O canoísta ubaitabanse Isaquias Queiroz começou a segunda etapa da Copa do Mundo de canoagem, disputada na Hungria, com medalha. Ele levou a medalha de prata ao concluir a prova do C1 1000m, neste sábado (27), com o tempo de 3m46s424.

A prova da canoa individual na distância de 1000 metros contou com nove participantes e teve como vencedor o tcheco Martin Fuksa, que cruzou a linha de chegada em 3m45s624. O polonês Tomasz Kaczor completou o percurso em 3m47s208 e ficou com a medalha de bronze.

Já na semifinal do C1 200m, Isaquias ficou apenas com a quarta posição e não conseguiu se classificar para a decisão, que será disputada no domingo (28).

Essa foi a primeira competição intercontinental do baiano desde que conquistou três medalhas olímpicas, em agosto, no Rio-2016. Depois das conquistas olímpicas, ele ainda disputou o Campeonato Sul-Americano e ganhou cinco medalhas de ouro.

Outros baianos
No C2 500m, os baianos Erlon de Souza e Maico Ferreira não conseguiram vaga para a final. Os dois terminaram a prova em 5º. Já no C1 200m feminino, a baiana Andrea dos Santos ficou em 2º lugar na semifinal e disputa a decisão no domingo (28). Ela também está na final do C2 200m e do C2 500m, ambas ao lado da paulista Ângela Aparecida e que ocorrem no mesmo dia. (Correio 24hrs)


 

O governador Rui Costa anunciou, por meio do Facebook, na noite desta sexta-feira (26), a convocação de 2.410 universitários inscritos para estágio no Programa Partiu Estágio. Os estudantes foram comunicados pelo e-mail informado no ato de inscrição e também podem consultar a relação dos selecionados no site da Secretaria da Administração (Saeb).

“Adotamos o critério de priorizar os alunos que fizeram o ensino básico na escola pública e inscritos no CadÚnico. No dia 13, faremos a assinatura do contrato para dar ingresso a esses jovens que terão a oportunidade de reforçar seu aprendizado nos órgãos e empresas públicas do Estado”, afirmou Rui.

No e-mail recebido, constam informações sobre a necessidade de comparecer ao órgão ou entidade em que ele irá estagiar, munido de documentos pessoais. O prazo de comparecimento ao local de estágio é de 10 dias úteis, a contar da data de recebimento do e-mail convocatório.

O Programa Partiu Estágio garante o acesso de jovens universitários que ainda não conseguiram se inserir no mercado de trabalho. É prioritário para estudantes inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais (CadÚnico) e para aqueles que tenham estudado todo o ensino médio em escola pública ou com bolsa integral na rede privada.

Documentos – O estudante precisa ficar atento aos documentos exigidos para começar a estagiar. Serão solicitados os seguintes documentos: comprovante de residência; original e cópia da Carteira de Identidade (RG); original e cópia do Cadastro de Pessoa Física (CPF); original e cópia de carteira de identidade do representante legal, ou do termo de guarda expedida por autoridade judicial, se for o caso; declaração da instituição de ensino informando o semestre letivo, o turno de estudo, o curso de formação e sua natureza presencial; e comprovante de matrícula e frequência na instituição de ensino.

É preciso apresentar ainda declaração própria de que não exerce atividade remunerada em órgão público; original e cópia do título de eleitor, se for o caso; original e cópia do certificado de reservista, se for o caso; Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS); comprovação de inscrição no CadÚnico, se for o caso; histórico escolar do Ensino Médio; declaração da escola em que cursou o ensino médio, como bolsista integral, se for o caso; e e-mail convocatório emitido pelo sistema.

Conforme consta no edital do programa, o estudante que, na data da contratação, não apresentar a documentação exigida perderá a vaga de estágio.


Estudantes, professores, orientadores e coordenadores pedagógicos, pais e profissionais das mais diversas áreas participaram na manhã desta quinta-feira de uma caminhada pelas ruas de Itacaré para marcar o Dia Nacional de Combate ao Abuso e Exploração Sexual Contra Crianças e Adolescentes. O evento contou com o apoio das secretarias de Assistência Social, de Educação e de Juventude, Esporte e Cultura, Conselho Tutelar e Polícia Militar. A concentração foi em frente à Escola Municipal Maria Benjamina, seguindo pelas ruas do centro da cidade. Por onde passava os participantes da caminhada recebiam o apoio da comunidade.

O objetivo foi denunciar os casos alarmantes de abusos sexuais envolvendo crianças e adolescentes e o quanto a sociedade pode coibir esses crimes. Com faixas, cartazes e palavras de ordens, alunos e professores conclamaram toda a comunidade para se engajar nessa luta. Para isso basta denunciar. De acordo com os organizadores do evento, a cada dia milhares de crianças e adolescentes são abusados e explorados sexualmente e muitas vezes os casos ficam impunes porque os criminosos não são denunciados. Em Itacaré, segundo eles, também ocorrem diversos casos de abuso sexual.

Para denunciar basta ligar para o “Disque 100”, criado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República, um serviço de recebimento, encaminhamento e monitoramento de denúncias de violência contra crianças e adolescentes. O Disque 100 funciona diariamente das 8 às 22 horas, inclusive aos finais de semana e feriados. As denúncias são anônimas e podem ser feitas de todo o Brasil por meio de discagem direta e gratuita para o número 100; e do exterior pelo número telefônico pago 55 61 3212-8400 ou pelo endereço eletrônico: [email protected]

O “Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual de Crianças e Adolescentes” foi instituído a partir da aprovação da Lei Federal nº. 9.970/2000. No dia 18 de maio de 1973, uma menina de 8 anos foi sequestrada, violentada e cruelmente assassinada no Espirito Santo. Seu corpo apareceu seis dias depois carbonizado e os seus agressores, jovens de classe média alta, nunca foram punidos. A intenção do 18 de maio é destacar a data para mobilizar e convocar toda a sociedade a participar dessa luta e proteger nossas crianças e adolescentes. A data reafirma a importância de se denunciar e responsabilizar os autores de violência sexual contra a população infanto-juvenil. (Secom/Itacaré)


A Micareta de Feira é a maior festa de rua da Bahia, perdendo apenas para o Carnaval de Salvador, e atrai um multidão de pessoas que aproveitam ao máximo a ótima programação do evento.

Neste ano, a realização será entre os dias 18 e 21 de maio de 2017, diferente do ano passado que aconteceu em abril.

Quem vai ter a missão de abrir oficialmente a Micareta de Feira de Santana 2017, na quinta-feira, 18, será o Trio da Cidade. A grade oficial da festa momesca foi divulgada pela Secretaria de Cultura, Esporte e Lazer.
O Trio da Cidade é composto exclusivamente por artistas feirenses, comandados pela maestrina Celiah Zaiin. Eles iniciam a festa a partir das 19h. No mesmo dia teremos a apresentação de Tayrone, É O Tchan, Oz Bambas, Duas Medidas, Chicabana e mais nove atrações.

Na sexta-feira (19) o bloco As Poderosas começa o desfile a partir das 19h. Logo após, a banda Jammil entra no circuito Maneca Ferreira. Neste dia, 18 atrações fazem a folia, dentre elas: Saulo, Amanda Santiago, Armandinho, Dodô e Osmar, Bailão do Robssão e muitos outros.

O sábado de Micareta, 20, será o dia de mais atrações: 33 no total – entre blocos e pipoca. A festa neste dia também começa mais cedo, a partir das 11h. Como de costume, o sábado reserva os desfiles de blocos tradicionais como o Bacalhau Na Vara, comandado pela Dilma Ferreira e o Lá Vem Elas, que terá o Léo Santana. Para o folião pipoca teremos a apresentação de Alinne Rosa, Pablo, Edson Gomes, Banda Eva e Psirico.

Já com clima de despedida, o projeto Ginga Menino inicia os desfiles do domingo (21) a partir das 11h. Timbalada, Cheiro de Amor, Igor Kannário e Léo Santana fecham a festa. A Micareta de Feira de Santana será realizada entre os dias 18 e 21 de maio.


Ilhéus e Itabuna estarão no Fantástico, da Rede Globo, neste Domingo das Mães. Por motivos distintos. Ilhéus será alvo de reportagem sobre o golpe que rendeu R$ 25 milhões a um grupo acusado de fraudar licitações e até servir, na merenda escolar, carne com data de validade vencida há dois anos.

Já Itabuna, aparecerá por outro motivo, a adoção das Constelações Familiares, que envolve mediação de conflitos entre familiares. A iniciativa, no município, é coordenada pelo juiz Sami Storch, titular da 2ª Vara da Família da Comarca de Itabuna.

A reportagem falará dos resultados obtidos pelo projeto, que também atende adolescentes em conflito com a lei. Storch foi um dos primeiros magistrados brasileiros a levar para o Judiciário a iniciativa que pretende humanizar as práticas no âmbito da Justiça.

Sami Storch começou a adotar a prática em 2012, na Comarca de Castro Alves, também na Bahia. Já ali, o índice de conciliação chegava a 91%, quando uma das partes participou da dinâmica. Nas audiências simples, sem a prática, cai a 73%.

Os processos chegaram a 100% de resultado positivo quando as partes participaram do Constelação, segundo o magistrado, que anunciou a dinâmica também para processos de inventários, que são mais demorados. Pimenta/Redação com CNJ.


A secretaria de Turismo de Itacaré está em Salvador, no Mesa Ao Vivo Bahia, evento da conceituada Revista Prazeres da Mesa, divulgando o 4° Festival Gastronômico “Sabores de Itacaré”, que por mais um ano promete movimentar Itacaré, desta vez no próximo mês de Julho, entre os dias 13 a 23.

Conheça um pouco sobre o Mesa ao Vivo Bahia, e o que já aconteceu.

O evento que é promovido pela revista Prazeres da Mesa, co-realização do Hotel Sheraton da Bahia, apoio educacional do Senac e patrocinado pelo sistema de cartões  Rede, o evento terá como tema “Gastronomia e Turismo: ingredientes para uma Bahia mais forte”.

O MESA Ao Vivo é uma das ações do Mundo Mesa. O evento, que começou em São Paulo há 13 anos,  expandiu-se para Pernambuco, Ceará, Paraná, Distrito Federal, Bahia, Serra Gaúcha e Rio Grande do Sul, além da edição internacional em Portugal. Na programação que conta com palestras, aulas e degustações, o público fica cara a cara com grandes cozinheiros e aprende seus truques e histórias nas criações da mais variadas receitas. Além disso, é possível observar a construção da principal publicação de gastronomia do Brasil – toda a programação oferecida ao público se transforma em material editorial pelas mãos e lentes dos repórteres da revista Prazeres da Mesa, concluindo assim, in loco, uma publicação especial que irá às bancas logo após o evento.

Com aulas ao vivo com renomados chefs brasileiros como Thomas Troisgros (Olympe – Rio de Janeiro), Beto Pimentel (Paraíso Tropical – Salvador), Edinho Engel (Manacá – Camburi), Marcos Livi (Veríssimo e Quintana – São Paulo), Guga Rocha (chef consultor e apresentador de TV), Fabrizio Abbate (Don Fabrizio – Arraial D’Ajuda), Carole Crema (Carole Crema Doces – São Paulo), Tim Vianna ( Restaurante Genaro de Carvalho, Hotel Shertaton da Bahia), Elia Schramm ( até recentemente no restaurante Laguiole – Rio de Janeiro) e Fabricio Lemos ( Restaurante Origem – Salvador).

Programação completa do evento:

Quinta-feira Dia 11.

A programação começa no dia 11, às 20h30, com um Jantar Magno no restaurante Genaro de Carvalho, no Hotel Sheraton da Bahia. O edifício, tombado como Bem Cultural do Estado, possui várias obras de arte, incluindo Carybé e azulejaria de Paulo Antunes na fachada, além do painel grandioso pintado por Genaro de Carvalho na parede do restaurante que leva seu nome.

Neste ambiente único de Salvador, o chef  anfitrião Tim  Vianna dividirá a cozinha com Thomas Troisgros, que recentemente teve seu restaurante Olympe listado entre os 100 Melhores do Mundo, pelo 50Best Restaurants, Marcos Livi, Beto Pimentel e Edinho Engel. O menu começa com receita de Troisgros (Ricota com beterreba, legumes no vinagre e mel) e Beto Pimentel (Moqueca Vegetariana) como entradas. Para os pratos principais, Edinho Engel preparará  Peixe em crocante de coco, purê de pupunha, coulis de tomates e azeite de coentro, enquanto Marcos Livi fará Cordeiro Pinhão e Brotos. Para encerrar, o chef da casa oferecerá Quindim com tuille de Castanhas Licuri, couli de tamarindo e farofinha de beterraba.

Sexta-feira Dia 12.

A grade de aulas tem início dia 12 no Auditório principal às 12h com o chef mais icônico da Bahia, Beto Pimentel, e termina às 18h com Edinho Engel, chef paulista que se tornou um desbravador local através do charmoso restaurante Amado. Mais de 10 aulas correm simultaneamente por dia em mais duas cozinhas onde chefs convidados de toda Bahia demonstram o preparo de seus pratos e oferecem uma mini degustação aos participantes. E na Adega do Hotel Sheraton, várias degustações de vinhos serão guiadas por especialistas.  Ricardo Castilho, diretor da revista Prazeres da Mesa e enófilo, comandará uma degustação com os mais icônicos Vinhos Brasileiros em dois capítulos – um no dia 12 e outro no dia 13.

O dia termina com o segundo Jantar Magno, quando o chef da casa Tim Vianna recebe os chefs Elia Schramm, a patissier e chef Carole Crema, Fabricio Lemos, Guga Rocha e Don Fabrizio. No jantar com cinco etapas, Guga Rocha prepara a primeira entrada – Marinado de camarão, carne de coco verde e biri biri com croutons de tapioca ao molho de moqueca de lambreta – e Don Fabrizio, a segunda – Queijo coalho grelhado com desfiado de porco javali em leito de creme de abacate e pupunha. Serão três pratos principais e o primeiro é vegetariano, receita de Tim Vianna – Pappardelle partenossa: pasta fresca de cacau do sertão al aceto del tartufo e sal vulcânico -, o segundo é de  Elia Schramm – Peixe com pirão de vatapá e farofa molhada de banana – e o terceiro é  de Fabricio Lemos –  Carne do Sol, Bernaise de umbu-cajá, cogumelos locais, purê de cebola, carvão de aroeira. Para finalizar, a confeiteira de São Paulo Carole Crema oferecerá Bolo de coco gelado, compota de frutas do nordeste e crocante de beiju.

Sábado Dia 13.

No último dia de aulas, 13 de maio, uma das mais festejadas chefs da nova cozinha baiana, Teresa Paim, do restaurante Casa de Teresa, abre a programação no auditório às 12h. No fim do dia, a divertida e competentíssima Carole Crema, uma das protagonistas do programa “Que Seja Doce”, da GNT e patissier do Carole Crema Doces,  encerra as palestras no Auditório principal, às  18h.

Nos dois dias, os visitantes poderão aproveitar o “Melhor das Cidades”, das 18h30 às 20h, no foyer do hotel, onde estações de estabelecimentos locais oferecem suas criações ao público.