enem e da sua situação socioeconômica. Com a nota do exame também é possível participar do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), e não há data para abertura de inscrições.


A Universidade Federal da Bahia (UFBA) vai oferecer dez cursos de pós-graduação lato sensu nas áreas de Direito, Educação, Saúde, Tecnologia e Administração na modalidade de Educação à Distância (EAD), neste primeiro semestre de 2017. Serão 1.980 vagas de especialização. O estudante tem acesso ao conteúdo utilizando a plataforma online. Segundo informações da universidade, os cursos à distância têm o objetivo de atender principalmente à demanda de formação e especialização de professores que atuam no ensino público fundamental e médio e gestores da administração pública. Entre as opções, estão sete novos cursos: Estado e Direito dos Povos e Comunidades Tradicionais (150 vagas); Educação em Direitos Humanos (120 vagas); Produção de Mídias para Educação Online (240 vagas); Educação em Gênero e Direitos Humanos (240 vagas); Saúde Coletiva, área de concentração em Saúde da Família (160 vagas); Gênero e Diversidade na Escola (100 vagas); Atividade e Saúde no Contexto da Educação Básica (90 vagas) e Gestão de Pessoas com Ênfase em Formação de Competências na Gestão Pública (200 vagas), além de três cursos que já são normalmente ofertados: Ensino da Filosofia no Ensino Médio (200 vagas); Ensino da Sociologia no Ensino Médio (280 vagas) e Gestão Pública Municipal (200 vagas). Os editais serão publicados e disponibilizados no site da SEAD (https://sead.ufba.br/), orientando para o processo seletivo que acontecerá no mês de março. A previsão é de as aulas comecem em maio de 2017, com duração de dois anos. A UFBA não divulgou a data da publicação dos editais. *Informações do G1


O objetivo do prefeito Antônio de Anízio é aumentar a oferta de vagas, garantir uma alimentação melhor para os estudantes, facilitar o acesso e melhorar instalações físicas, as condições de trabalho e garantir um ensino de melhor qualidade. “A educação é uma das prioridades da nossa gestão e já estamos trabalhando para garantir esse direito dos estudantes”, assegurou o prefeito.

As matrículas estão sendo feitas em cada unidade de ensino. A secretária de Educação, Joselita Santana, informou que na zona rural já estão atuando equipes para fazer as matrículas em todas as escolas. O objetivo é ampliar a oferta de vagas da rede municipal de Itacaré. Para isso já estão feitas recuperações das instalações e melhorias nas unidades. O prefeito Antônio de Anízio também já garantiu a colocação de ônibus escolares para transportar os alunos durante o ano inteiro, principalmente os estudantes da zona rural.

Para efetuar a matrícula estão sendo solicitados os seguintes documentos: certidão de nascimento ou RG, duas fotos 3×4, uma pasta do aluno, xerox  do comprovante de residência, do cartão do SUS, cartão de vacina, se for menor de 5 anos, e do cartão do bolsa família. Esse ano estão sendo solicitados também os documentos dos pais ou responsáveis. (Ascom/Itacaré)


Começam na segunda-feira (28) as matrículas para o ano letivo de 2017 na rede estadual de ensino. A Secretaria da Educação do Estado da Bahia divulgou o cronograma de matrícula com o objetivo de proporcionar maior comodidade e agilidade aos estudantes. A Secretaria da Educação disponibiliza o Sistema de Matrícula Online, por meio do qual os alunos, pais e/ou responsáveis, podem realizar a matrícula pela internet em Salvador e mais 26 municípios do interior. De acordo com a secretaria, o processo começa com a rematrícula a partir de segunda-feira, até 30 de dezembro, exclusivamente para os alunos que já estão matriculados, com frequência regular no ano letivo de 2016, nas escolas estaduais. A matrícula segue de 24 a 31 de janeiro de 2017 para alunos que irão mudar de escolas e alunos novos. Todos os estudantes já matriculados na rede estadual podem fazer a rematrícula pela internet. Pais, mães, responsáveis ou estudantes maiores de 16 anos, devem digitar o código na carta de renovação que o aluno recebe na escola no Portal da Educação. Esta carta de renovação deverá ser devolvida à secretaria escolar para efetivar a renovação da matrícula. (Giro em Ipiaú)


Com baixos índices de qualidade da educação, o Brasil está recrutando futuros professores entre os piores alunos do ensino médio.O resultado pode ser observado em levantamento feito pelo Inep, instituto ligado ao Ministério da Educação, sobre as notas obtidas no Enem por calouros de diferentes cursos universitários.Os dados revelam que 19,1% dos candidatos do Enem 2014 que ingressaram em uma graduação de pedagogia no ano seguinte não conseguiriam sequer um certificado de ensino médio com a nota do exame. Tiraram até 450 pontos, considerando-se a média aritmética das quatro provas objetivas e da redação.Para obter um certificado de ensino médio —possibilidade aberta a pessoas com mais de 18 anos e fora da escola—, é preciso tirar 450 pontos em cada prova e 500 na redação. Mais, portanto, do que esse grupo de quase 1 em 5 futuros professores.O parâmetro de 450 pontos foi adotado pelo Inep em 2014 após o instituto constatar que essa já é, em regra, a “nota de corte” praticada pelas escolas de ensino médio para passar os alunos de ano. (Folha de São Paulo)


O Ministério da Educação divulgou, nesta terça-feira (22), os novos locais de prova para os alunos que farão o Exame Nacional do Ensino Médio nos dias 3 e 4 de dezembro. Os Inscritos que farão a segunda aplicação do Enem 2016 já podem consultar locais de prova na Página do Participante.

É necessário informar CPF e senha antes de visualizar o cartão de confirmação. Quem esqueceu a senha deverá entrar na Página do Participante do Enem para recuperá-la, informando o CPF e a data de nascimento.

Após a solicitação, é necessário aguardar o encaminhamento da senha por e-mail ou mensagem no celular (SMS), para realizar o novo acesso.

No total, 277.624 pessoas não participaram da aplicação regular por conta das ocupações de escolas de educação básica e instituições de ensino superior. O volume de afetados corresponde a 3,21% do total.

Só não haverá a segunda aplicação de prova no Acre, Amazonas, Amapá e Roraima. Os estados com o maior volume de inscritos previstos para a segunda aplicação são Minas Gerais (72.302), Paraná (43.617), Bahia (37.927) e Espírito Santo (23.486).

Comunicação

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) enviou SMS e e-mail a todos os inscritos autorizados para participar dessa segunda aplicação para informar sobre a liberação dos novos Cartões de Confirmação.

A verificação dos cartões é de responsabilidade dos inscritos e pode ser realizada na internet, por meio da Página do Participante e também pelo Aplicativo Enem 2016.

Entretanto, em função de uma política estabelecida pelas lojas de aplicativo, apenas será possível visualizar os dados pelo aplicativo dentro do prazo de oito dias úteis.

A cada três dias, novos lembretes serão enviados por SMS e e-mail para quem ainda não tiver verificado seu local de prova, para garantir a tranquilidade de todos os participantes.

É importante que os inscritos visitem o local de provas com antecedência e, nas datas do exame, não se esqueçam de levar documento original com foto e caneta de tinta preta fabricada em material transparente.

A apresentação do Cartão de Confirmação nos dias de prova não é obrigatória. Entretanto, o documento tem informações como número de inscrição, data, local e horário de realização das provas, opção de língua estrangeira, necessidade de atendimento especializado ou específico, além da indicação de solicitação de certificação do ensino médio (se for o caso). (Agravo)


O gabarito do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) foi divulgado nesta quarta-feira (9), pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), órgão ligado ao Ministério da Educação. O gabarito oficial está disponível aqui. A divulgação das notas está prevista para 19 de janeiro. O Enem 2016 foi aplicado nos últimos dias 5 e 6 em todo o país, com exceção das escolas que estão ocupadas. Cerca de 271 mil estudantes farão a prova em 3 e 4 de dezembro por causa dos movimentos. De acordo com o G1, os novos locais de prova para candidatos que farão a prova em dezembro devem ser divulgados apenas na próxima semana. (G1)