Neste dia 04, às 20:00h, o NRS- SUL confirmou o segundo paciente com a Covid-19, doença causada pelo Coronavírus, em Uruçuca. O paciente estava internado no HRCC, desde o dia 01/04, com uma dor abdominal. Ao realizar exames de imagem, levantou-se a suspeita, e foi realizado a coleta Covid-19. O resultado positivo foi emitido hoje, pelo LACEN. O paciente recebeu alta hospitalar, já está em casa e em isolamento domiciliar junto com seus familiares.

A vigilância epidemiológica já adotou todos os protocolos necessários para a situação. A recomendação é que todos continuem adotando todas as medidas para se precaver e que monitorem possíveis sintomas da doença.

O Prefeito Moacyr Leite Júnior reforça a recomendação para que todos continuem a adotar as medidas de precaução e monitorando possíveis sintomas da doença. O Prefeito destaca, ainda que, por meio do comitê de crise, vem monitorando a situação do município e tomando medidas mitigatórias para evitar o contágio desenfreado da doença. (Ichocolate)


O Laboratório Central da Bahia – Lacen, confirmou neste sábado, 4, o primeiro paciente com a Covid-19, doença causada pelo Coronavírus, em Uruçuca. O paciente, sentiu os primeiros sintomas no dia 24 e permaneceu em isolamento domiciliar desde esta data. A vigilância epidemiológica do Município já adotou todos os protocolos necessários para a situação e mais detalhes serão passados posteriormente.

O Prefeito Moacyr Leite Júnior reforça a recomendação para que todos continuem a adotar as medidas de precaução e monitorando possíveis sintomas da doença. O Prefeito destaca, ainda que, por meio do comitê de crise, vem monitorando a situação do município e tomando medidas mitigatórias para evitar o contágio desenfreado da doença. (Ipolítica)


A cidade de Itapetinga teve o primeiro caso do novo coronavírus confirmado nesta sexta-feira (3). A informação foi confirmada pelo prefeito do município durante uma live na noite de sexta (ver no youtube). O teste foi realizado no Laboratório Central (Lacen), após a vítima dar entrada na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), na última quarta-feira (1), e falecer. Rafaela de Jesus Silva de 28 anos tinha quadro de insuficiência respiratória, fortes dores de cabeça e febre. Diante do quadro grave e do óbito repentino, a Secretaria Municipal de Saúde fez a coleta do material para teste de COVID-19 e encaminhou para o Lacen, que confirmou o diagnóstico de Coronavírus nesta sexta-feira (3). Informações Giro em Ipiaú.


A Bahia registrou nesta sexta-feira (03) a quarta morte de uma pessoa com diagnóstico positivo para coronavírus. O paciente era um homem de 79 anos que estava internado no Hospital Cárdio Pulmonar, em Salvador, desde o último dia 15. A informação foi confirmada pela unidade médica e também pela Secretaria estadual de Saúde (Sesab), por meio de notas divulgadas nesta manhã. As quatro mortes de pacientes com coronavírus confirmadas pela Sesab ocorreram na capital baiana.


A secretaria de saúde confirmou, há pouco, o 8º caso de coronavírus em Ilhéus. De acordo com a vigilância epidemiológica, o paciente é do sexo masculino, tem 43 anos, e contraiu o vírus em São Paulo.

A Vigilância informou que o homem encontra-se em isolamento total cumprindo rigorosa quarentena, sob o suporte da secretaria municipal de saúde, informou o FRN.


A Secretaria da Saúde do Estado da Bahia (Sesab) confirmou, no final da tarde desta quarta-feira (1º), mais 29 novos casos de contaminação pelo novo coronavírus no estado. Com isso, o total de casos confirmados no estado totaliza 246, o que representa 3,8% do total de casos notificados. Os casos confirmados estão distribuídos em 32 municípios do estado. Este número contabiliza todos os registros de janeiro até as 17 horas desta quarta-feira (1º). Ao todo, 34 pessoas estão curadas e 33 estão internadas.

As cidades de Ipiaú, Barra do Rocha e Vitória da Conquista tiveram o primeiro caso confirmado nesta quarta-feira pela Sesab. Já as cidades de Brumado, Camaçari, Feira de Santana, Ilhéus e Salvador tiveram aumento no número de casos, com maior proporção para a capital baiana, que passou de 132 para 153.

Ainda de acordo com a Sesab, de 27 a 01/04, 141 pacientes com suspeita de COVID-19 estão internados em hospitais do estado. Em comparação ao boletim de segunda-feira (31), houve uma queda, quando tinha 149 casos. Esse número segunda-feira correspondia a 92. Segundo o órgão, o município de Catu não possui casos confirmados de Covid-19. A informação tinha sido divulgada pela Sesab na terça-feira (31), mas o paciente mora em Camaçari.


Mais um boletim foi divulgado na tarde desta terça-feira(31) pela Secretaria de Saúde de Itacaré e o município permanece sem registrar nenhum caso confirmado de coronavírus. De acordo com o boletim, foram 10 casos notificados, zero casos confirmados, nove casos descartados e um caso aguardando resultado. Também foram registrados 19 casos que estão em monitoramento (isolamento domiciliar), aguardando a realização dos exames.

Um dos casos negativos é o de um morador de rua que foi acolhido pela Secretaria de Desenvolvimento Social e foi colocado em uma casa da Prefeitura de Itacaré, situada na Ladeira Grande, com suspeita da doença. Os exames coletados e os resultados mostraram que o morador de rua não apresenta a doença. Mesmo assim, ele continuará sendo assistido pela Prefeitura, até que seja encontrada a família e transferido para a sua cidade de origem.

O município continua em estado de alerta e adotando todas as medidas necessárias de prevenção ao coronavírus, mesmo não tendo sido registrado até o momento nenhum caso confirmado da doença na cidade. A Prefeitura de Itacaré também encaminhou um ofício ao Governo do Estado da Bahia solicitando o envio de mais kits para a coleta de exames para que o município possa fazer a coleta com mais rapidez de todos os casos considerados suspeitos.

Mesmo sem casos registrados da doença, o prefeito de Itacaré, Antônio de Anízio, reafirmou que o município vai continuar com todas as medidas de proteção e vigilância contra o coronavírus. Ele solicitou que a comunidade continue em estado de alerta, principalmente nesse momento onde as projeções mostram que será o pico da contaminação do coronavírus em todo o Brasil. Uma das medidas para evitar que o coronavírus entre na cidade foi a criação da barreira sanitária no quilômetro-06, fazendo a medição de temperatura e evitando a entrada de pessoas com casos suspeitos da doença.