O Bloco Sensação que completa este ano, 14 anos de avenida no carnaval de Itacaré. Informa a todos que dentro de alguns dias já estarão á venda as camisas do bloco para este carnaval. Ao custo de R$: 25,00 e a casadinha R$: 40,00. Corra e garanta logo a sua!!!

Inspirados na Copa do Mundo da Russia, a diretoria do Bloco Sensação divulgou nesta quarta-feira (17), a camisa do bloco para o carnaval de Itacaré 2018.

De acordo com a produtora Aninha Baraúna, o  Bloco sairá  no domingo 11 de fevereiro às 18 horas e a concentração está prevista para  às 17 horas na Praça do Canhão. O Bloco na sua 14ª edição  é a Sensação do Carnaval de Itacaré  com muita gente bonita, organização e seguranças para os foliões. 


Promovido pelo Sindicato Patronal de Hospedagem e Alimentação (SPHA) de Itacaré, o evento foi realizado na última semana na Casa dos Conselhos, um espaço da administração municipal de Itacaré. A palestrante foi a assessora jurídica da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA), Lirian Soares, que falou a uma plateia atenta que aproveitou a oportunidade para tirar as dúvidas sobre a nova legislação que entrou em vigor no mês de novembro de 2017.

“Nesse novo momento da legislação trabalhista, com profundas modificações nas convenções coletivas de trabalho, a participação das empresas nas negociações coletivas com o sindicato patronal, bem como no dia a dia do sindicato, é de fundamental importância para que possam receber as informações necessárias para a melhora das relações trabalhistas”, afirma Lirian Soares. Fonte: SPHA.

 


Foi apresentado e discutido na manhã desta quinta-feira, o projeto de requalificação da Orla de Itacaré.

Empresários, secretários municipais, vereadores e representantes dos mais diversos segmentos da comunidade de Itacaré participaram na manhã desta quinta-feira (18), da reunião promovida pelo Prefeitura Municipal, através da Secretaria de Desenvolvimento Urbano, que discutiu o projeto de requalificação da avenida Castro Alves (Antônio Athanásio dos Santos). Durante o encontro a comunidade teve a oportunidade de conhecer não somente os detalhes da obra, como também apresentaram sugestões, propostas e alterações no projeto.

O secretário de Desenvolvimento Urbano da Prefeitura, Ademar Sá, explicou que o objetivo do encontro era justamente esse de ouvir a comunidade para receber sugestões. Agora o projeto será sistematizado, observando essas sugestões e as limitações de espaço da orla, para que depois seja apresentado à Caixa Econômica Federal para autorizar a licitação da obra. Representando o prefeito Antônio de Anízio, o vice-prefeito Genilson Souza reafirmou que ao realizar esses debates e encontros o Governo Municipal dá mais uma demonstração clara de uma gestão aberta, democrática e participa.

A previsão é de que as obras sejam iniciadas ainda esse ano. Na semana passada o prefeito Antônio de Anízio assinou o contrato entre a Caixa Econômica Federal e a Prefeitura Municipal para as obras de requalificação completa da avenida Castro Alves. Os recursos para essa obra são do Ministério do Turismo, conseguidas através de duas emendas parlamentares, sendo uma no valor de R$ 492.500,00, de autoria do deputado federal Nelson Pelegrino, e a segunda no valor de R$ 641.000,00 do deputado federal Ronaldo Carleto.

De acordo com o prefeito Antônio de Anízio, essa obra vai mudar a cara da cidade, junto com outros serviços de requalificação que já estão sendo feitos em Itacaré. Em 2017, já no primeiro ano de governo, foi iniciada e concluída as obras de requalificação da rua Pedro Longo, no bairro da Pituba, dando um novo visual à cidade e recebendo elogios dos itecareenses e turistas. Além da melhoria da Praça Santos Dumont, conhecida como Praça dos Cachorros.

Em breve serão iniciadas as obras de pavimentação, incluindo a rua e passeios da Ladeira da Concha e da rua da Praia da Concha. Essa obra já foi licitada e está aguardando apenas a liberação da Caixa Econômica Federal para que seja emitida a ordem de serviço autorizando o início dos trabalhos. Os recursos são do Ministério do Turismo a partir de uma emenda do deputado Bebeto Galvão.


A tradicional festa em louvor ao Senhor do Bonfim, padroeiro do distrito de Água Fria, em Itacaré, será iniciada nesta sexta-feira  (19), com o novenário na igreja católica da comunidade, e até o dia 27 de janeiro serão realizadas celebrações todas as noites, dedicadas a cada segmento da sociedade. Esse ano o tema central da festa é “Cristãos, leigos e leigas, sujeitos na Igreja em Saída, a serviço do Reino: Sal da terra e luz do mundo”.

De acordo com a programação, o ponto alto dos festejos será no domingo, dia 28, com a realização da tradicional alvorada às 5 horas da manhã, seguindo de missa solene às 10 horas da manhã, celebrada pelo Padre Ednaldo Cardoso, e procissão, encerrando com a bênção do Santíssimo Sacramento.

Paralelo aos festejos religiosos também acontecerão shows nos dias 27 e 28 com as bandas Raneychas, Pancadinha, Marzinho, Zé da Véia, JP no Capricho e Kuarto Light. A realização é da Prefeitura de Itacaré, através da Secretaria de Juventude, Esporte e Cultura.

De acordo com a programação, no sábado, dia 27, a festa começa às 21 horas com a banda JP no Capricho, seguindo às 23 horas com Raneychas e encerrando a primeira noite de festas com Pancadinha. No domingo, dia 28, os festejos começam mais cedo, às 17 horas, com Marzinho, seguindo com Zé da Véia e Kuarto Light. A proposta é de realizar uma grande festa, garantindo a tradição e promovendo a alegria e muita paz.


Doença infecciosa, de gravidade variável e causada por um arbovírus (vírus transmitidos por mosquitos), a Febre Amarela vem preocupando muita gente no Estado de São Paulo. Foram confirmados 29 casos de febre amarela silvestre desde janeiro de 2017, segundo a Secretaria da Saúde. Foram registradas 13 mortes no período. Ao contrário do que muitos pensam os macacos não transmitem a doença. A febre amarela é transmitida pela picada dos mosquitos transmissores infectados e a transmissão de pessoa para pessoa não existe. Basta que uma pessoa infectada na região onde vivem os hospedeiros do vírus, sirva de fonte de infecção para o Aedes aegypti nas cidades. Segundo o Ministro Ricardo Barros (Saúde) é o pior surto da doença no país, cerca de 3.500 casos da forma silvestre foram notificados em 2017. Veja o mapa anexo.
Diagnóstico
É possível diagnosticar a doença depois de realizar exames laboratoriais. Os testes oferecidos pela EUROIMMUN são baseados na metodologia de imunofluorescência indireta e permitem a detecção de anticorpos IgM e IgG contra o vírus causador da febre. Com sensibilidade e especificidade próximas de 95%, o teste de diagnóstico da febre amarela da EUROIMMUN oferecem resultados de alta qualidade e confiabilidade.
Prevenção
A vacinação é o principal meio de prevenção. A coordenadora do programa municipal de imunização de São Paulo, Maria Ligia Nerger, diz que moradores do centro de São Paulo “não têm como entrar em contato com o vírus”, já que o vírus está sendo transmitido na sua forma silvestre – nas matas – e não urbana, de qualquer maneira, combater o mosquito Aedes aegypti nas cidades é uma medida de extrema importância para evitar surtos da doença nas áreas urbanas. Por isso, ninguém pode descuidar das normas básicas de prevenção. São elas: eliminar os focos de água parada que possam servir de criadouro para os mosquitos, e usar repelentes de insetos no corpo e nas roupas para evitar as picadas. (Giro em Ipiaú)

Quase 3,6 milhões de trabalhadores da iniciativa privada nascidos em janeiro e fevereiro e de servidores públicos com inscrição de final 5 podem sacar, a partir de hoje (18), o abono salarial dos programas de Integração Social (PIS) e de Formação do Patrimônio do Servidor Público (Pasep) referentes ao ano-base 2016. O Ministério do Trabalho informou que, neste sétimo lote, serão liberados R$ 2,671 bilhões para o pagamento de benefícios que variam de R$ 80 a R$ 954, de acordo com o tempo de trabalho no ano-base. O valor referente ao PIS deve ser retirado em agências da Caixa Econômica Federal e, ao Pasep, em agências do Banco do Brasil. O abono salarial ano-base 2016 começou a ser pago em 27 de julho de 2017 e, até o final do ano, foram liberados recursos para trabalhadores privados nascidos de julho a dezembro e para servidores públicos com finais de inscrição de 0 a 4. Dados preliminares mostram que já foram pagos R$ 8,11 bilhões a 11,07 milhões de trabalhadores, o equivalente a 45,17% dos mais de 24,5 milhões de beneficiários que têm direito ao abono. *Agência Brasil